sábado, dezembro 29, 2007

Chuva e sol...

Hoje aproveitei o sabado pra passear na Liberdade - comi pastel e tomei suco de caju na Yoka, fiz comprinhas na mercearia Oriental e pesquisa de preço nas lojinhas super-hiper-abarrotadas de clientes. Adoro passear na Liba, é meu passeio favorito! E no dia 31 tem o Motitsuki Matsuri, nao perca!!

Tambem trabalhei nos projetos do Centenario e verifiquei os detalhes finais das minhas ferias!! Sim, de 02 a 06/01 estarei de ferias, tomando muito sol e sorvete na praia, e meditando na beira do mar. Tudo isso pra ter muuuuuuuuita energia em 2008. Logico que nesses dias, nao blogarei, mas prometo passar um resumo depois.

Ontem levei minha cachorrinha, sasha, no vet. porque ela anda muito estranha. No hemograma nao saiu nada de errado. Desconfio que o problema esteja na cabecinha peluda dela!! Bjs

sexta-feira, dezembro 28, 2007

Back in blog?!?

Nossa, passei mais de 1 mês sem escrever. E foi por falta de condições mesmo. Nos últimos tempos, acordo as 8 da manhã e das 9 em diante fico até de noite trabalhando, trabalhando, trabalhando. Sem almoçar, sem tomar água, sem tomar sol, sem comer. Tsc tsc...pelo jeito, não vai ser fácil coordenar Centenário e ser blogueira ao mesmo tempo.

Nesse tempo todo aconteceram coisas super legais comigo: fui em restaurantes bacanas, muitas reuniões importantes, muitos projetos legais, muitos eventos beneficentes, escrevi uma pá de releases, e até conheci o Mauricio de Souza! Tirei foto com ele e tudo – hihi. E hoje fui jantar no restaurante Gombê, na Liberdade, numa reunião. Acredita que encontrei a C? Esse mundo é muuuito pequenino mesmo.

E então, como foi seu Natal? O meu Natal foi muito bom, ganhei muitos presentes, e presenteei também. Agora estou tomando mil tipos sucos de frutas com o que sobrou da ceia na casa do meu namorado (por exemplo, o suco que estava tomando agorinha tinha pêra, pêssego, uva e morango, tudo batido no liquidificador. Muita vitamina de forma pratica e util).

O mais legal foi que eu sonhei com a minha batian na noite de Natal. Ela estava com meu ditian, tomando conta da minha cachorrinha que morreu, a Gaia. Meu ditian está vivo, mas não está morando aqui em SP. A Gaia era simplesmente minha melhor amiga, e até hoje sinto muita falta dela. E no meu sonho, a minha batian estava bem, saudável e feliz.

O ser humano é cheio de mistérios. E isso que é o mais legal nos sonhos, você pode lembrar das pessoas que você ama, conversar com elas, reviver. No meu sonho, minha batian estava tao bem. Ela não estava doente, sofrendo tanto, como ela sofreu...e nos meus sonhos, ela sempre vai estar bem, sao doces lembranças. Tenho muita saudade dela. Espero sonhar novamente...

Estou assistindo o programa do Jô, e olha que legal, minha antiga professora, Mary Del Priore, vai dar entrevista. E depois, as meninas do Adote um Gatinho. E por coincidência, hoje de manhã eu comprei o calendário do Adote um Gatinho. É super bonitinho, custa só R$ 15. Compre pra ajudar esse trabalho tao bonito!!

Espero que com essa entrevista, muitas e muitas pessoas façam doações e comprem calendários e ajudem o site, porque essas meninas merecem ajuda. Elas fazem o bem para os gatinhos abandonados e que sofrem nas ruas de SP. De vez em quando tenho vontade de jogar as lorotas dos velhinhos boboes pro alto e ir salvar gatinho, cachorrinho, golfinho, baleia, mico-leao - enfim - qualquer bicho. Com certeza, eles sao mais inteligentes e sensiveis do que muitos tais bam-bam-bams por aí. Bjs.

quinta-feira, novembro 22, 2007

Diversos preparativos

Ontem almocei no America com a H. e a H. Muito bom, comida deliciosa, sobremesa foi baby frozen yogurt. Muito bom e foi uma reunião produtiva. Acho que almoços com reunião são uma combinação maravilhosa! Fora isso não parei um minuto: mesmo dirigindo parecia que o telefone não parava, é um monte de jornalista, um mais maluco do que o outro...

E meu namorado me deu uma ótima noticia, acho que foi um dia bem bom...essa semana estou meio de saco cheio com os velhos bbbs que temos que ter paciência para levar numa boa o trabalho – voluntário.

Amanhã, vou na Rua Vautier, lá no Canindé, para ajudar com umas compras de Natal (presentes para bingo), vou aproveitar pra comprar umas coisas pra doar para a festa de natal das crianças com distrofia muscular...

Hoje estou atendendo pessoal de Berlim, Washington e Paris, olha que chique? Tambem tenho 3 reunioes mais pro fim da tarde, e agora vou trabalhar direto num projeto que está atrasado. Vida corrida mas maravilhosa!! Bjs.

quarta-feira, novembro 21, 2007

Noticias de um feriado...

Feriado! Ontem acordei tarde, levei Sasha pra passear, tomei café da manhã caprichado, assisti SPTV e aproveitei pra descansar e ajudar algumas pessoas via email. Ai meu deus, parece que não tomo jeito mesmo. Mas tudo bem!

Eu já contei qual é a minha lojinha favorita na Liberdade? Não, não é uma Marukai da vida, nem Casas Bueno. A minha lojinha do coração nao é nada tecnológica, na verdade é meio bagunçada, toca musica japonesa e tem o doce mais maravilhoso do mundo! É a loja Kanazawa, na Galvão Bueno, bem pertinho do Bunkyo (minha segunda casa).

Simplesmente amo o sakura moti da loja Kanazawa. Eu compro um docinho, tomo meu chazinho (que é oferecido pela obassan do balcão pra acompanhar o docinho) e sento lá no fundo da loja, comendo docinho, escutando musica e vendo os odissans e obassans entrando e saindo com seus pacotinhos de wagashi. Uma delicia!

E é na Kanazawa que eu me abasteço com meu chá preferido: o bancha da Yamamotoyama. Eu ando com a mania de carregar uma garrafinha cheia de chá gelado pra cima e pra baixo, tomo toda hora. Quer saber o motivo?

O chá verde é uma bebida otima para consumo diario, rico em antioxidantes, que auxiliam, por exemplo, no combate ao câncer e ao envelhecimento. Também é rico em tanino, que diminui a taxa de colesterol ruim, e fortalece as arterias e veias.

Possui manganês, potássio, ácido fólico, vitamina C, vitamina K, vitamina B1 e a vitamina B2. O chá verde tambem ajuda na digestao, é tonificante e diuretico, e praticamente nao contem cafeina! E principalmente, é uma delicia, muito refrescante!

Outra mania que eu tenho cultivado, fora o consumo de chá, é uma obsessao por reciclagem. Meu quarto tem um cantinho onde coloco todos os materiais reciclaveis que eu consumo. É que minhas tias que ficam aqui sao meio maniacas entao nao permitiriam minha mania, entao eu deixo tudo escondido.

Tudo mesmo. Papel, lata, garrafa, pet, plastico, embalagem de todos os tipos, vidro, etc...tem epoca que eu fico com medo de juntar baratinhas, entao sei que está na hora de levar o material para reciclagem. Saiba mais sobre reciclagem no www.pintoulimpeza.com.br. Bjs.

PS: Você por acaso sabe o tempo de degradação dos materiais encontrados no lixo urbano?

Material - Tempo de Degradação
Aço = Mais de 100 anos
Alumínio = 200 a 500 anos
Cerâmica = Indeterminado
Chicletes = 5 anos
Cordas de nylon = 30 anos
Embalagens Longa Vida = Até 100 anos (alumínio)
Embalagens PET = Mais de 100 anos
Esponjas = Indeterminado
Filtros de cigarros = 5 anos
Isopor = Indeterminado
Louças = Indeterminado
Luvas de borracha = Indeterminado
Metais (componentes de equipamentos) = Cerca de 450 anos
Papel e papelão = Cerca de 6 meses
Plásticos (embalagens, equipamentos) = Até 450 anos
Pneus = Indeterminado
Sacos e sacolas plásticas = Mais de 100 anos
Vidros = indeterminado

terça-feira, novembro 20, 2007

Impressões da realidade

Hoje parei de trabalhar no escritório mais cedo, porque precisei ajudar uma pessoa que fez cirurgia e não pode ficar zanzando por aí. E lá fui eu. Fiquei na casa do meu namorado, trabalhando via Internet...e teve uma hora que estava assistindo TV e escutei uma pessoa ameaçando outra na rua.

Jornalista = curiosa, então fui olhar o que era, e vi que o segurança da loja que fica do lado da casa do meu namorado tinha empurrado uma catadora de lixo e ela caiu no chão. E daí a moça começou a xingar. E eu acho que ela tinha razão. Não existe um motivo plausível para o segurança tratar uma pessoa assim. Somos todos seres humanos, somos todos irmãos. Será que as pessoas simplesmente não tem consciência dessa realidade?

De noite, eu e meu namorado preparamos um okonomiyaki – a panqueca japonesa, que tem uma massinha temperada com hondashi, na qual a gente coloca repolho, bacon, kanikama, cebolinha e queijo picadinhos. Depois é só temperar com maionese, furikake, molho tonkatsu e katsuo bushi. Hummmmm é uma delicia!! De vez em quando eu tambem acerto na cozinha!!

Ah, e esqueci de falar de uma experiência que tive na sexta-feira, dia 16. Acordei as 8h00 da manhã de uma sexta feriadão, para ir com o sr. M no Anhembi, acompanhar 2 executivos da NHK. E o C. tambem estava lá, coitadinho. Chegou antes que a gente! Fizemos o tour habitual pelo Auditório Grande, e pelas salas, e pelo Elis Regina, e depois fomos no hotel, e depois no Sambódromo.

O diferente é que pela primeira vez eu subi nas arquibancadas! E subimos até a ultima fileira da ultima arquibancada do Sambódromo. Uma paisagem maravilhosa de SP. SUPER ALTO!! E SUPER FRIO!! Meu Deus, como é frio lá em cima. O vento bate tão forte que a sua roupa fica meio amassada de vento. É um frio de gelar a alma...por isso, espero que a festa do Centenário nos dias 21 e 22 de junho de 2008 tenha um pouquinho de sol, e não esse tempinho chuvoso que estamos tendo agora.

Ah, pra você ver como não é fácil, também não pode ter muito sol, senão os velhinhos vão ficar com a careca toda queimada, porque as arquibancadas são de concreto e não tem nenhuma proteção - são brancas, todas brancas. No sol de rachar, aquilo deve ficar insuportável. Em resumo, precisamos de um dia morninho, nem pra lá nem pra cá. São Pedro, marca na agenda, viu? 21 e 22 de junho do ano que vem. Solzinho morno e brisa suave. Onegaishimasu! Bjs.

segunda-feira, novembro 19, 2007

Super temaki!!

Ontem foi um dia muito gostoso, porque meu namorado fez temaki - ele é sushiman - hihihi...entao acabei exagerando e comi 4 temakis (credo!). Mas estava muito bom, por isso eu comi tanto assim...e nesse final de semana de feriado, nao viajamos nem saimos. Ficamos na casa dele, para ajudar. É engraçado, porque eu perguntei pra ele: vamos ajudar mesmo? E ele respondeu, "é claro, a gente sempre ajuda"! Pior que é verdade...

Li uma frase legal num livro meio bobo>> existem pessoas que fazem mais o bem em um dia do que outras pessoas em 100 anos. Pior que é verdade. Se todos realmente se juntassem para fazer o bem, nosso mundo nao seria assim, nosso Brasil nao seria assim. Será possivel mudar o mundo? E tb acho que ajudar os outros acaba modificando seu cerebro por PNL. Porque eu geralmente penso antes em ajudar os outros, e depois em mim. Se alguem pede ajuda, eu nao raciocino mais. Oh my God, isso tb nao é bom...=P

Nesse final de semana, por exemplo, tem o Mega Evento Beneficente, que vamos ajudar na parte do bingo. O evento arrecada recursos para o Kibo, Kodomo, Yasuragui e Ikoi. Vamos passar a noite toda trabalhando que nem maluquinhos. Mas vale a pena, porque estamos fazendo o bem para quem precisa. O convite custa somente R$ 30 e pode ser comprado na porta do evento. Eu tb estou vendendo, já que sou diretora do Ikoi-no-Sono. Vamos lá!! Bjs.

segunda-feira, novembro 12, 2007

Bondade em balde é devolvida em barril

Esses dias tenho feito passeios muito interessantes e inéditos! Quinta-feira eu fui visitar o local onde será instalado o Museu Manabu Mabe. Era uma antiga escola que foi incendiada em 1992 e estava tomada por sem-teto. Entrando no edifício, quase todo destruído, você se surpreende ao ver que existem arvores vivas em locais inóspitos, como numa beiradinha do andar de cima do prédio, com um pedacinho de terra ínfimo. È um local que respira vida, e que será muito mais bonito, quando ficar pronto!

Na sexta, fui pela primeira vez num templo maçônico, para o lançamento de um livro de ética budista. Foi muito incrível! È um prédio super bonito e imponente. O coquetel beeeeem modestinho...mas a arquitetura compensou. E são tantas salas, tantas entradas e saídas, que você se perde lá dentro, é muito legal.

No sábado, fui no lançamento da exposição da Yoko Ono, no Centro Cultural Banco do Brasil (www.bb.com.br/cultura). A exposicao fica aberta até 03 de fevereiro com entrada gratuita, e está lindíssima, maravilhosa!

É uma arte diferente, instigante, que te convida a participar, a querer tomar parte do processo, a interagir com as pessoas. Até eu fiz arte, pintando no quadro! Eu escrevi para a Yoko: love – thank you! Pena que só vi a cabecinha dela...sniff...e o sr. M conseguiu até autografo da moça!! hihihi....

Na sala dedicada às emoções da água, tem um baldinho com o ditado chinês: “Bondade em balde é devolvida em barril”. Muito bacana, você não acha? Acho que eu e você merecemos muitos barris de bondade! Pelo menos, eu faço a minha parte! E as pessoas podem pintar as paredes, sentir as texturas das obras, martelar um quadro, andar num labirinto de acrílico, etc, etc, etc. maravilhoso!!

Existem muitas instruções coladas nas paredes, e algumas parecem com pensamentos budistas. Yoko sugere em Cleaning Piece III: “Tente não dizer nada negativo sobre ninguém. a) por três dias b) por quarenta e cinco dias c) por três meses. Veja o que acontece com sua vida”. Tenho certeza que isso muda a vida de qualquer um!! Hoje eu quase consegui não ter nenhum pensamento negativo. Só xinguei um velhinho bobo (bobeira minha) e um moço que quase se deixou atropelar na minha frente (mas o xingo foi por causa do susto). Amanha tento de novo. Bjs.

quinta-feira, outubro 25, 2007

Reunioes agitadas

Choose a job you love, and you will never have to work a day in your life
Confucio

That´s true. Eu posso trabalhar o dia inteiro como uma maluquinha, mas sabe que isso não me faz mal? Pelo contrario, fico muito bem, sou worklover mesmo!! Ontem me disseram assim: ah eu não to indo ajudar porque estou fazendo cursinho. Pô, tem muita gente que é assim, fala que é trabalho, cursinho, facu, etc, que impede de fazer o trabalho voluntário. E por acaso somos um bando de desocupados? O segredo de ter uma coisa bem feita é: peça pra pessoa mais ocupada que você conhece!

Ontem tive umas 5 ou 6 reunioes. Caramba, como falei! Estou com um projeto maravilhoso, que vai dar muito trabalho, mas que trará um resultado fantástico pra toda comunidade. Vale a pena. E consegui um velhinho pra fazer o que eu não consigo: escrever matérias em japonês. Ai meu deus, nessas horas me arrependo de ter largado o nihongakko. Será que consigo aprender kanjis, com esse meu cérebro cheio de números de telefone, endereços, nomes, infos inuteis e outras quinquilharias?

Assisti anteontem um filme lindo lindo lindo, “O Amor Não Tira Férias”, com a Cameron Diaz, Kate Winslet, Jude Law e Jack Black. Meu namorado quase dormiu, mas eu adorei...é filme de mulherzinha mesmo. Ai, o Jude Law como pai de família é um papel bem diferente. O Jack Black fez um papel parecido com o de sempre, mas gostei mesmo da Kate Winslet, e gosto de todos os filmes que tem a Cameron Diaz.

Hoje a noite tenho evento chique, mas sem vontade de usar roupa chique. Ó que dilema. Trabalhar confortável ou aparecer chique? Coisas de mulherzinha. Bjs.

terça-feira, outubro 23, 2007

Arte de um songomongo

Imagine a cena: eu saio do trabalho, pego o carro e vou buscar meu namorado pra irmos juntos no supermercado. A gente faz as compras, volta pra casa as 10 horas da noite, e vou preparar a janta. Cardápio: estrogonofe de camarão. Sim, sim, tem dias que eu capricho...e esse era um dia muito caprichadinho.

Aí eu estava preparando meu estrogonofe tranquilamente, quase 11 da noite, tudo certinho. Coloquei um pouquinho de catchup. Engraçado, achei que ficou doce. Taquei sal. Continua doce...(e pensei) mas que catchup estranho! Taquei mais sal. Ué, mas ainda continua doce?? Será que eu desaprendi a cozinhar?? Que estranho..........

Bem, resumo da historia: só depois de uns 5 minutos de confusão mental é que descobri o motivo de tanto estranhamento culinário: algum songomongo trocou os potes da minha casa, e colocou AÇÚCAR no pote de SAL. Realmente, fala a verdade, não dá vontade de matar alguém que faz uma coisa dessas? Songomongo(a) bestalhão!

Resultado da arte do songomongo: foi camarão, 1 pote de champignon, 2 latas de creme de leite, um pouco de catchup e muito açúcar que devia ser sal (ou sal que virou açúcar), tudo pro lixo. Infelizmente, estava incomível. Como dizemos em japones: MOTTAINAI!!! (desperdício) Ah, se eu pego quem fez isso!! Vai ter que comprar 1 kilo de camarão e preparar estrogonofe pra mim!!

Hoje corri pra caramba e acabei não indo num evento. Mas tudo bem, que tenho vários até o fim-da-semana. Nem acredito que já estamos na terça-feira, o tempo passa realmente muito rápido. Daqui a pouco estaremos preparando arvore de Natal. Ai que horror!! Tanta coisa pra fazer e tao pouco tempo...vamos ver se o resto da semana será mais produtiva. bjs.

segunda-feira, outubro 22, 2007

Agenda nikkei - outubro / 2007

Olha só! O resultado do meu fim-de-semana em casa foi a edição de uma nova Agenda Nikkei! Eu sou meio maluquinha mesmo. Bjs.
-----------------------------------------------

Olá, pessoal, tudo bem com vocês?

O mês de outubro está quase no fim, e os voluntários continuam trabalhando com dedicação máxima, ajudando a construir um mundo melhor.

A Agenda Nikkei é praticamente um serviço de utilidade pública que criei há algum tempo, e retorna após minhas prolongadas “férias de noticias”.

Essa Agenda foi editada com muito carinho e traz novidades e notícias fresquinhas, para divulgar os eventos da comunidade nikkei e a cultura japonesa. Confira e fique muito bem informado! ^.^

Abraços,

Erika Yamauti

================
NOTÍCIAS
================

01) FUNDAÇÃO JAPÃO - PROGRAMAS PARA 2008-2009
Os interessados em participar dos programas da Japan Foundation nas áreas de Intercâmbio Artístico e Cultural (Arts and Cultural Exchange), Ensino de Língua Japonesa no Exterior (Japanese-Language Education Overseas), Estudos Japoneses no Exterior e Intercâmbio Intelectual (Japanese Studies Overseas and Intellectual Exchange) podem se candidatar até dezembro/2007. Informações: www.fjsp.org.br/programas.

02) INSCRIÇÕES ABERTAS PARA BOLSAS JICA
Estão abertas até 30/11 as inscrições para bolsas de estudos voltadas a descendentes nikkeis da JICA – Japan International Cooperation Agency, nas categorias Treinamento em Grupo, Treinamento Individual (curta e longa duração) e Intercâmbio de Pesquisadores. Os requisitos para cada treinamento são variados. Informações: JICA - Av. Paulista, 37, 1º andar, Paraíso, São Paulo / (11) 3251-2655 com Mirian ou Kiyomi.

03) DOAÇÂO DE SANGUE – HOSPITAL SANTA CRUZ
O Hospital Santa Cruz precisa de doadores de sangue. Os potenciais doadores devem ter idade entre 18 a 65 anos e peso acima dos 50 quilos. O atendimento é de segunda a sexta, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas. A doação deve ser feita no Banco de Sangue Paulista, na R. Prof. Tranquili, 99, Vila Mariana, em frente ao estacionamento do hospital. Informações: (11) 5082-1483 / www.hospitalsantacruz.com.br.

04) HOMENAGENS NO CENTENÁRIO DA IMIGRAÇÃO JAPONESA
A Comissão de Homenagens da Associação para Comemoração do Centenário da Imigração Japonesa e o Consulado Geral do Japão estão em campanha para indicação de homenageados em 2008. Serão duas homenagens distintas, e o prazo para inscrição foi PRORROGADO até o dia 31 de outubro. Informações e ficha de inscrição: (11) 3209-3875 / secretaria@centenario2008.org.br.

05) CULTURA JAPONESA NOS CEU´S
No dia 03/10 aconteceu a inauguração da exposição 100 Anos Japão Brasil, no CEU Inácio Barroso, em Guaianazes. A mostra vai percorrer todos os 26 CEU´s (Centro Educacional Unificado) de São Paulo, até maio de 2008. É uma iniciativa da Prefeitura Municipal de São Paulo para levar educação e cultura japonesa aos alunos da rede pública municipal. Informações: www.prefeitura.sp.gov.br / 5080-5086.

06) GOVERNO JAPONÊS CONFIRMA VINDA DO PRINCIPE NARUHITO
Um comunicado oficial da Agência da Casa Imperial do Japão divulga que o príncipe-herdeiro Naruhito será o representante oficial da Família Imperial Japonesa nas comemorações de junho de 2008. O príncipe-herdeiro participará das comemorações pelo Centenário da Imigração Japonesa no Brasil, programadas para Brasília (18 de junho), São Paulo (21 de junho) e Paraná (22 de junho), entre outros locais a definir. Informações: (11) 3209-3875 / secretaria@centenario2008.org.br.

07) UNIDOS DA VILA MARIA LANÇA FANTASIAS DO CARNAVAL 2008
A escola de samba Unidos de Vila Maria lançou no sábado (20/10) o seu samba-enredo e as fantasias para o Carnaval 2008. O tema escolhido foi "Irashaimasse: Milênios de Cultura e Sabedoria no Centenário da Imigração Japonesa", música composta por Dão, Véia, Martin, Nando e Moleque Pará. Em 2008, a Unidos de Vila Maria desfila na sexta, 01 de fevereiro, primeiro dia do desfile das escolas do grupo especial. Informações: (11) 3209-3875 / secretaria@centenario2008.org.br.

08) FILMES JAPONESES NA MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA
Até 01 de novembro, os cinéfilos estão ligados na 31ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo. Com apoio da Fundação Japão, 10 filmes japoneses serão exibidos na programação. O diretor Hirokazu Kore-eda (“Ninguém Pode Saber”, 2004) está no Brasil como jurado da mostra, e pode rodar um filme no País. Informações pelo site oficial: www.uol.com.br/mostra/31.

Confira os filmes japoneses da 31ª Mostra:

Glória ao Cineasta! (Kantoku Banzai!) Takeshi Kitano
Eternamente seu (Furochoju) Atsushi Ogata
Contos de Terramar (Gedo Senki) Goro Miyazaki
Hana (Hano Yori mo Naho) Hirokazu Kore-Eda
Memória de Setembro - Hiroshi Toda
Sukiyaki Western Django - Takashi Miike
Ventos do Zero - Toshi Shoya
Hula Girls - Lee Sang-il
Amor Pulsa mais Rápido que Sangue (Love Runs Faster than Blood) - Hideki Kitagawa
Céu de Dezembro (Juni Gatsu no Sora) Hiroshi Toda

09) MTV BRASIL EXIBE ANIMÊ "DESERT PUNK"
A MTV Brasil estreou em outubro a série de animê "Desert Punk", com 24 episódios produzidos pelo estúdio Gonzo. Baseado nos mangás de Usune Masatoshi, a série mostra o deserto de Kanto, em um Japão pós-apocalíptico repleto de mercenários, com um leve toque de humor. A animação é exibida com áudio original em japonês e legendas em português, às terças e quintas, às 23h30.

10) HICARE FAZ APELO CONTRA TESTES ATÔMICOS
Em outubro, o médico Hiroo Dohy, presidente do Hicare - Conselho Internacional de Hiroshima para Tratamento das Vítimas de Radiação e uma equipe de especialistas japoneses fizeram apelos pela suspensão de todos os testes atômicos. Atualmente, 130 vítimas das bombas atômicas vivem no Brasil. A equipe japonesa participou de seminários no Hospital Santa Cruz e Hospital Nipo-Brasileiro. Informações: http://www.hiroshima-cdas.or.jp/HICARE/en/index.html

11) SBPN ORGANIZA SIMPÓSIO INTERNACIONAL BRASIL-JAPÃO
A Associação Brasil-Japão de Pesquisadores realiza em junho de 2008 o Simpósio Brasil-Japão de Economia, Ciência e Inovação Tecnológica, em comemoração ao Centenário. O prazo para inscrição de trabalhos nos temas de Infra-estrutura, Economia e Comércio, Educação Universitária, Nanotecnologia, Meio-ambiente, Comunicações, Agricultura e Saúde vai até 28/02/08. Informações pelo site www.simposio2008.org.br.

Para ver a noticia da sua entidade nesse espaço, envie um e-mail para mim!

===============
AGENDA NIKKEI **
===============

23 a 25/10 – MANABU MABE - DEZ ANOS "ESPÍRITO DA ARTE"
Nascido no Japão e radicado no Brasil aos 10 anos, Manabu Mabe (1924-1997) foi autor de uma das obras abstratas mais líricas produzidas no País. O ciclo de palestras e mesa redonda inclui a apresentação do Museu Manabu Mabe e o significado da arte no fortalecimento da comunidade. Gratuito. Horários a confirmar. Local: MAC. Pavilhão Ciccillo Matarazzo, 3° piso, Parque Ibirapuera, Ibirapuera, São Paulo. Informações: contato@mabe.com.br.

23/10 – TERÇA – CONDECORAÇÃO ORDEM DO MÉRITO AERONÁUTICO
O professor Kokei Uehara, presidente do Bunkyo – Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social, recebe homenagem da Aeronáutica no grau de comendador. Participação livre. 10h30. Base Aérea de Cumbica, acesso ao Aeroporto Internacional de Cumbica, após o cruzamento com a via Dutra. Informações pelo (11) 3208-1755 / bunkyosp@bunkyo.org.br.

23 e 25/10 – SEMPRE CINEMA – MEDO, SUSTO, RISOS?!
O ciclo exibe filmes de terror baseados em lendas urbanas japonesas. “O Fantasma do Bar” (Izakaya Yurei), de 1994, dirigido por Takayoshi Watanabe, conta a história de Sotaro, dono de um bar que fica viúvo e acaba casando-se com Satoko, mas é assombrado pelo espírito ciumento da falecida esposa. Gratuito. 19h30 (23/10) e 15h00 (25/10). Local: Espaço Cultural Fundação Japão. Av. Paulista, 37, 1º andar, Paraíso, São Paulo. Não é necessário fazer inscrição. Informações pelo info@fjsp.org.br / (11) 3288-4971 / www.fjsp.org.br.

26/10 – SEXTA – SEMINÁRIO - O ENSINO E O ESTUDO DE KANJI
O professor Alexandre Augusto Varone de Morais faz uma palestra sobre os kanji, caracteres de origem chinesa utilizados no sistema de escrita da língua japonesa, falando sobre origem, evolução, classificação e características destes caracteres. R$ 10. 19 às 21 horas. Local: Espaço Cultural Fundação Japão. Av. Paulista, 37, 1º andar, Paraíso, São Paulo. Inscrições e informações pelo info@fjsp.org.br / (11) 3288-4971 / www.fjsp.org.br.

26 a 28/10 – 7º MERCADO DE ARTESÃOS DIFERENCIADOS – A MÃO CHEIA
O evento no Atelier de Cerâmica Hideko Honma reúne artesãos com destaque para técnicas japonesas e produtos diferenciados. Durante a noite de abertura e no sábado haverá oficina gratuita de torno e modelagem. Entrada gratuita (contribuição voluntária de R$ 5 para o Ikoi-no-Sono). 11 às 20 horas. Local: Atelier Hideko Honma. R. Pintassilgo, 429, Moema, São Paulo. Informações: (11) 5042-4450 / hideko@hidekohonma.com.br.

27 e 28/10 – ANIME FANTASY
O anime Naruto é o tema do evento, que traz animekê, shows, estandes, concursos, palestras, nigaoe manga, salas temáticas, vídeos, games e cosplay. Convites com venda antecipada (R$ 10) e R$ 13 (no dia). 11 às 20 horas. Local: Universidade Anhembi Morumbi. R. Dr. Almeida Lima, 1134, Brás, São Paulo. Informações: (11) 3275-0780 ou www.animefantasy.com.br.

27/10 – SABADO - BEST BURGUER 2007
Realizado pelo Movimento Jovem Brasil, o evento traz atrações culturais e diversão para jovens. A atração principal é o hambúrguer, feito na hora. O evento auxilia o Yasuragui Home, entidade que presta assistência para portadores de transtornos mentais. Convites com venda antecipada (R$ 15) e R$ 18 (no dia). 11 às 17 horas. Local: Associação Okinawa Kenjin do Brasil. R. Dr. Tomás de Lima, 72, Liberdade, São Paulo. Informações: smassaru@hotmail.com com Sérgio.

27/10 – SABADO – SHOW MUSICAL COM JOE HIRATA
O cantor Joe Hirata lança o novo CD “Mistura de Raças” e apresenta uma música em homenagem ao Centenário. Participação do grupo Himawari Taiko e do ballet Coppelia. Parte da renda será revertida para as entidades Kibo-no-ie, Kodomo-no-sono e Yasuragui Home. Convites com venda antecipada (R$ 20) e R$ 25 (no dia). 19h30 (abertura) / 20h30 (show). Local: Grande Auditório do Bunkyo - Sociedade Brasileira da Cultura Japonesa e de Assistência Social. R. São Joaquim, 381, Liberdade, São Paulo. Informações: (11) 3208-1755.

27/10 – SABADO – CAMPANHA DE PREVENÇÃO AO CÂNCER DE MAMA
A 1ª campanha do Hospital Nipo-Brasileiro voltada para a prevenção do câncer de mama espera atender 500 mulheres. O evento é aberto ao público em geral, direcionado às mulheres a partir de 30 anos. Exame clínico gratuito. 9 às 16 horas. Local: Ambulatório da Mulher do Hospital Nipo-Brasileiro. R. Soldado Clóvis Rosa da Silva, 77, Parque Novo Mundo, São Paulo.
Informações: (11) 6633-2384 com Miriam.

27/10 – SABADO – XV HALLOWEEN ACESA
O Departamento Jovem organiza o evento, com o tema “Jogos Mortais” e apresentação do grupo NGN Crew. Convites com venda antecipada (R$ 8) e R$ 10 (no dia). 18 às 24 horas. Local: Associação Cultural e Esportiva de Santana. R. José Dantas Magalhães Glória, 179, Alto do Mandaqui, São Paulo. Informações: www.acesanet.org.br / seinen@acesanet.org.br.

28/10 – DOMINGO – MATSURI NA AJAB
O Matsuri da AJAB terá como principais atrações as barracas com comidas típicas, bazar, bingo, karaokê e shows. Entrada gratuita. 11 horas. Local: AJAB – Associação Cultural e Assistencial Nipo-Brasileira do Jabaquara. R. Nhandirobas, 388, Jabaquara, São Paulo. Informações: (11) 5011-2565.

28/10 – DOMINGO - 28º CONCURSO DE ORATÓRIA EM LÍNGUA JAPONESA
O concurso visa avaliar o conhecimento da língua japonesa, e os candidatos podem ser indicados para o Concurso de Oratória Nacional e Internacional em nível colegial. O tema é livre, e as inscrições estão encerradas. Gratuito. 15 horas. Local: Centro Brasileiro de Língua Japonesa. R. Manoel de Paiva 45, Vila Mariana, São Paulo. Informações: (11) 5579-6513 / www.cblj.com.br.

01/11 – QUINTA - DINNER SHOW – LANCAMENTO CD KAREN ITO
Show especial para o lançamento do CD “Karen Ito 2007”, incluindo tributo a Misora Hibari e lançamento da canção do Centenário. Participação dos grupos Ryukyu Koku Matsuri Daiko, Kyorakuzá Harmonia Taiko, Marco Kina e Simone Bellomp, Street Just Dance, Zenidaiko da Associação Tottori, Ribeirão Pires, Yamato Sakura e Alan Pires. Evento beneficente. R$ 45 (jantar e show). 19h30. Local: Espaço de Eventos Hakka. R. São Joaquim, 460, Liberdade, São Paulo. Informações: harmonia_solidaria@hotmail.com.

01, 08, 22 e 29 – CURSO DE WRAPPING NA ALIANÇA CULTURAL BRASIL-JAPÃO
A professora Keiko Abe ministra o curso às quintas, na unidade Vergueiro da ACBJ. Wrapping é a arte de embrulhar presentes, protegendo e embelezando caixas, latas, garrafas e outros. R$ 170. 15 às 17h30 ou 19 às 21h30. Local: Aliança Cultural Brasil-Japão. R. Vergueiro, 727, 5º andar, Liberdade, São Paulo. Informações: (11) 3209-6630 / alianca@aliancacultural.org.br / www.acbj.com.br.

02 a 04/11 – REVI 2007 – VII FORUM NACIONAL DOS JOVENS
A Comissão de Jovens da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa (Bunkyo) promove a 7ª edição do evento, com grupos de discussão, workshops, palestras, dinâmicas e o “Seinen Case” (simulação prática), com o tema “Estruturando as entidades para o futuro, motivando e integrando os jovens”. R$ 40 (incluso alojamento, refeições e translado). Local: Centro Kokushikan Daigaku. Rodovia SP - 250, km 48, São Roque, SP. Informações: www.seinenbunkyo.com.br/revi.

04/11 – DOMINGO - I FESTIVAL DE TAIKO DA ABT
O tambor japonês é o destaque do evento coordenado pela Associação Brasileira de Taiko, que reúne cerca de 30 grupos, mostrando o nível atual do taikô brasileiro. Entrada gratuita (1 quilo de alimento não-perecível). 9 horas. Local: Centro de Convenções do Anhembi - Grande Auditório. Av. Olavo Fontoura, 1209, Santana, São Paulo. Translado gratuito do metrô Tietê. Informações (11) 3341-1077 ou abt@taikobrasil.com.br.

09, 10 e 11/11 - 47ª MINI-CARAVANA DA ABEUNI
A 47ª edição da Mini-Caravana acontece no município de Itupeva, no interior do Estado de SP, como parte dos projetos assistenciais da Aliança Beneficente Universitária, oferecendo atendimento médico-odontológico e profilático para a população carente. Informações: www.abeuni.org.br.

11/11 – DOMINGO – “O SOM DA MANDALA” COM CORAL KOYASAN KONGORYU
Apresentação inédita do Coral Koyasan Kongoryu do Japão, com o espetáculo “O Som de Mandala”. O grupo formado em 1983 é composto por jovens monges budistas que perpetuam o canto da peregrinação, uma das músicas mais tradicionais do Japão. A apresentação é uma homenagem ao Centenário da Imigração Japonesa. Gratuito. 14 horas. Local: Grande Auditório do Bunkyo - Sociedade Brasileira da Cultura Japonesa e de Assistência Social. R. São Joaquim, 381, Liberdade, São Paulo. Informações: (11) 3208-1755 ou http://bunkyonet.com.br/sites/bunkyo.

11/11 – DOMINGO – 3ª AÇAÍDERA
Organizado pelo Movimento Jovem do Nippon, o evento serve açaí na tigela, com shows de taiko, bandas e concurso de street dance. Convites com venda antecipada (R$ 10) e R$ 12 (no dia). 10 às 18 horas. Local: Nippon Country Club. Rod. Presidente Dutra, km 205,5, Arujá. Informações: 3acaidera@gmail.com.

06, 07, 13 e 14/11 – CINCO HISTÓRIAS E UM SEGREDO
A especialista Christine Greiner aborda a imagem do Japão fora do Japão, pelo olhar estrangeiro. O objetivo principal do curso é questionar os estereótipos do Japão, dentro e fora do país, através da análise de filmes. Gratuito. 15 às 17h30. Local: Espaço Cultural Fundação Japão. Av. Paulista, 37, 1º andar, Paraíso, São Paulo. Inscrições e informações pelo info@fjsp.org.br / (11) 3141-0110 / www.fjsp.org.br.

08/11 – QUINTA – SABERES DOS SABORES – PERSPECTIVAS
As perspectivas da culinária japonesa no Brasil serão discutidas pelos convidados Chieko Aoki, Toru Iwasaki, Paulo Yokota, Ilan Kow, Marcelo Katsuki e Shizuko Yasumoto, com destaque para discussão sobre questões da culinária japonesa no País, linha tradicional x ‘fusion’ e papel da mídia. Gratuito. 19h30 às 21h30. Local: Espaço Cultural Fundação Japão. Av. Paulista, 37, 1º andar, Paraíso, São Paulo. Inscrições e informações pelo info@fjsp.org.br / (11) 3141-0110 / www.fjsp.org.br.

17 e 18/11 – 5º ENCONTRO INTERSEINEN PARANÁ
O Departamento Interseinen Paraná e a Liga Desportiva e Cultural Paranaense / Aliança Cultural Brasil-Japão do Paraná organizam o evento, que promove interação cultural, com workshops e dinâmicas, apresentações culturais e Matsuri Dance. Tema: "IMIN 100, a Hora é Agora”. Local: Chacara Santo Agostinho. Av. Pion. João Pereira, 1027, Jd. Indaiá, Maringá. Informações: www.dwweb.com.br/interseinenpr ou interseinenpr@yahoo.com.br.

18/11 – I CONCURSO DE ORATORIA EM LINGUA JAPONESA
Primeira edição do concurso, organizado pela Federação das Associações de Províncias do Japão no Brasil (Kenren) e Associação Brasileira de Ex-Bolsistas no Japão (Asebex), com tema “O Significado do Centenário da Imigração Japonesa para Mim (nós)”. Inscrição até 31/10. 13 horas. Local: Pequeno Auditório do Bunkyo - Sociedade Brasileira da Cultura Japonesa e de Assistência Social. R. São Joaquim, 381, Liberdade, São Paulo. Informações: (11) 3277-8569 / info@kenren.org.br.

20 e 22/11 – SEMPRE CINEMA – MEDO, SUSTO, RISOS?!
O ciclo exibe filmes de terror baseados em lendas urbanas japonesas. “Botequim Mal Assombrado” (Shin-Izakaya Yurei), de 1996, é a continuação de “O Fantasma do Bar”. Sotaro e sua nova esposa, Satoko, precisam enfrentar o fantasma da esposa falecida e também do ex-marido de Satoko. Gratuito. 19h30 (20/11) e 15h00 (22/11). Local: Espaço Cultural Fundação Japão. Av. Paulista, 37, 1º andar, Paraíso, São Paulo. Não é necessário fazer inscrição. Informações pelo info@fjsp.org.br / (11) 3288-4971 / www.fjsp.org.br.

14 a 26/01/2008 - 21º CURSO DE FORMACAO DE PROFESSORES DE JAPONÊS
O curso promovido pelo Centro Brasileiro de Língua Japonesa tem o objetivo de formar professores de nível básico em língua japonesa. Inscrições até 24/11. R$ 800 (material didático incluso), parcelado em 5 vezes de R$ 160. Local: Centro Brasileiro de Língua Japonesa. R. Manoel de Paiva 45, Vila Mariana, São Paulo. Informações: (11) 5579-6513 / www.cblj.com.br.

Como vocês viram, são muitos eventos em outubro e novembro! Para divulgar o evento da sua entidade nesse espaço, envie um e-mail para mim!

===============

** IMPORTANTE: toda a pesquisa para a Agenda Nikkei é feita de forma completamente voluntária, via telefone, jornais, contato pessoal, internet, e-mail, panfletos, cartazes e flyers. As datas dos eventos, horários, preços de convites e demais detalhes e informações podem ser alteradas sem aviso prévio pelos organizadores. Antes de sair de casa, procure re-confirmar as informações!!

===============

PS: Super-obrigada por ler essa Agenda, que foi editada com muito carinho! Obrigada por toda força e apoio. Vamos continuar trabalhando juntos, divulgando a cultura japonesa e o trabalho das entidades da comunidade nipo-brasileira!

Agradeço de coração a quem colaborou de alguma forma para a concretização dessa agenda:
Izumu Honda, Made in Japan (www.madeinjapan.com.br), Mei Kanatani, Fundacao Japão (www.fjsp.org.br), Rubens Miura, Janaina Nakamatsu, Alyne Kumasaka, Akemi Uchimura, Célia Abe Oi, Bunkyo, Nippo-Brasil (www.nippo.com.br), CBLJ, Marco Aurélio Canônico, Folha (www.uol.com.br/folha), Milton F.da Rocha Filho, Agencia Estado, Sergio Kamimura, Tatiana Mituti, Eduardo Nakashima, Tina Andrade, Jo Takahashi, Sunao Sato, Kenji Ogawa, Renato Igarashi, Tomio Katsuragawa, Yoko Nakaema, Hadassia Lima, Mario Shimabukuro, Hai-net (www.hainet.com.br), Cláudio Kurita.

ATENÇÃO: Essa Agenda pode ser livremente repassada aos seus amigos(as), colaboradores, colegas e pessoas interessadas em cultura japonesa, desde que colocando o crédito pra mim, porque afinal, dá um trabalhão editar essa Agenda Nikkei! =)

Beijos, td de bom, e ate a próxima!

Erika Yamauti ^.~

sábado, outubro 20, 2007

Fim-de-semana!!

Noosssa, como eu trabalhei nessa semana!! Muita reuniao, muita materia, muito release, muitos projetos. Mas se a semana foi repleta de compromissos, os meus planos para o fim-de-semana sao super prosaicos: dormir, descansar, ficar em casa!! EBA!! É bom descansar de vez em quando, né?

O engraçado é que eu vivo esbarrando no pessoal do Seinen lá no predio do Bunkyo. Geralmente estou saindo, e eles estao chegando, ou esperando uma reuniao, por causa da Revi (http://www.seinenbunkyo.com.br/), que acontece no feriado de Finados. Eu sinceramente acho (ou melhor, tenho certeza) que já passei dessa epoca.

Eu nao me imagino mais fazendo as loucuras que eu fazia pela Revi, como por exemplo: viajar pela Raposo Tavares de madrugada, não dormir de noite, fazer reunioes todas as noites da semana no periodo pre-evento, aprender noções de primeiros socorros e fazer compras malucas no supermercado, por exemplo. Sei lá, acho que é uma fase (bem legal) da vida, mas creio que hoje existe gente mais empolgada do que eu. Ainda bem que meu excesso de empolgação passou, porque eu devia ser um bicho muito estranho e chato de conviver. Se ainda hoje sou empolgada, imagina antes!!!

Acesse o site da editora Abril, www.100anosjapaobrasil.com.br. A minha biografia está lá, confira! E assistindo o Jornal da Globo, vi que roubaram os oculos da escultura do Carlos Drummond de Andrade. Onde a gente vai parar, meu Deus? Nem as estatuas estao seguras!! Ah, lembrei, o vizinho bebado, que bate na mulher, resolveu vender a casa. Espero que eles se separem, e que a mulher pegue os 50% dela e vá pra bem longe, bem longe desse covardão. Bjs.

PS: a foto é do grupo de coral de Suzano, muito lindinhos, né?

quarta-feira, outubro 17, 2007

Muuuuita carma!!!

Segundo a monja Coen, carma é a ação que deixa marcas pela repetição, pode ser benéfico ou maléfico, não existe um destino fixo, podemos alterar nosso carma e nosso destino, simplesmente através de nossas ações. Então acho que meu carma será muito bom. Nesse final-de-semana, dediquei muita energia no Japan Experience, trabalhei bastante.

O evento, por si só, não cansou muito. Estou acostumada com muito mais pressão e estresse, foi tranquilinho. A questão é que no sábado à noite, fui no Finnegans (aniversario do meu namorado), e no domingo, fui para Mauá (aniversario da prima do meu namorado). E isso cansou! Mais do que o evento, os passeios cansaram. E tive reunião 2ª de manha, hehe...ontem tambem. E hoje, e depois, e depois...=)

Falando em carma, na semana passada, quando cheguei em casa, o vizinho estava novamente batendo na mulher dele, xingando, gritando, jogando coisas pela casa. Eu realmente não sei o que fazer nessa situação. Sei que existe o telefone 180, que é pra denunciar violência contra a mulher, mas e se eu denunciar e piorar a situação da pobre coitada?

Ontem fiquei meio louquinha, porque no final da tarde, começaram a me ligar vários jornalistas. É que o governo japonês confirmou que o príncipe Naruhito vai visitar o Brasil no ano que vem, como parte das comemorações oficiais do Centenário. Como sou assessora de imprensa do Centenário, começaram a me ligar pedindo dados e confirmações (que eu não tinha). Mas hoje já está tudo certo! Omedeto pra todos nós! Bjs.

quinta-feira, outubro 11, 2007

Que calorão!!

Hoje está muito quente! Ao meio-dia, tive que dirigir até o Ibirapuera, pra ir no atelier da H, e voltei morrendo de calor! Daí tomei sorvete de goiaba da Nestle, muito bom! e pensar que domingo começa horario de verao! =P

O meu lado fotografa foi exercitado hoje, porque tirei fotos de enfeite de origami de Natal, já que na semana que vem começa um curso especial na Aliança sobre esse tema.

O curso da sensei Mari Kanegae ensina a produzir enfeites típicos para o Natal, como árvore, Papai Noel, pomba e guirlanda. As peças podem ser coladas em cartão ou penduradas na sua árvore de Natal. Faça sua inscrição, as aulas sao nos dias 17 e 24 de outubro. (11) 3209-6630.

Ai ai, esse fim-de-semana tem Japan Experience. Muito trabalho! Vamos lá! E estou lendo "Saga Japonesa em Terras brasileiras", da Tereza Hatue de Rezende, sobre o Ryu Mizuno. O livro ainda nao engrenou, o ultimo livro (Mata das Ilusoes) era mais gostoso de ler...Bjs.

quarta-feira, outubro 10, 2007

Dont tell me...

Imagine essa conversa lisérgica:

Moça: “a minha empresa, XXXX, vai fazer uma festa de 50 anos...”
Eu: hum hum
Moça: “a gente quer uma atração japonesa na festa...”
Eu: hum hum
Moça: “pensamos em trazer o Yo-yo ma...”
Eu: ????????? (buscando palavras para responder à asneira)
Moça: “sim, o Yo-yo ma, aquele musico...”
Eu: “voce quer dizer o musico norte-americano, que é descendente de CHINESES??”
Moça: “ah é é??”

Sinceramente, é cada uma que eu tenho que aturar. Além de explicar que o Yo-yo Ma é chines, ainda fui super boazinha e passei o contato do S. pra ela. E ainda expliquei o que o S. toca. Nem merecia, moça!

Esses dias não tenho tido muito tempo pra escrever no blog. Muitos compromissos, muitas reuniões, algumas boas ações, outras nem tanto. Mas acho que no panorama geral, ainda estou contando pontinhos positivos no céu. No domingo, fui trabalhar no Festival de Coral no Bunkyo.

No meio do caminho, as 8h30 da "madrugada" de um domingo, acredita que eu tropecei e me esborrachei no chão da rua Tamandaré? Que droga, me machuquei toda. Meu joelho está todo esfolado. Péssimo começo de domingo. Mas o resto do dia fluiu bem.

No evento, enquanto esperava pra acabar o intervalo, comprei 2 livros, cada um por R$ 1. Dá até vergonha dizer que comprei um livro por R$ 1. Eu li um dos livros – Mata das Ilusões, de Masao Daigo, sobre a historia do interprete Unpei Hirano, de Shizuoka, que chegou no brasil poucos meses antes da chegada do Kasato Maru, para servir de interprete aos colonos.

Ele teve uma vida muito difícil, é quase impossível acreditar que ele viveu tanta coisa em 12 anos no Brasil. E os primeiros colonos, coitados, como sofreram. Esses pioneiros realmente merecem toda a nossa admiração e respeito. Hoje a gente não pode dizer que tem dificuldades. Dificuldade era desbravar uma mata com onça, sucuri e muita malária. O resto é fichinha. Somos muito mal acostumados mesmo. Bjs.

quinta-feira, outubro 04, 2007

Onde está a Erika?

Desafio: onde eu me encontro nessa foto tirada pela Maya?? Ganha um doce quem souber!! Foi no programa
"A Grande Chance", do Gilberto Barros...com o pessoal do Centenario.
Hoje acordei e trabalhei num monte de coisas.
Muita ligacao, muita cobrança, mas td certinho. No trabalho estou lidando com pessoas meio ranzinzas, com ideias um tanto esdruxulas, e preciso ter muita paciencia editorial nos ultimos dias. Mas tudo bem, porque pra tudo existe solucao. É só ter paciencia ZEN.

No sabado e domingo trabalhei tanto na Festa do Verde, corri tanto com as questoes do bingo, que nem lembrei de tomar agua ou ir no banheiro!! Esses eventos voluntarios requerem muita energia da gente, mas trazem uma leveza maravilhosa pra alma. Nao sei definir bem, mas sei que é muito bom, recomendo pra todos!! Só nao esqueçam de beber agua!!

Hoje foi aniversario do P. Fui tomar cafe com ele no Akabeko, tomei suco de laranja, comi pao integral com queijo branco e bolo de laranja muito fofinho e gostoso. E conversamos sobre varios assuntos voluntarios, Festival, Bunkyo, Kenren, Centenario, Kibo, vida voluntaria. Dá trabalho, mas é bom pra gente, é bom pra todos!

Depois voltei pra casa a noite e fui mexer nas fotos antigas da minha batian. O motivo é que escrevi uma mini-biografia para ser publicada no site da Abril sobre o Centenario da Imigracao Japonesa: http://www.100anosjapaobrasil.com.br/.

Como a batian faleceu há 3 anos, tem muita foto que eu nao vou conseguir legendar. Mas apesar da vida dificil que ela teve, deu pra ver que ela gostava muuuuuito de fotos. Está cheio de fotos antigas no armario!! Pena que nao vou descobrir quem eram essas pessoas...ai ai...sinto tanta saudade da minha batian...

E tambem tive que remexer nos meus arquivos pra achar fotos de coisas marcantes no Seinen, como a minha posse como vice-presidente, como presidente, e eventos bacanas. É interessante relembrar e pensar que nesses meus anos como voluntaria, conheci tanta gente legal, e aprendi muito!! No começo eu era tao boba, nao entendia nada, e hoje, posso me considerar muito lucky, porque conheço esse mundinho, como bem definiu o P, e é nesse mundinho que a gente vive. Mas temos que alcançar outros mundos tb. Foi o caminho que eu escolhi, e sou super feliz!! Bjs.

Super-aceleracao-da-agenda

Essa semana está correndo rapido demais. Nem acredito que já é quarta-feira (quase quinta). Segunda tive varias reuniões, terça tambem, e ontem atendi a equipe do SPTV 1ª edição na Aliança. Pessoal mais do que bacana, maravilhosos!! Repórter, câmera, operador, todos muito gente fina.

Hoje, fui na abertura da exposição Brasil-Japao 100 anos, no CEU Inácio Barroso, em Guaianazes. Acordei as 7h30 da matina. Zzzzz....Meu Deus, não sabia que a cidade de SP era tao imensa assim, pq o local em que fomos era tao longe, mas tao longe, que demoramos quase 2 horas, na ida E na volta. Foi muito legal, porque as crianças dos CEUs poderão aprender mais sobre a cultura japonesa. A expo vai até maio de 2008 e vai percorrer os 26 CEUs da cidade.

Hoje ajudei uma menininha que estava com dificuldades no durex da pipa dela, na aula do Ken Yamazato. Daí eu ajudei e ela ficou super feliz, uma gracinha. Quando se é criança, as coisas são bem mais simples, você não acha? Elas ficaram brincando com as pipas, muito fofas!!

A cerimônia foi super emocionante, porque quando o prof. Kokei contou a historia dele, de ter puxado enxada, andado a pé 4 km todo dia pra ir na escola, e que conseguiu vencer por causa do estudo, eu vi muitas professoras com lagrimas nos olhos. A mensagem dele foi clara: “Jovens, estudem! E respeitem os professores. Sao eles que vão mudar esse país para melhor”.

E a apresentacao de taiko foi dos internos do Kodomo-no-Sono. Que carisma dos internos! Pode não ter tanta técnica quanto um wadaiko da vida, mas o coração, o kokoro, é maravilhoso. Foi um show lindo! Que sorriso!! Que alegria!!

Para terminar, entraram as crianças do frevo, que começaram dançando uma musica japonesa. Por um momento, achei que tinham errado a musica, afinal, era FREVO. Mas não, as crianças começaram o show com um enka, andando que nem japonesinhos, com happis de TNT!! E depois elas pularam o frevo lindamente!! Isso que é Brasil. Isso que é maravilhoso no Brasil. Bjs.

sexta-feira, setembro 28, 2007

Resumo semanal rapidinho

Na quarta, comi arroz doce quentinho antes de uma reuniao. Olha que coisa mais maluca?? Tb almocei num restaurante bem bonito com uma comida bem ruim, chamado Daisho, na Vila Mariana. E consertei o meu carro.

Dialogo engraçado com o mecanico (por telefone):

Erika: "Seu Carlos, me ajuda, meu carro está com um problemão. Sabe aquele negocio que abre a porta por dentro? Quebrou, e eu nao consigo abrir a porta, preciso abrir por fora dos 2 lados!!"
Mecanico: "Ah, voce quer dizer MAÇANETA???"
Erika: "...."
Mecanico: vai nessa oficina que eles consertam a maçaneta na hora!

Bom, daí fui lá consertar o carro. Depois, reuniao na Assembleia. Presenciei uma manifestação do MST no plenario. Muita gente, muitas malas (eles sao sem-terra, mas nao sem-mala). Muita bandeirinha e barulho.

Na quinta, fiz algo muito diferente pra minha rotina! Fui com o P num estudio fotografico, pra tirar foto pra uma revista. Encontrei a C. do outro dia no restaurante, e tb a A.K.. O fotografo foi muito bacana, as fotos foram super rapidas. Depois fui em reuniao no Centenario, fiquei até 10 da noite. Blergh.

E hoje, fui numa aula aberta na ESPM com o professor australiano Michael Liffman, com a P, um projeto do Gife. Foi muito bacana!! A coisa mais relevante da palestra foi: a gente tem que equilibrar heart & head para fazer uma boa captação de recursos. Isso é bacana, ainda nao tinha pensado desse jeito. É legal mesmo a gente equilibrar a razão e a emoçao, pra cativar os apoiadores pros nossos projetos...

No fim-de-semana, muito trabalho, muito empenho, muita simpatia pra vender cartelinha de bingo na Festa do Verde. Vamos trabalhar sabado e domingo pra arrecadar fundos pra entidade, e vamos nos empenhar 100% . A Festa do Verde foi a minha primeira participacao no Seinen, e é um evento especial pra mim. Pela primeira vez, será um evento de 2 dias. Vou fazer teru teru bozo pra nao chover. Bjs.

terça-feira, setembro 25, 2007

Belas baleias

Hoje tive que responder um email ri-di-cu-lo, pra economizar R$ 16 pra entidade perdendo tempo precioso com uma besteira. É uma falta de visao dessa diretoria, que vamos combinar, né?? Ri-di-cu-lo.Tem dias que eu acho que vale mais a pena ficar em casa, ir no shopping, assistir um filme, do que fazer meu precioso trabalho voluntario. Porque eu sou tao teimosa, meu deus??

De manhã fui acompanhar meu amigo J, num exame. A clinica tinha um cheiro de lisoform tao forte, mas taaaao forte, que fiquei sentindo o cheiro até depois de sair de lá. Passei num Mac pra almoçar McChicken (my favorite!!), mas tive que esperar uns minutos pra passar o enjôo quimico. Acho que o cheiro permaneceu latente, mas tudo bem. Depois fui trabalhar...no fim da tarde, tive reuniao na Assembleia Legislativa, e voltei pra casa.

Aproveitei pra comprar na mercearia coisas fundamentais pra minha vida: sopinhas, pao de milho da Panco e Feel Good. Tomo Feel Good praticamente todos os dias, porque tem 100% da vitamina C que a pessoa precisa por dia. Acredita? Pois é. Pelo menos é o que diz na latinha...hihi...e pao de milho é tudo de bom!! Sopinha nesse frio tambem é muito bom!! Outra coisa maravilhosa no frio é tomar banho de ofuro...ai ai...

No domingo, estava assistindo Discovery e de repente prestei atencao num desenho animado em PB. Era um filme falado em japones. Opa, prestei mais atencao. Era a história de um velhinho, que é diretor de uma escola, relembrando a infancia sofrida, dificil, durante a guerra.

Infelizmente, o filme fala sobre a caça às baleias, pratica que só é adotada pelo Japao atualmente (a desculpa é que utilizam as baleias pra fins cientificos. BALELA). Creio que nenhum outro pais, desenvolvido ou nao, ainda pratica a caça à baleia. E nao é por falta de comida, é algo meio sadista mesmo, aquelas coisas da mente japonesa que a gente, ocidental, nao entende. Mesmo tendo olhos puxados, eu pessoalmente nao entendo.

O desenho animado era uma campanha do Greenpeace, uma campanha no Japao, contra a caça das baleias. http://whales.greenpeace.org. O menino, magrinho e franzino, escrevia no caderno: sakura, sakura (cerejeira), que virava kujira (baleia). Na época da guerra, faltava tudo, e os japoneses sofreram muito, passaram fome, entao comiam baleias como alternativa. Mesmo depois da guerra, e até hoje, esse habito maluco continua. O filme é lindo, do Koji Yamamura.

Baleias são animais maravilhosos, fiquei encantada com uma baleia que vi num show aquatico em Okinawa. Ela era muito inteligente, uma graça, parecia ter uma mente humana!! São animais que merecem uma chance de viver. Isso mexe muito comigo, chorei no fim do comercial. Porque eu comecei minha "carreira voluntaria" no Greenpeace. Seria uma otima ecologista. De vez em quando, dá vontade de largar essa porcaria de "mundo nikkei", cheio de mediocridades, e ir lá, salvar baleias e golfinhos pelo mundo.

http://www.youtube.com/watch?v=ozx1fzzuXdE

segunda-feira, setembro 24, 2007

Começo de semana...

Nesse fim-de-semana, dei um treinamento de comunicacao no 100, antes disso ajudei o pessoal do Seinen a fazer sanduiches, e depois do treinamento, assisti um pouco do "Festival de Danças Folcloricas Internacionais", no Bunkyo. Foi muito legal, um evento que realmente vale a pena! e tambem tem as barraquinhas de comidas tipicas (humm), comi o bolo de caramelo da Alemanha, e o pastel de queijo da Grecia.

A abertura foi com o grupo da Espanha, que deu um show de música ao vivo. Depois veio a Ucrânia, e depois a Africa deu um verdadeiro espetáculo. Meu Deus, como eles dançaram!! O nome da companhia é Africa2, e eles são maravilhosos no palco, com referencias à dança nativa africana, dança contemporânea e capoeira.

Eles deram um super astral no evento. Tinha um casal de bailarinos que era pura energia, eu nunca vi algo parecido, eles se moviam como se fossem etéreos!! No solo do bailarino, ele pulou do palco para as cadeiras do público, pulou e se equilibrou em uma cadeira, e depois correu por todo auditorio. E tudo isso dançando!! Meu Deus, foi muito lindo!! Coitado do pessoal da Suíça, que entrou depois...nao tinha como superar!!

Nesse final de semana, assisti muitos DVD´s com meu namorado: "Muito gelo e dois dedos d´agua" com a Mariana Ximenes, "23" do Jim Carrey, "A Promessa" de Chen Kaige e "Os Condenados". Sobre esse ultimo, sem comentarios. E Yasuo Fukuda foi escolhido como novo-primeiro ministro do Japão. Eu conheço um homonimo Yasuo Fukuda aqui do kenjinkai no Brasil, e o velhinho é muito querido!! Se o premie for 10% do xará brasileiro, já está muito bom.

Confira abaixo uma traducao rapidinha que eu fiz de uma materia com o Osamu Maebashi, um jovem que já morou na rua em Tokyo, mas se reergueu. Para um japones, pedir um simples onegai (favor) já é dificil por causa do orgulho. Imagine entao morar na rua, nao ter casa, nao ter endereço.

É uma vergonha, é algo que realmente derruba a auto-estima de uma pessoa. especialmente no Japao. E com a crise economica, essas coisas realmente tem acontecido por lá. E esse cara, o Maebashi, está fazendo alguma coisa pra ajudar. Será que ele vem para o Brasil algum dia?? Vou enviar um email!!

Recomeçando...

Em 1989, Osamu Maebashi morava na rua, aos 21 anos, sem ter esperanças no futuro. Nascido em Kamogawa, na província de Chiba, ele tentou carreira como surfista profissional, mas não conseguiu e acabou deixando a cidade natal e indo para Tokyo.

Chegando lá, acabou morando na rua, dormindo em parques e obras inacabadas, comendo sobras de comida de lanchonete ou alimentos fora do prazo de validade, de lojas de conveniência. Depois de dois anos nesse estilo de vida, um mendigo maltrapilho alertou que ele ficaria doente, se continuasse a viver assim.

O aviso do morador de rua despertou Maebashi.”Percebi que não podia continuar vivendo daquele jeito”. Ele começou a trabalhar como entregador de moveis, e devido á experiência anterior nos “bicos” como operário de construção, conseguiu um bom resultado nessa firma.

Em 1997, Maebashi criou uma companhia, que se chama M Crew, contratando pessoas para fazer trabalhos de entrega de materiais, instalação e limpeza. Em 2003, criou um novo negocio chamado “Rest Box”, que oferece camas para aluguel. Cobrando cerca de 1000 ienes por noite, possui atualmente 22 locacoes em Tokyo, com camas, colchão, chuveiro, televisão, maquina de lavar e refeitório.

O publico-alvo do negocio são os homens que perderam suas casas e tornaram-se trabalhadores eventuais (arubaito), que não conseguem alugar um local para morar. O Rest Box funciona como uma “base” para essas pessoas, que ganham um endereço e uma segunda chance para recomeçar. Um dos moradores conseguiu economizar 1 milhao de ienes (US$ 8500) em seis meses, abriu sua própria empresa e alugou seu próprio apartamento.

Maebashi já viajou aos EUA, conhecendo a rede de assistência social para moradores de rua, e verifica a possibilidade de ampliar seus negócios para fora do Japão. O empresário acredita em trabalhar, ganhar dinheiro, e depois usá-lo para ajudar as pessoas a retomarem sua auto-estima.
“As pessoas crescem e se desenvolvem pelo trabalho. O que nós oferecemos não é caridade, mas um serviço. Este pode ser o ponto de partida para que eles cresçam em busca de novos desafios”.

(The Japan Journal, janeiro 2007)

quinta-feira, setembro 20, 2007

Experiencia zen!!

Hoje acordei, trabalhei e fui para uma reuniao com o M, e a conversa foi indo, indo, estava tão boa, e no final, a gente foi almoçar no Okuyama. Daí uma coisa muito estranha aconteceu, e confirmei o que eu sempre soube: sou meio sensitiva!! Sim, eu juro!! Tenho alguma coisa de premonição!!! Nao é loucura!!!

Pedi o gyoza teishoku. No meio do almoço, o M. comecou a falar algumas novidades sobre a familia dele, e eu juro que eu sonhei com isso, mas foi no ano passado!!! Na epoca, eu falei pro meu namorado: olha que coisa, sonhei que estava almoçando com o M...e eu nem imaginava que um dia seria amiga do M a ponto de almoçarmos juntos.

O dialogo foi igualzinho, ele falando da filha e do filho, e da vida deles. E eu nem sabia o nome deles antes!! Foi uma coisa muito deja vu. Surreal!! É um dom misterioso, que nao sei bem pra que serve. Espero ter mais sonhos premonitorios pra descobrir a funçao deles!!

Depois dessa experiencia sensitiva-zen-premonitória, fui trabalhar. E depois fui pro Centenario trabalhar mais. E tive muitas reunioes de trabalho, e falamos tb sobre sonhos e realizacoes. É bom ter sonhos e batalhar por eles. É isso que dá sentido pra vida, nao é mesmo?? Sair as 21 horas nao tem problema. O que importa é fazer a diferença. Eu sei que cada dia meu faz a diferença. Isso que vale.

Hoje perdi a chance de conhecer a T., super jornalista de uma grande revista, mas td bem, quem sabe oq nos guarda o futuro?? E na reuniao do 100, comemos somen, um macarraozinho gelado, bem gostoso, preparado pela L. Foi chiquerrimo!! E agora, tomando suco concentrado de morango com maçã, me despeço pra sonhar um pouquinho. Bjs.

quarta-feira, setembro 19, 2007

Persona

Estou passada com a noticia de que o Cesar Giobbi nao faz mais a coluna Persona do estado de S. Paulo. Hoje foi a ultima coluna dele, com uma despedida triste e ao mesmo tempo, esperançosa, Simplesmente inacreditavel que o Estadao faça isso, pq o Giobbi é uma referencia, criou um estilo, e será substituido por uma equipe interina, e depois pela Sonia Racy??

Será uma experiencia muito triste abrir o Estadao e nao ver mais a coluna do Cesar Giobbi no Caderno 2. É como uma Ilustrada sem Monica Bergamo. Sao as primeiras paginas que eu abro o jornal, sempre, porque eu acho que esses colunistas praticam um jornalismo diferente, rapido, direto e inovador, q cria tendencias e observa o mundo, as novidades, as pautas...=)

Almocei hoje as 16h30 na lanchonete Nova Era. Tomei suco de laranja e comi um bauru. Pessimos habitos de jornalista, preciso voltar a almoçar num horario de gente, e a me cuidar melhor né?? E para ver em que mundo estou, totalmente fora do ar, fui surpreendida com a renuncia do premie Shinzo Abe, que foi dia 12. Eu nao tinha visto nada a respeito nos jornais, que horror!! Em que mundo estou??

Agora muitas reunioes, muitos compromissos, muita coisa pra fazer. Amanha tenho varias reunioes tb, e na sexta-feira, medico pra fazer meu checkup. Só nao vou contar pro medico que estou almoçando junkie food as 16h30 da tarde, ou ele vai achar estranho né?? Bjs

terça-feira, setembro 18, 2007

Gibis e trabalho

Estava assistindo ontem o programa do Jo com a Madeleine Peiroux. Oh meu deus, se tem algo que eu queria muito, muito, muito é ir no show dela. Mas infelizmente nao dá...ai que tristeza...vou ter que me contentar com o CD mesmo...adoro Madeleine Peiroux!!

Hoje passei o dia no telefone, agendando reuniao, desmarcando reuniao, passando contatos para imprensa, atendendo mais gente. Vida de assessor de imprensa nao é facil nao. Ainda mais quando a assessora é super legal e solícita como eu. E modesta, logico, que ninguem é de ferro. ^.^

E tem mais: hoje a Lumi apareceu no SPTV falando de etiqueta japonesa, foi muito legal! E creio que eu ajudei nessa producao, pq entrevistaram Koichi Mori tambem. E eu lembro de ter atendido o produtor há coisa de um mes...o mais engraçado é que o assessor de imprensa NUNCA aparece né? Mas tudo bem, minha vida anonima é muito mais legal!!

Uma coisa muito bonitinha aconteceu no domingo: estava comprando o JT numa banca no shopping, e chegou um menininho pra comprar um gibi da Mônica, aliás, é um gibi novo, com historinhas de uma só pagina (uma idéia interessante, né? Rápido pra ler e entender...).

E como eu estava lá comprando, ele esperou pacientemente, estendendo o dinheirinho dele. O estande da banca era meio alto, repleto de revistas, e o vendedor não tinha percebido o menininho, mas ele foi tão bonitinho, que eu avisei tb. E ele pagou e saiu com a revistinha, todo feliz.

É bom quando a gente é criança, quando um simples gibi faz a gente feliz e contente. Depois a gente vai crescendo e "sofisticando" o gosto, acrescentando um monte de coisas inúteis (e muitas vezes fúteis) à nossa rotina cotidiana burguesa. Gibi é tudo de bom! Eu leio gibi! E fico rindo sozinha durante a leitura! Bjs.

segunda-feira, setembro 17, 2007

Cotidiano na cidade

Hoje tive uma reuniao muito boa e nostalgica no Cia. Oriental, com Y. e J. Depois fomos eu e J. para outra reuniao super fenomenal, com o pessoal do Anhembi. Foi bacana e pude ajudar uma menininha com rinite, emprestando pra mae dela, a P., o meu maravilhoso óleo essencial organico de menta, que comprei na Beauty Fair por apenas R$ 10 e que descongestiona os bronquios e bronquiolos na hora. Uma maravilha nesse tempo sem umidade de SP. O pessoal adorou!!

Depois voltei pra casa de metrô, porque o Julio teve que ir pra Oz, e no metro, a moça que faz a locução do nome da proxima estacao se atrapalhou. Ela disse: "proxima estacao - Sao Bento". Percebendo que errou, ela suspirou e disse bem baixinho "droga". E completou: "Retificando, proxima estação - Sé". Foi meio surreal, porque realmente deu pra escutar ela praguejando no microfone...afinal, temos que tomar muuuito cuidado com microfones.

Putz, pior que hoje tive uma pessima noticia, alias, pessimas noticias. Vou ter que dar um jeito de arrumar as coisas, mas como dizem por aí, Deus nao coloca nas nossas maos mais peso do que conseguimos carregar. É só fazer mais levantamento de peso pra ficar bem fortinha. E ontem comemorei meu aniversario com o pessoal no Karaoke Porque SIM, na Libas. Foi muito legal cantamos bastante!! E terminamos a noite comendo lamen no Aska. Uma delicia! Bjs.

sexta-feira, setembro 14, 2007

Almoço estrelado

Hoje fui almoçar com C. e H. no Kosushi, do sushiman George-san. Ficamos conversando muito, comendo sushis maravilhosos, shimeji com manteiga embrulhado no papel aluminio, e de sobremesa, uma "maravilha de frutas" - frutas vermelhas, sorvete de creme e suspiros com calda de morango.......hummmmmmm!! Só de lembrar, fico com agua na boca!!

E a H. explicou muito sobre a dieta do tipo sanguineo. Eu, que sou AB, posso (e devo) comer derivados de leite, mas carne vermelha com moderação. É um assunto interessante, acho que vou comprar o livro!! Depois disso peguei muito transito, um transito realmente horrivel, tentando ir para uma reuniao no Anhembi.

Nao consegui, depois de ficar 1 hora e meia parada na 23 de maio. Teve uma hora que eu simplesmente desisti de ficar lá aspirando fumaça e gastando combustivel à toa, saí da 23 e fui para o Bunkyo. Minha amiga contou que a batian dela caiu hoje no golpe telefonico e perdeu uma fortuna.

Ligaram dizendo que o pai da minha amiga tinha sofrido acidente, e a batian acreditou e foi levar o dinheiro para o bandido. A gente incentivou eles a registrarem BO, porque coisas assim nao podem continuar acontecendo. Se a gente nao registrar, as coisas vao piorar cada vez mais. Bjs.

Dia afinado

Hoje tive reunioes muito bacanas, na Vila Olimpia, no Bunkyo, no Hiroshima, na Aliança...ufa, cansei de tanto andar!! Centenario está indo, Festival está indo, Aliança está indo. Muito trabalho, é bom!! Almocei no Lugar 166 com o K. e foi bacana, é um restaurante agradável e muito legal. Saladas maravilhosas, e eu adoro salada!! E almocei na hora do almoço, um pequeno milagre cotidiano!!

Mais tarde fui no Franz Café com o O. e tomei um tal de "chá verde com limao siciliano". NAO engula essa mentira! É simplesmente Feel Good com suco de limão. Praticamente é o proprio Feel Good, mas pelo preço de 1 litro voce toma só um copinho.

Fui e voltei do Bunkyo a pé hoje. Mereço um prêmio, porque subir a Tamandaré de salto alto nao é pra qualquer uma. É deveras dificil, tarefa de equilibrio. Depois arrumei minha casinha, que estava merecendo, e mudei a essencia do meu blog Agencia de Notinhas (www.notinhas.blogspot.com). Antes, eu pensava nele como um "distribuidor de releases". Agora, vou tentar transforma-lo num Bluebus nikkei. Vamos ver o resultado!! hihihi...

Estava com a TV ligada no "Linha Direta", um desses programas trash. Tinha um pai e um filho que atraiam as pessoas pra sequestrar, oferecendo falsas maquinas pra venda. E quem ia buscar essas pobres pessoas enganadas era um japonês! Olha que sacanagem!! Geralmente, as pessoas nao desconfiam de um japones vendendo maquinas!! Mas desconfie desse: Paulo Kenji Yamauchi. SIM, Yamauchi!! Tá vendo porque a noticia chamou minha atencao??

Pior que esse cara é quase homonimo do meu tio, Paulo Satoshi Yamauti. E meu tio era uma pessoa tao boa, tao boa, que eu lembro que ele levava meninos de rua pra casa dele, pra dar comida, dar roupa, dar brinquedo. Socorria cachorrinhos na rua. Ele ajudava os outros sem esperar retorno, e tinha um coração muito bom. É uma pena que existam nikkeis criminosos. Alias, é uma pena que existam criminosos, nao é mesmo??

Ah, vou comemorar meu niver no karaoke. Domingo. Bjs.

quarta-feira, setembro 12, 2007

Um post aquatico...


Se tem algo que me deixa muito paranóica é o desperdício de água. Sim, a nossa querida água, vulgo H2O, nosso elemento natural mais precioso e fundamental para a vida. Eu realmente acredito que daqui a alguns anos, e não serão tantos anos assim, a gente vai conversar coisas do tipo: “lembra como era fácil antes, quando era só abrir a torneira e saia água?”

É como disse meu tio, que contou pra mim que nadava no rio Tietê quando era criança. Imagina, a cidade matou o rio em tão poucas décadas. Então como será a represa Billings dentro de poucos anos? Pois é, num futuro bem próximo, a água será escassa, a torneira vai estar seca, e vamos todos nos arrepender por ter tratado a natureza tão mal.

Por exemplo, quando tem uma torneira vazando pinguinho de água, eu fico maluca, nervosa, e dou um jeito de fechar a torneira, em qualquer lugar que eu esteja. E também não tomo banho de chuveiro. Chuveiro desperdiça muita água. Eu só tomo banho de ofuro (banheira japonesa), e reaproveito a água depois de 2 dias, para lavar a casa ou lavar roupa.

Ah, eu também não tenho maquina de lavar roupa. Essa é uma maquina do inferno, que só desperdiça água limpa. Você já pensou quanta água boa se perde nesse processo de lavar roupa, fazendo 2 enxagues? Eu lavo minha roupa à mão, e com água do ofuro.

Claro, eu admito que esse processo não é muito moderno, e provavelmente nem a minha batian fazia isso, mas tratam-se dos meus princípios. Eu não desperdiço água preciosa e valiosa com tarefas vilipendiosas. Outra coisa que eu não faço é lavar o carro. Eu gosto quando ele fica bem sujo, tão sujo que faz uma camada de poeira por cima da tinta, cheia de texturas cinzinhas e marrons bem definidas. Gosto é gosto!!

Dessa maneira, além de economizar água para o mundo, eu economizo plins-plins, e tb os flanelinhas nem passam perto do meu carro com medo de se sujar. Pena que o meu namorado escreveu “sujinho” e “lave-me, sou porquinho” no meu carro na semana passada. Daí não teve jeito, tive que mandar lavar...=)

E só pra completar esse assunto da água, outra maquina moderna que eu simplesmente o-de-i-o é o Vaporetto. Que idiota teve essa idéia tão imbecil de criar uma maquina que utiliza a força mecânica da água pra limpar folhas e cocô de cachorro?? Tarefas que poderiam ser facilmente cumpridas com uma prosaica vassoura consomem dezenas e dezenas de litros de água boa, pura e valiosa. Eu passo mal quando vejo um Vaporetto funcionando na minha frente. Ai ai ai...e o que fazer, se as pessoas são tao preguiçosas?? Bjs.

segunda-feira, setembro 10, 2007

Niver da Erikitty

Hoje é meu niver! Ganhei presente, recebi telefonema das minhas amiguinhas, estão chegando muitos scraps no orkut e pra completar, bolinho de aniversario. Muito chique! Vou organizar uma festa no sábado, pq afinal de contas, niver em plena segunda, pós-feriadao, ninguém merece, né??

Nesse feriado, aproveitei pra descansar. Assisti um filme lindo com o Hugh Grant e a Drew Barrimore – Letra e Musica. E meu namorado fez sushi pra mim, muito sushi, muito sushi meeesmo!! Humm, foi super bom!! E fomos na quinta-feira no Deigo, um restaurante com comida típica de Okinawa, lá na Liberdade. Provei um okinawa soba muito saboroso!! Vamos voltar!!

E na quarta-feira, mesmo morrendo de sono por ter acordado às 5h20 da manha pra atender o reporter do Bom Dia SP, fomos num show de blues no Bourbon Street e ficamos até quase 2 da manhã. Foi uma balada divertidíssima! E de manhã, na quinta, ainda acordei as 8 pra ir numa reunião do FJ. E trabalhei ate as 21 hs, com reuniao. É mole?

O show no Bourbon Street foi muito bacana, com um sonzaço da banda do gaitista Robson Fernandes. Os caras tocam muuuito!! Acesse o site http://www.robsonfernandes.com pra saber mais sobre a banda, vale a pena ir no show deles!! Bjs e feliz niver pra mim!!

terça-feira, setembro 04, 2007

Retorno à blogosfera

Puxa, meu blog anda mais abandonado do que cachorrinho de rua. E eu morro de pena de cachorrinho abandonado. Nesses tempos fora da blogosfera, coordenei Festival do Japão e uma pá de outros eventos, assisti muitos filmes, li muitos livros, completamos 4 anos juntos, dei banho na minha cachorrinha e fiz mais um montão de outras coisas.

Bem, hoje tive reunioes maravilhosas! A primeira foi no restaurante Kinu, do chef Adriano Kanashiro, onde almocei sushi, sashimi, salmão grelhado com purê de kabotchá, e de sobremesa, tempurá de manga com sorvete de baunilha!!

Hummmmmmmm....lógico que eu não sou uma glutona: explico melhor - não só a comida estava ótima, mas principalmente a reunião foi muito boa! Mas não posso ficar espalhando na net os resultados né? E de noite, tivemos outra reunião na Paulista, com resultados fantásticos!! Só não tive tempo pra outras coisas, mas enfim, o dia valeu a pena, apesar do corre-corre.

Nesse ultimo sábado, K, Y, A e eu fomos na abertura da Beauty Fair, por causa dos arranjos (do bem) do super P. Foi a coisa mais maravilhosa do mundo, eu me senti na Disney, com aquele monte de cremes baratissimos e utilíssimos, e maquiagem super bacana (e barata) e um monte de novidades da área de cosméticos. Fiquei momentaneamente super vaidosa! Comprei uma porção de coisas e não ultrapassei meu orçamento, que era de R$ 50. Let´s be glamorous!!

Estava assistindo agora o Jornal da Globo, com uma matéria chocante sobre prostituição infantil lá no Ceasa. Como pode uma nojeira dessas acontecer em plena luz do dia e ninguém fazer nada?? O mais curioso é que o produtor é japa, um jornalista que trabalhou no Diário de SP na mesma época que eu.

Na matéria, um feirante (japa) fala pra ele algo do tipo, “escolhe outras meninas, pq essas daí são abunai”. Abunai significando “perigoso”. Perigoso, alarmante e extremamente revoltante é saber que essas coisas absurdas acontecem na cara da gente, e ninguém faz nada. Será que o mundo pirou??? O que será que acontece com esse mundão de Deus??? God bless us. Bjs.

PS: finalmente meu cabelo cresceu!! com algumas falhas, mas cresceu. Segundo meu namorado, apenas eu - neurotica - percebo as falhas. Mas que elas existem, existem. =&

quarta-feira, julho 04, 2007

Corte de cabelo....inoportuno


Ai meu Deus. Em abril, cortei meu cabelo e adorei o resultado, então pensei “devo cuidar melhor do cabelo”...por isso resolvi tratar do jeito certinho, cortando de 3 em 3 meses, e fui ontem cortar o cabelo de novo com o mesmo cabelereiro, no mesmo salão, no mesmo horário...falei pra ele repetir o corte, mas não sei o que aconteceu, e o resultado ficou horrível! Fala serio, o que eu faço agora??

Bom, tenho certeza que o cara não vai ler meu blog, porque estou desesperada, a franja ficou muito curta, o cabelo ficou muito fino e eu estou rezando pra crescer rápido, porque vou usar fivela e elastico pelo menos essa semana pra não arrancar os cabelos!! Que situação mais besta...agora tb decidi que eu não vou mais no cabelereiro de 3 em 3 meses Hunf.

Ontem assisti Piratas do Caribe 3 no Santa Cruz. Saímos do cinema quase 1h30 da manha, foi algo absolutamente fora da rotina semanal. O filme é muito legal, divertido, engraçado, com muitas reviravoltas e confusões.


Achei que aquela parada da Calypso enrolou bastante o roteiro, mas foi muito engraçado o Keith Richards, e as loucuras do Jack Sparrow. O capitao Barbossa do Rush é muito bem construido, quase rouba a cena com o capitao Jack. Encontrei o S. no cinema, e ele disse pra ficar até o final, e a gente ficou, é bacana!! Mas nao vou contar!! Bjs.

terça-feira, julho 03, 2007

Voltando ao ar....

Preparativos para diversos eventos me impedem de dar muita atencao (ou qualquer atencao) ao blog. Por exemplo, no ultimo sabado, ajudei M. no Miss Tanabata.

Flores, jurados, tabelas, correria, contando com a ajuda de voluntarios super bacanas num ambiente de bagunça total, mas foi super nostalgico e alegre, por relembrar momentos felizes que a gente viveu no Tanabata.

Um dos eventos mais lindos que ja tive a honra de ajudar na organizacao. Realmente amo o Tanabata, organizaria numa boa, porque sei que muita gente tb ama esse evento, é um clima muuuito gostoso!!!

Bom, minha falta de tempo é uma pena, porque aconteceu tanta coisa bacana! Ontem por exemplo, tive almoco no restaurante natural com a K., A. e L., e foi muito, muito legal e divertido. Alem de conversar e bater papo, deu pra pensar em novos trabalhos, novas opcoes e muitos projetos novos. A vida é mudança, nada é permanente! Vamos buscar mudanças!!

Depois teve palestra na Fundacao sobre budismos. Na primeira, simplesmente boiei legal. Na segunda foi mais interessante. E depois fui no banco, e fui pra uma reuniao de organizacao do Bazar do Ikoi-no-Sono, asilo lá em Guarulhos do qual sou diretora. Foi super gostoso, apareceu um monte de gente, até gente que pensei que nao fosse...foi reconfortante saber e sentir que nao estou sozinha nesse “trem”.

Isso me lembra algo importante. Descobri que tem gente que nao faz a minima ideia de tudo que eu fiz, ou estou fazendo, pelas pessoas. Esclareço: nao é pela dita “comunidade nikkei” que me esforço tanto. Isso é consequencia, porque se eu passo meus fins-de-semana ajudando no Bunkyo ou num kenjinkai, é pela cultura, é pelas pessoas, é pelo bem do mundo. E acho que a maioria de nós, voluntarios do seinen, pensa assim.

É muito estranho uma coisa dessas nao é? A gente cumprimenta as pessoas, fala oi, fala tchau, mas na verdade, o que vemos é a superficie de cada um, sua mascara. Nao sabemos o que a pessoa faz, o que ela sonha, o que ela busca na vida. Talvez seja consequencia desse mundo maluco em que vivemos. As pessoas sao ilhas, e não formamos arquipelagos. Ainda bem que encontrei meu arquipelago, minha posicao geografica no mapa mundi, enquanto muita gente continua perdida! Bjs e até um proximo post.

Antes que seja tarde
Pato Fu
Composição: John/Fernanda Takai/Tarcísio Moura

olha, não sou daqui
me diga onde estou
não há tempo não há nada
que me faça ser quem sou
mas sem parar pra pensar
sigo estradas,sigo pistas pra me achar
nunca sei o que se passa
com as manias do lugar
porque sempre parto antes que comece a gostar
de ser igual, qualquer um
me sentir mais uma peça no final
cometendo um erro bobo, decimal
na verdade continuo sob a mesma condição
distraindo a verdade, enganando o coração.....

sexta-feira, maio 18, 2007

Historias da minha batian...

Uma lembrança bem clara da minha infância é que eu acompanhava minha batian nos ensaios dela de minyo. Era na rua Galvão Bueno, mas não lembro qual era a casa. Sei que a gente subia uma escada, e era um salão onde os odissans e obassans ficavam cantando minyo e tocando shamisen. E eu ficava lá passando tempo, comendo (muito) doce e ouvindo as musiquinhas!!

Tambem lembro que ela me levou um dia no Ikoi-no-Sono. Ela sempre visitava os velhinhos do Ikoi, levando docinhos e salgadinhos. Fui pensar nisso dia desses, porque estava remexendo em umas coisas dela (minha batian morreu há 2 anos), e encontrei uns caderninhos, onde ela escrevia varias coisas – em japonês.

Pena que eu não saiba ler (quem mandou fugir da escola??), mas deu para entender algumas frases. E ela estava falando naquele trechinho sobre as visitas ao Ikoi e ao Kibo-no-Ie. É engraçado pensar que numa família "noiada" como a minha, em que todo mundo pensa no próprio umbigo e ninguém – repito – ninguém – faz trabalho voluntário, eu mesma acabei entrando nesse caminho do bem, da solidariedade. E sou feliz. Muito feliz!

Outra coincidência: apesar de ser muito ausente, ainda sou diretora do Ikoi, não é mesmo? Mas ando muito ausente. Ai ai ai...é tanto trabalho voluntário que às vezes não dou conta mesmo. Por mais boa vontade que eu tenha, não dá pra largar minha vida profissional – e pessoal – por causa do trabalho voluntario. Já fiz isso por longos anos, e não posso mais me dar ao luxo de ficar empacada na vida. Serei muito mais útil à sociedade como milionária!

Bem, nessa semana trabalhamos, eu, K. e A, juntas, na divulgação de 8 eventos culturais ao mesmo tempo. Sugoi desu ne...e ainda terminei a revista da Aliança, e fiz um monte de outras coisas. Foi uma semana de muito esforço, horas incontáveis ao telefone e muito bom humor e conversas. E nesse final de semana tem BUNKA MATSURI - participe!! www.bunkyo.org.br. Vai sair na Vejinha!! Eba!! Eba!! Sucessoooo!!

Ontem fui jantar temaki de salmão, cebolinha e maionese no Okuyama. Hum. Muito bom! E meu namorado pediu o lamen especial. Muito bom tb. E para encerrar, vi uma noticia linda no SPTV agora mesmo: um cachorrinho vira-lata caiu no rio Tamanduatei, mobilizou os bombeiros e o público, nadou com as capivaras, foi resgatado e no final, não foi para o maldito CCZ (onde poderia ser exterminado). Um borracheiro adotou o cachorrinho!! Que lindo, que lindo!! Existe esperança enfim!! Bjs.

sexta-feira, maio 11, 2007

Sakura moti - o doce mais maravilhoso

Adoro andar na Liberdade! Ontem fui no Yoka comer pastel e tomei chá verde. Muito bom! Mas o melhor foi depois: fui na loja Kanazawa comer o doce favorito da minha vida, o doce mais perfeito do mundo, no qual sou viciada: sakura mochi, que é um mochi com folhas de cerejeira. Ficaria muito triste se a Kanazawa fechasse. =(

E pra comprovar que aquele é realmente meu lugar preferido na Liberdade, uma loja que está no meu coração, eu entrei, pedi meu sakura mochi, e o que estava tocando no DVD? “It had to be you”, em sax. Perfeita combinação entre o doce mais perfeito do mundo, o chá mais quentinho, e a melhor musica. Adoro essa musica.

Ontem na minha reunião lerdinha, que foi até quase 21h30 (e era pra terminar as 20), teve uma apresentação de escola de samba. Ai meu deus, será que vou ter que pisar numa escola de samba pela primeira vez na vida? Confesso que odeio carvanal!! Só gosto do feriado. Ai, e agora? Talvez seja legal acompanhar pra saber como funciona uma mega-estrutura de escola de samba. Mas pandeiro e cuíca não é comigo não!

Você sabia disso? Juro que eu não sabia! Estava de bobeira no bluebus mas aprendi. Agora estou tirando tudo da tomada.

09:14 A Nokia anunciou hoje que seus aparelhos vao passar a alertar os usuarios para que eles despluguem os carregadores das tomadas quando os celulares estiverem com as baterias carregadas. Alem de soar um bip, os aparelhos vao exibir o texto - 'Battery is full, please unplug the charger'. A fabricante diz que a medida poderá poupar energia para abastercer 85 mil casas por ano. Segundo Kirsi Sormunen, vp de assuntos ambientais da companhia, o equivalente a cerca de 2/3 da energia usada por um celular sao perdidos quando o aparelho é desplugado apos estar carregado, mas o carregador permanece na tomada. 11/05 Blue Bus

It Had to be You
It had to be you, it had to be you
I wandered around, and finally found
The somebody who could make me be true
Could make me be blue or even be glad
Just to be sad just thinking of you
Some others I've seen might never be mean
Might never be cross or try to be boss
But they wouldn't do
For nobody else gave me the thrill
With all your faults I love you still
It had to be you
It had to be you
It had to be you

terça-feira, maio 08, 2007

Receitinha direto do Japao!

Sabe-se lá o que as pessoas pensam. Acho que meu ditian está em uma enrascada, e não posso fazer nada para ajudar, pelo menos, não no momento. Vou ter que esperar para agir.

E esses dias eu fui no “Achapa” pra jantar com meu namorado, escolhi um hot dog muito gostoso. Caro tambem, mas muito bom! E compramos presente para a mãe do meu namorado, e um monte de material de construção pra fazer umas reformas em casa.

Hoje trabalhei muito com a K. Minha vida ultimamente é muito trabalho. Mas isso é ótimo, adoro o que faço, sou feliz, muito feliz!! E minhas reuniões andam sempre naquele ritmo chaaaaaaato, com mudanças leeeeeeentas, ao passo de tartaruga. Porque será que japonês é tao enrolado, né?

E confira a receita do NIKUJAGA, direto do site da Fundacao Japao (www.fjsp.org.br), exclusividade do chef Okumura (foto do Marcelo Katsuki, da Folha Ilustrada). Bjs.




Ingredientes
Quantidade para 4 pessoas
Preparo prévio
carne bovina fatiada fina - 300 gramas
batata - 500 gramas - descascar, cortar em 4 e lavar com água.
cebola - 1(20 gramas) - Cortar ao meio e cortar em 1 cm de espessura.
ito kon’nyaku - 250 gramas - Lavar com água e cortar em 15 a 16cm.
Shoyu - 5 colheres grandes
Mirim - 4 colheres grandes
Saquê - 4 colheres grandes
Açúcar - 4 colheres grandes
Caldo de peixe - 2 xícaras (colocar em 2,5 l de água, 10gr de bonito seco ralado, aferventar e coar).
Panela com tampa de 22cm de diâmetro

Modo de preparar:
1
Colocar os ingredientes shoyu, mirim, saque, acucar e caldo de peixe na panela e aferventar. Colocar a carne, batata, cebola e ito kon’nyaku. Colocar uma tampa menor que a panela (se não tiver, pode ser papel alumínio) e retampar a panela com a tampa própria. Cozinhar em fogo médio cerca de 15 minutos até a batata ficar macia.
2
Quem gostar de tempero mais forte, após retirar o cozido, ferver o caldo até reduzir o volume e colocar por cima dos ingredientes.

Obs.1: se a carne for magra, fritar os ingredientes no óleo, antes de cozinhar.

quinta-feira, maio 03, 2007

Curiosidade dinossáurica


Para a minha serie praticamente infinita de “bobagens jornalísticas”. Imagine um jornal televisivo noturno. Uma matéria sobre dinossauros. Eis a passagem do repórter: “pesquisadores comprovam que dinossauros viveram aqui há 37 MIL anos atrás”.
Bom, devem ter sido dinossauros muito serelepes, já que na verdade eles viveram na Era Mesozóica, que se estendeu desde 245 milhões a 66 milhões de anos atrás. Onde estão os editores nessas horas? Será que foram engolidos pelos dinossauros? Eu realmente devia parar de assistir TV. =)

Hoje foi um dia de intenso trabalho, com muitas, muitas, muitas ligações para jornalistas dos mais diversos veículos. Pois é, essa é a vida de um assessor de imprensa, que não é fácil não, não tem muito glamour. Ainda mais quando se tem 3 eventos “prioritários” para divulgar ao mesmo tempo. Coitada da K, que me ajudou a tarde toda. Depois fomos ao shopping para desestressar. Mas eu fui mesmo para comprar a revista VIDA SIMPLES deste mês, que traz uma matéria que eu ajudei a divulgar (do Fumi Masuda). Êba!

Minha cachorrinha Sasha fugiu hoje porque algum idiota deixou a porta da minha casa aberta, e ela desceu a escada, rasgou a tela de nylon, e saiu correndo pela rua. Graças a Deus (e existe Deus), uma moça que trabalha em frente de casa, no teatro, conseguiu resgatar a Sasha, e como eu não estava em casa, ela deixou a minha cachorrinha no vizinho.

Obrigada Deus, anjos e todas as forças do bem, por terem protegido a Sasha. Porque eu não ia agüentar perder outra cachorrinha, como eu perdi a Mari, a mãe da Sasha (snif). Ela se perdeu e não conseguiu voltar pra casa, e até hoje eu me sinto culpada e arrasada quando penso nisso, mesmo tendo passado anos e anos. Obrigada aos anjinhos (e agradeço tambem a moça do teatro e o vizinho, que merecem um presentão, que eu mesma vou providenciar). Bjs. E obrigada novamente!

segunda-feira, abril 30, 2007

Grelhado favorito!!

Nesse final de semana, inspirada pela C e pelo A, fiz uma receita de okonomiyaki (panqueca japonesa). Em japones, okonomiyaki significa seu “grelhado favorito”, ou seja, você junta e frita as coisas que você mais gosta. Eu coloquei bacon, repolho, cebolinha, só faltou o kani, e ficou - hummm - uma delicia!

Assisti ontem ao filme do Superman em DVD. Caramba, que bom que não fui assistir no cinema. É uma porcaria, o Brandon Routh tem cara de silicone, gestos de robô e olhar de peixe morto. Como pode ter sido ele o escolhido? A Louis Lane, coitada, é meio boba. E o Kevin Spacey como Lex Luthor e suas peruquinhas, e querem que eu acredite que ele ficou rico depois de dar o golpe do baú em uma velhinha? Como pode isso? Deturparam toda historia...

Sábado fui assistir a uma aula de esculturas budistas, e achei o assunto muito interessante (surpreendente até). O professor é muito bacana, a procura foi boa, e espero que dê certo esse curso. Tambem fui na São Joaquim para fotografar os alunos do japones, e aproveitei para dar uma olhadinha na eleição do Bunkyo.

Graças a Deus, Kokei Uehara foi reeleito.Por favor não entenda mal, eu nao tenho nada contra os outros candidatos (Raul Takaki e Akio Ogawa), são pessoas que eu admiro. Mas se fosse mudada a diretoria agora, 1 ano antes do Centenário, seria um processo muito traumático, e acho que a comunidade não precisa de mais traumas, brigas e disputas do que já temos em nosso dia-a-dia. Alias, está um horror a situacao atual. Mas é somente a minha opinião.

E se você quiser aproveitar o feriadão de 1 de Maio para preparar um okonomiyaki, segue a receita da super chef Mari Hirata. É muito fácil, bom e barato!

Ingredientes
Massa
150 g de farinha de trigo
1 col. (sopa) de maisena
1/2 col. (chá) de fermento em pó
1 col. (sopa) de açúcar
2 ovos inteiros
150 ml de água e hondashi (caldo instantâneo de peixe)
1 pitada de sal

Recheio – o que você quiser – kani, repolho, cenoura, bacon, camarão, cebolinha, gengibre, macarrão de yakisoba e todas as coisas que você gostar...bem picadinhas!

Cobertura – maionese, molho tonkatsu, furikake e katsuo bushi

sexta-feira, abril 27, 2007

Qualquer criança

Ontem eu peguei o livro Sorriso Singelo nas maos e fiquei realmente muito emocionada, encantada com os desenhos e as poesias. Shinya Nobuyuki é um anjo, e tem uma alma pura, bonita e singela.
Vale a pena conferir a exposição dos trabalhos de Shinya, que acontece na Fundação Japão de 05 a 12 de maio (confira o release no meu blog http://www.notinhas.blogspot.com/).
Quando li esse poema “Qualquer Criança”, e vi a ilustração, me emocionei tanto que chorei um pouquinho, mas ninguém percebeu (acho), porque estava numa sala aberta. É realmente muito lindo.
Toda criança merece carinho, amparo, porque tem um potencial infinito. E eu penso em quantas crianças brasileiras não conseguem atingir a maioridade, não conseguem alcançar seus sonhos, ou mesmo viver em paz, tranqüilas. Qual será o futuro de um mundo que não consegue cuidar de suas crianças? Onde vamos parar?

Bem, entre brigas e tempestades, vou seguindo a minha vidinha de reuniões, trabalho voluntário, algumas boas surpresas, outras nem tanto. A melhor surpresa que eu tive ontem aconteceu quando estava lendo um simples relatório. Descobri que a minha companhia teatral favorita, o Guekidan 1980, vai vir para o Brasil no começo do ano que vem. Se tem algo ou alguem de quem me considere fã, é dessa companhia.

Eles são fantásticos, lembro até hoje da historia da Chikako Sato, que era uma cantora famosa que morreu na miséria. Mas eles contaram a vida dela sem usar nada, além de cordas, caixas de madeira e a própria voz como instrumento cenográfico. É muito lindo e fabuloso ver o quanto eles conseguem construir algo tão belo e ao mesmo tempo “imaterial”.
E pela comissão do Gueinosai, tive a felicidade de assistir uma apresentação deles no CEU Campo Limpo. Foi mágico ver aqueles olhinhos das crianças brilhando, rindo junto com os atores da companhia. A arte não tem fronteiras! E pode mudar o mundo!

Qualquer criança
A qualquer crianca
Que se diga
Voe é imprestavel
Que se pense
Voce é imprestavel
Se assim agir
Este será o pior erro
Vou saber.

Qualquer criança
Tem em si
Força infinita
Brilho infinito
Que nem em mim
Nem em voce
Há tesouro igual
Por isso
Que demos protecao
com carinho
que demos apmparo
com afeto

poema de Rengue Yamato