quarta-feira, dezembro 09, 2009

Pedir bençao pra quê??

Voce acredita que existe velhinho querendo criar entidade pra decidir quem pode e quem nao pode sair candidato nas eleicoes, ou seja, quem teoricamente vai "representar" a comunidade nas proximas eleicoes? E que tem velhinho que pretende criar uma entidade pra centralizar todas as doações que a comunidade nikkei recebe, daí todas as entidades vão ter que baixar a cabeça e pedir benção pra poder receber as "bençãos" dessa entidade?

Gente, a minha vontade é de pegar esse velhinho na minha frente e falar com todas as letras: vai cuidar dos seus netinhos!! vai viajar com a sua esposa!! vai cuidar da sua vida!! Quem é o sr. pra decidir em quem EU posso votar, ou pra qual entidade EU devo fazer a minha doação?? É o meu voto, é o meu dinheiro!! O que o sr. tem a ver com isso??

Se eu quiser votar no Valter Ihoshi eu voto. Se eu quiser votar no William Woo eu voto, e se eu quiser votar nulo, eu voto. Da mesma maneira, existem N entidades para as quais eu posso doar meu rico dinheirinho, e tenho absoluta certeza que não cabe a um punhado de velhinhos de cabecinha dura essa missão de decidir ditatorialmente quem é merecedor do rico dinheirinho da comunidade nikkei.

Aliás, quais os criterios desses velhinhos, além da cabecinha fora da realidade deles? Como eles vao decidir quem é que "merece" ser candidato, ou qual entidade "merece" ser apoiada? Depois ainda se perguntam porque os jovens saem das entidades, ou pq passam longe das entidades. A resposta é facil: a vida é muito curta pra perder tempo discutindo e aturando esses velhinhos lunáticos. Pra que eu vou ficar pedindo bençao desses odissans e obassans que vivem fora do mundo real??

Logico, a diversidade de ideias é uma das coisas mais fundamentais da democracia. Eles tem o direito de propor essas entidades malucas. E eu tenho todo direito de protestar e nao apoiar. Bjs.

sexta-feira, dezembro 04, 2009

Retornando do exilio...

Nesse ultimo mês eu ando trabalhando tanto, mas tanto, que nao dá nem tempo de escolher quais sao os proximos doramas que eu vou assistir...rsrsrsrs...todos os dias ralando até 10 horas, 11 horas da noite. Email nem olho com muita atencao. Blog entao nem atualizei. E pior que conheço gente que está trabalhando quase 24 horas por dia. Sugoi desu ne!!

Ultimamente, tenho me convencido que nao vale a pena ficar adiando coisas pessoais, consultas medicas e meus projetos e sonhos por causa dos velhinhos e/ou projetos de velhinhos. Tipo, a gente se esforça pra caramba e os velhinhos nao só nao agradecem como nao reconhecem o que a gente faz. Será que é pq eu sou mais jovem, ou pq eu sou mulher? Mas continuo levando numa boa, pq a gente tem que sempre pensar positivo, pra frente, né! É o lema do judo, vc cai 9 vezes e levanta 10 vezes. Nao tem tempo ruim! =)

Eu fui na Nami Choux (www.namichoux.com.br) nesse final de semana e pedi o creme bruleé e o chocolate quente. Maravilhoso, uma delicia, super lindo, bonito e gostoso (e caro tambem, mas de vez em quando, tipo uma vez a cada 2 meses, eu acho que posso me permitir um pecadinho né). E daí eu chego em casa e a confeitaria está em destaque na Vejinha...eu recomendo o lugar é absolutamente LINDO. =)


Nami Choux, no Paraíso, serve guloseimas em ambiente amplo, sóbrio e agradável

Por Helena Galante

02.12.2009

CLEIBY TREVISAN

Carolinas de baunilha: R$ 8,50

Carolinas de baunilha: R$ 8,50

Filha de japoneses, a paulistana Kátia Nami Komatsu tornouse confeiteira em duas etapas. Primeiro, fez um curso na Universidade Anhembi Morumbi. Em 2007, conseguiu um estágio no restaurante Nakamuraya, em Tóquio, e lá passou a aliar a técnica da pâtisserie francesa a ingredientes orientais, como a farinha de moti (arroz pilado) e o feijão-azuqui. De volta ao Brasil, inaugurou há quatro meses sua primeira doceria, a Nami Choux, no Paraíso.

No classudo salão de pé-direito alto, decorado com madeira, mármore e couro, chama atenção uma parede de fi bra de coco repleta de plantas. Sente-se ali perto e experimente algumas guloseimas. Para agradar aos paladares ocidentais, Kátia abriu mão das receitas típicas. Ficou apenas o matchá importado (chá-verde), usado numa musse amarguinha servida sobre outra musse mais adocicada, de chocolate branco (R$ 8,50). O choux, uma carolina comum no Japão, empresta seu nome à casa e aparece em delicadas pirâmides com recheios de baunilha e chocolate (também R$ 8,50 cada um). Bem tirado, o expresso Café do Centro (R$ 3,20) pode vir acrescido de leite integral (R$ 4,50 o grande).


Rua Manuel da Nóbrega, 521, Paraíso, ☎ 3051-3534. 11h/21h (fecha seg.). Cc: todos. Cd: todos. Estac. c/manobr.


quinta-feira, outubro 22, 2009

Enjoy Yourself!

Esses dias assisti pela primeira vez "Todos dizem eu te amo", do Woody Allen, que achei bem interessante e super alto astral. Tem uma cena muito bacana com o enterro de um velhinho que é o avô da familia, um maluquinho. De repente, ele morre. E no enterro, ele se levanta do caixao e começa a cantar e a dançar com outros defuntos.

E a musica fala de uma coisa muito verdadeira: ENJOY YOURSELF. Tem muita gente que vive falando "ah, quando eu fizer isso, vou fazer as coisas que gosto", "quando eu tiver isso, vou fazer isso", "quando eu for mais rico, terei isso", "quando for mais velho, vou querer isso"... mas PERAÍ, o momento de fazer o que voce gosta e o que voce quer é HOJE, e já é até muito mais tarde do que pensamos!!

Meu médico fez o diagnostico mais preciso e eficaz que já recebi na minha vida: o meu organismo reage DEMAIS e é por isso que estou tendo probleminhas de saude ultimamente. Até hoje nao me recuperei da queimadura que tive no Bazar do Ikoi (detalhe, foi em agosto!!). Por isso, nao estranhe se voce me encontrar na rua e eu nao te reconhecer (*ou voce nao me reconhecer). È que estou andando com um boné, oculos escuros e de vez em quando, até sombrinha. Uma insanidade.

Eu me sinto praticamente um vampiro, fugindo do sol como uma maluca. Pior que está chegando o verao...ai ai...e eu PRECISO MELHORAR RAPIDO!! E pelo menos, estou melhorando minha alimentacao, porque voce é o que voce come (e nao quero mais levar bronca de medico). Entao parei de ir nos restaurantes nas esquinas da vida e de comer mal diariamente. Estou trazendo bentô todos os dias! E varios lanchinhos saudaveis como frutas, legumes e barrinhas de cereal. É pesado na bolsa mas faz bem para a saude!!

O dificil é curtir o sentimento de "ENJOY YOURSELF" comendo pao integral light. Quem curte comer isso? É horrivel demais!!! O de granola e nozes que eu comprei era simplesmente pavoroso, incomivel (apenas engulivel). Agora estou comendo pão de iogurte, que é mais comível (nao chega a ser gostoso), mas tem menos vitaminas, menos fibras e mais sal que o outro. Em resumo, é dificil comer direito né?? What the damn.

Ah, nesse final de semana estarei estreando na minha nova carreira de origamista. Hahahaha, darei 2 oficinas de origami no Japan Experience (www.japanexperience.com.br). Se quiser aprender a fazer tsuru, caixinhas, borboletas e arvorezinha de natal, venha participar! No sabado, 12h30 e 15h30. Bjs.

Enjoy Yourself ! It's later than you think.

You work and work for years and years, you're always on the go
You never take a minute off, too busy makin' dough
Someday, you say, you'll go fulltime (*have your fun) when you're a millionaire
Imagine all the fun you'll have in your old rockin' chair

Enjoy yourself. It's later than you think!
Enjoy yourself. While you're still in the pink!
The years go by, As quickly as a wink.
Enjoy yourself. Enjoy yourself. It's later than you think.

You're gonna take that RV (*ocean) trip, no matter, come what may
You've got your reservations made, but you just can't get away
Next year, for sure, you'll go fulltime (*see the world), you'll really get around
But how far can you travel when you're six-feet under ground?

Your heart of hearts, your dream of dreams, your ravishing brunet
She's left you and she's now become somebody else's pet.
Lay down that gun don't try my friend to reach the great beyond
You'll have more fun by camping with (*reaching for) a redhead or a blond.

Enjoy yourself. It's later than you think!
Enjoy yourself. While you're still in the pink!
The years go by, As quickly as a wink.
Enjoy yourself. Enjoy yourself. It's later than you think.

You never go to campgrounds (*nightclubs) and you just don't care to hike (*dance).
You don't have time for silly things like campfires (*moonlight) and a bike (*romance).
You only think of dollar bills tied neatly in a stack
But when you kiss a dollar bill it doesn't kiss you back.

Enjoy yourself. It's later than you think!
Enjoy yourself. While you're still in the pink!
The years go by, As quickly as a wink.
Enjoy yourself. Enjoy yourself. It's later than you think.

quinta-feira, outubro 15, 2009

Quick post

Acabei de assistir o dorama Nodame Cantabile e tambem o especial em que eles vao para a Europa. O maestro Stresseman é uma figura hilariante e a história só melhora a cada capitulo, é incrivel!! Nodame Cantabile tambem vai virar filme com estreia no final do ano lá no Nihon. Vale a pena assistir!!

Mas tem duas novelas que nao vale a pena assistir: Glory Days (totalmente hentai! um menino vai morar com um monte de mulheres "sexies") e Jodan ja Nai (totalmente chata, horrorosa!! é a historia de um cara que casa com uma menina de 20 anos mas já namorou com a mãe dela - ieca). Nesses dois casos, nao assista!! Eu nao consegui chegar no fim do primeiro capitulo. rsrsrsrsrs.

Estou pensando em como fazer para trabalhar em 3 escritorios ao mesmo tempo durante a semana, em 2010. Bom, contanto que nao fique doente de exaustao, eu acho que dou conta do recado. hehehe. Pq o mais importante é a saude, nao é mesmo? Gambarimashou!!

E hoje tive minha prova do nihongo. Ai ai...quero ver a nota que eu tirei. Se for acima de 6 estou feliz, porque é muito dificil estudar nihongo!! E tambem vamos iniciar um curso de Etiqueta Japonesa com a Lumi Toyoda na Aliança, estamos super contentes com o resultado.

Ultimamente, estou viciada nessa musica do Spontania com a Yuna Ito!

sexta-feira, outubro 02, 2009

Nodame Cantabile!!

Vou confessar uma coisa: "Zettai Kareshi", o dorama que eu estava assistindo, é uma comedia. Mas no ultimo capitulo, aimeudeus, como eu chorei!! Chorei mais do que nas ultimas 3 novelas juntas!! Foi muito triste e emocionante!!

E a Rikko me surpreendeu no final, porque ela compreendeu que o amor que o Naito-kun (o robô) sentia por ela era de verdade mesmo. Ai que lindo! E foi super romantico! E ela ajuda ele. E foi tambem super triste...sniff....tadinho do Naito-kun.....ai ai...=)

Agora estou assistindo "Nodame Cantabile", que tambem é baseado num mangá, com uma diferença: fala de musica classica (Brahms, Bethoveen, etc) de um jeito super dinâmico e bonito. Quem gosta de musica vai adorar! Quem nao gosta, tambem vai gostar!

É a historia da Nodame, uma menina hiper talentosa, que toca piano de ouvido, mas é meio displicente na tecnica (a atriz é a Rukia do Last Friends) e do Chiaki, um menino que tem uma tecnica excelente no piano, mas é chato e convencido pra chuchu. E tem um professor alemao que é uma figura incrivel. Eu dei muitas risadas por causa do jeito que ele fala nihongô com sotaque americano, é muito muito muito engraçado, ainda mais pra quem entende a lingua. Engraçadissimo!!

E eu achei bacana porque dentro do enredo, se mostra um pouquinho da história desses grandes artistas da musica classica. Se fizessem algo parecido no Brasil, seria ótimo para a educação da população, porque fala de algo que as pessoas em geral não entendem bem, mas de uma maneira bem simples e light. E o dorama também tem a cena de acidente de aviao e a cena de afogamento mais hilárias que eu já vi na minha vida. É hilário mesmo, de ficar bobo e rir só de lembrar. hahahahahaha.........vale a pena assistir!! Bjs.

quinta-feira, setembro 24, 2009

Zettai Kareshi!

Agora estou assistindo um dorama novo, e parei de chorar (por enquanto pelo menos). Escolhi dessa vez uma comedia, Zettai Kareshi, que passou no ano passado no Nihon e é baseado num mangá. É a historia da Rikko, uma menina super bonitinha e boazinha, mas que nao tem sorte no amor. Daí ela é escolhida pra testar um tal de "namorado perfeito".

Por que é o namorado perfeito? Porque ela respondeu uma serie de testes de personalidade pra definir o namorado ideal. E a empresa acaba entregando na casa dela um namorado perfeito, de acordo com todas as caracteristicas que ela pediu...mas é um robô!!!! rsrsrsrsrs. É muuuuuuuuuuito engraçado mesmo!! Vale a pena!!

Ai, hoje trabalhei muito...zzzzzzzz........sao quase 19 e estou no escritorio (sozinha). Mas tudo bem, que o tempo é curto e precisa ser bem aproveitado!! Estou finalizando uma revista, fazendo releases, e resolvendo pepininhos como sempre. Ah, eu entrevistei o Vicente Amorim, diretor do filme "Corações Sujos". pena que a matéria editada será super curtinha. sniff. E começamos a preparar o FJ 2010. E apareceu uma moça aqui no escritorio (medo). Bjs.

quarta-feira, setembro 23, 2009

De onde vem o arrependimento??

Eu tenho uma mania horrivel. Eu sei que é horrivel, mas nao consigo me controlar. No metrô, eu fico olhando o que as pessoas lêem!! Voces tambem fazem isso?? Eu nao sei o porquê dessa minha mania. Talvez por ser jornalista. Talvez por ser naturalmente curiosa. Mas a questao é que eu fico dando umas olhadinhas a minha volta, enquanto nao aparece o meu horoscopo nas telinhas do metrô. Claro que eu nao fico encarando ninguem - hahahahaha - é só para saber o que as pessoas estao lendo mesmo. hihihi. Tipo pesquisa de mercado.

Por exemplo, hoje, uma moça estava lendo a Biblia; o que eu pessoalmente, acho uma chatice. Outra estava lendo "O alquimista", do Paulo Coelho. Esse eu li e gostei (confesso). E outra menina estava lendo "De onde vem o arrependimento?". Segundo o texto que ela estava lendo, o arrependimento vem de Deus. Mas eu acho que o arrependimento vem do coração das pessoas.

Eu posso dizer - sem duvida - que eu nao carrego arrependimentos na minha vida. O que é passado passou, o que é futuro fica pra frente, e o que importa é o tempo presente. Lógico que eu poderia ajudar muito mais gente, fazer o bem pra mais pessoas, mas a questao é que eu trabalho com as ferramentas que tenho em mãos, parei de sonhar alto com isso. Hoje, eu ajudo as pessoas que eu posso ajudar. Faço as coisas que eu posso fazer e me esforço fazendo-as bem. Por isso, nao tenho arrependimento.

Mas eu conheço pessoas que carregam cruzes nas costas, e tb conheço pessoas que passam o dia inteiro na frente de uma televisao (sabem de cor a programação da TV a cabo, pra vc ter uma ideia do tamanho do "pobrema"). Para as pessoas que levam arrependimentos pela vida inteira, uma dica basica: perdoar faz bem ao coração. E tem gente que sabe perdoar os outros, mas nao sabe perdoar a si mesmo. Nao é interessante como a mente humana é complicada?

Já aqueles que nao utilizam seu potencial de 24 horas de vida para fazer algo bacana, são sérios candidatos a arrependimentos. Porque temos que aproveitar a nossa vida muito bem!! Tem uma cena do "1 litoru no namida" que representa muito bem isso. O dr. Mizuno está conversando com a mãe da Aya e conta a historia de um menininho de 10 aninhos que tinha a mesma doença da Aya.

Os pais decidiram nao contar pro menininho que ele tinha a doença incuravel. E quando o menininho piora, e está no hospital, ele fala pro medico: "kaeshite yo", "jikan wo kaeshite yo", que significa algo como "devolve o tempo pra mim". Porque se o menininho soubesse que ficaria doente, teria passado todo o tempo jogando bola, passeando com os amigos, brincando. E o medico tinha esse sentimento de arrependimento por ter falhado com o menininho. Ai como é triste. mas valeu a pena ter assistido esse dorama. E eu pude refletir que é muito importante ter saude, mais do que tudo. temos que cuidar do corpo, pra nao ficarmos doentes.

E hoje fui no Bom Retiro pra comprar um ziper pra minha costureira arrumar um casaco. Nunca tinha ido lá e fiquei super encantada por constatar que a nossa cidade tem um centro de confeccoes tao forte e bacanérrimo. Sao muitas lojas, uma com roupas mais lindas que a outra. Ainda bem que nao tinha levado dinheiro nem cartao, e por isso consegui sair de lá somente com o meu ziper - hahahahaha. Senao teria ido à falência!! Bjs.

quarta-feira, setembro 16, 2009

Doramas e filmes!!

Ontem fui no cinema assistir "Se Beber nao Case" (The Hangover) no Cinemark do Shopz Paulista. Foi muuuuuuuuuuito engraçado!! Eu sinceramente nao dava nada pelo filme, mas acabou sendo muito divertido e maluco. E o cinema está muito bem instalado!! Gostei bastante!!

Tambem gosto de assistir doramas, que sao as novelinhas japonesas. Essa semana estou assistindo (tardiamente, eu sei), 1 Ritoru no Namida. Literalmente, 1 litro de lagrimas! É a historia da Aya, uma menina bonitinha de 15 anos, que descobre que tem uma doença incuravel no cerebro.

Ai, como é triste!! E ela tem uma irmazinha tao bonitinha, uma familia legal, e está começando a vida na escola, vivendo o primeiro amor, jogando no time de basquete...e está ficando doente...ai ai ai, só assistindo pra saber como é triste. Eu choro tanto - rsrsrsrsrsrsrsr - que chega a ser engraçado!!

Semana passada acabei de assistir "Beautiful Life", com o Takuya Kimura. Ai como eu chorei!! É a historia de uma menina com cadeira de rodas e de um cabeleireiro que se apaixona por essa menina e eles enfrentam e superam um monte de problemas e preconceitos.

É, eu sei que um clichê dos doramas japoneses sao as pessoas com problema de saude. Mas esse dorama é diferente, porque é engraçado tb, misturando uns momentos de drama, romance e comedia, e voce sente muita empatia pela personagem da Kyoko (a menina de cadeira de rodas), pq sinceramente, o Japao é tipo o "país do preconceito", mas eu nao achava que as pessoas tinham tanto preconceito assim com os cadeirantes. Coitada da Kyoko! E o Shuuji, que é o personagem do Kimura, é tao legal e batalhador...e o final é tao triste...snifffff.......vale a pena assistir!! Bjs.

terça-feira, setembro 15, 2009

Como pode??

Faz exatamente uma semana que eu quero matar uma pessoa, uma pessoa especifica, que é o contador aqui do escritorio. Ele nao consegue tirar um documento vital pra gente, e o pior é que ele mente, falando que fez isso, fez aquilo, foi na casa de nao sei quem, e na verdade ele nao fez nada e nao consegue liberar esse bendito documento pra gente. Ou seja, além de incompetente, é mentiroso!! Eu nao tolero incompetencia e mentira, quanto mais as duas juntas!!

Graças a essa pessoa X, estou passando raiva em alguns minutos do meu dia e tendo que pedir desculpas varias vezes ao dia. Duas coisas que eu nao gosto = passar raiva e pedir desculpa - quando sao coisas que eu nao fiz nada errado. O cara nao entende o quanto é importante esse documento. Eu nao aguento mais falar com ele. Bom, que esse sr. X nao venha aqui no escritorio com mais desculpinhas, ou vai levar uma sapatada na cara!! E estou de salto hoje!! E de TPM!! hahahahahaha...

Bom, tirando essas coisas chaterrimas do escritorio, está tudo bem! Estamos correndo com os preparativos do Bazar do Bem (www.bazardobem.com.br), nos dias 17 e 18 de outubro e estou fazendo muitas materias, releases e artes. E ontem vi o shi-tzu mais lindo do mundo na pet shop do Extra da Ricardo Jafet. O mais feliz e lindo shi-tzu do mundo. Ai que vontade de comprar um cachorrinho...quando eu penso que já faz quase um ano que eu perdi a Sasha, me dá um aperto no coração tao forte...eu sinto tanta saudade dela...sniff...mas vamos vivendo a vida, né. Bjs.

segunda-feira, setembro 14, 2009

Que delicia de niver!!

Em japones, urayamashii significa algo como "ai que invejiiiinha...". É exatamente assim que vc, meu prezadissimo leitor, vai se sentir, porque semana passada foi meu niver, e meu namorado fez um sushi especial pra mim e pro pessoal. Estava muito, muito, muito bom!

E o meu bolinho foi a Soraya Akiyama quem fez, da Douce Delice (www.doucedelice.com.br). Simplesmente uma delicia! Escolhi o bolo Fruits Passion, que é super levinho, cheio de frutinhas maravilhosas, e parece 1000% com os bolos do Nihon. Vale a pena por todos os
minimos detalhes! Confira na foto saborosíssima ao lado. Eu recomendo!

Algumas novidades das ultimas semanas:
1) descobri que tenho rinite alergica
2) fechei mais alguns trabalhos
3) fiquei noiva!! (chique né!!)

E nos ultimos tempos, nao tive condições de atualizar meu blog, porque estou correndo muito; incrivelmente o Festival acabou, mas o meu ritmo de trabalho nao diminuiu - só aumentou!! Beijos.

sexta-feira, agosto 21, 2009

Surpresa e almoço muito bom!

Passei essa ultima semana praticamente de cama, por causa de algo muito improvavel. Eu trabalhei muito no bazar do Ikoi-no-Sono, e estava super hiper quente, e como sempre, passei o dia correndo de um lado pro outro, sem beber agua e sem comer direito. Como resultado, tive uma mistura muito nervosa de alergia, insolação, desidratação e queimadura. Pela primeira vez na minha vida, fiquei derrubada depois de um evento beneficente!!! hahahahaha!!

Na segunda-feira, meu rosto estava totalmente inchado, roxo, como se eu tivesse tomado varias picadas de abelha! Em uma palavra, estava HORRIVEL!! Daí fui no médico, daí fui pro hospital, e de lá fui tomar soro, passei o dia praticamente todo no Santa Cruz. E passei mal 2 vezes porque minha pressão caiu muito e estou tomando uma porçao de remedios. Mas agora estou super bem!!

Fora o pavor que senti de ter pego gripe suina porque tinha muita gente doente lá no hospital. E eu, como boa virginiana, sou completamente hipocondriaca, entao...já me imaginei - coff - coff - tossindo. E coff...coff...com febre. Logico que isso é só na minha cabeça, mas me mantive a 2 metros de distancia das pessoas, porque segundo o dr. Y, essa é a melhor maneira de prevenir a gripe suina. rsrsrsrsrs...=)

E ontem assisti OKURIBITO - Departures. Nossa, que filme lindo, tocante, sensivel!! Demonstra muita coisa da cultura japonesa e dos valores que a gente recebeu em casa. É um filme muito japones, e ao mesmo tempo, muito revolucionario, no sentido de nao compactuar com o que é normalmente feito no cinema japones. É um filme que fala da morte de uma maneira muito vivida e terna, e ao mesmo tempo, remete tambem à vida.

O filme tambem me fez sentir muita saudade da minha batian. Eu penso muito nela e tenho saudade de quando ela estava bem. Por isso, hoje fui almoçar no PorqueSim, que é um restaurante muito bom, que me lembra da comida da minha batian!!

Estava sozinha mas pedi um Gyoza teishouku e tambem um Cheese Fry! E comi quase tudo!! Estava muito bom!! depois resolvi passear pela Liberdade, e fui na Marukai e depois, passei na Haikai Disc Laser, que é uma loja que vende e aluga cd´s japoneses. Qual nao foi a minha surpresa, quando eu cheguei na loja e está tudo sendo desmontado!!!

È uma pena, porque para eu, que gosto de J-pop, eu gostava de ir na Haikai pra ver os singles e pegar os cd´s para gravar o karaoke das musiquinhas que eu gosto. E isso é mais dificil de achar na Internet. E muitos odissans e obassans nao sabem que dá pra puxar musica pela Internet. Anyway, acho que é uma pena perder uma lojinha tao bacana. Mas shoganai, porque a vida é assim, né???

E pra voce ver como é facil ajudar alguem: eu vi um email do I. falando de uma moça que está fazendo um projeto no Sebrae e precisa vender 100 kg de bolo até amanha. Daí eu peguei e liguei pra moça e encomendei 1,5 kg de bolo de abacaxi com pessego!! Simples assim!! Eu nao a conheço, mas se eu posso ajuda-la a completar uma meta, porque nao ajudar, nao é mesmo?? E ainda vou comer bolo bem gostoso!! Bjs.

terça-feira, agosto 11, 2009

Harry chato...

Ontem fui no shopping Paulista assistir Harry Potter no novo Cinemark. Muito legal o cinema! Muito chato o filme! Pelo menos pra mim, pq achei o filme muuuuuuuuuuuuuuito enrolado e lento demais pro meu gosto. Eu pensava: "é isso, agora vai acabar!!". E nao acabava. Daí mais pra frente, pensava, é agora, é agora. E nada. rsrsrsrsr. Saimos do cinema quase tres horas depois!!

E estou fazendo curso de origami básico, às 6as de manhã, com a Mari, e de terça e quinta, voltei para o nihongo - modulo 3. Meu sensei tem 20 anos!! Eu acho um absurdo, porque ele sabe tanta coisa aos 20 anos, e eu fugi da escola e fico pensando como eu poderia ter estudado mais e nao penar tanto hoje, para aprender algo que teria sido mais facil antes. hahahaha. Mas é a vida né!! E agora estou ouvindo as musicas do Michael Jackson enquanto escrevo relatorios. rsrsrsrs. Bjs.

segunda-feira, agosto 10, 2009

Coisas de mulher

Nesse exato momento, estou com um post it amarelo grudado no meu dedinho do pé. Isso porque eu vim trabalhar com um sapato peeptoe, lindamente maravilhoso e anatomicamente horroroso, que machucou meus pés em 2 pontoschaves. Como esqueci o band aid em casa, improvisei com um simpatico post it. Agora estou com um sapato preto e um destaque super fashion na ponta do pé. Pior que mulher faz muito essas coisas...

Eu fico pensando em como as mulheres aturam inserir em suas rotinas diárias coisas decididamente horriveis, como manicure, esfoliação, pedicure, depilação da perna, sombrancelha, tintura no cabelo e outras coisinhas mais, que nem vou comentar, e que homens nem sonham fazer! Vivemos numa sociedade muito engraçada, narcisista e autocêntrica. E me incluo nisso, pelo menos nessa parte de fazer pequenas loucuras pela (suposta) beleza. Sou um pouco louquinha mesmo.

Nesse fim-de-semana, fui em uma festa de aniversario de uma pessoa absolutamente louca pelo Corinthians, o campeao dos campeoes. O tema da festa era o time, entao o copinho, a decoração, os presentes, tudo era "timão" - "êô". E eu nem me ligo em futebol. Mas a festa foi simpatica, cheia de coisas pra comer (alias, que pensamentos gordos!). E assisti Spirit e outros filmes no fim-de-semana. Tao bons que nem lembro o nome ou a trama. Preocupante, pq a minha memoria - sempre privilegiada - está falhando.

Outra coisa preocupante é que saí da festa com um monte de balas de coco na bolsa. Eu sei, é coisa de pobre, mas era festa de familia e fui comendo durante o fim-de-semana. Hoje fui olhar a bolsa, e nao encontrei as balas. Ou seja, eu comi as balas e nem tive consciencia do quanto eu comi! Cruz credo! Desse jeito ganharei quilinhos! E ontem, fiz algo que virginianos como eu AMAM fazer: LIMPEZA. Ah, como eu me sinto realizada espiritualmente quando faço uma boa limpeza. É super ZEN, é maravilhoso, sem comentários! Limpe sua casa e sinta os resultados! Bjs.

sexta-feira, agosto 07, 2009

Viver e aprender.

Viver como coordenadora do FJ é assim: durante meses, meses e meses, simplesmente viver para o evento. Respirar o evento. Acordar 7h30 da manhã e trabalhar até as 11 da noite. Sem sábado, sem domingo, sem descanso, só trabalho, trabalho, trabalho. E depois que termina, uuuufffff....voce sente MUITA falta da adrenalina. rsrsrsrsrsrs.

O mais legal é que deu tudo certinho no evento, foi um sucesso. Claro que temos (muitos) pontos a melhorar, mas tambem acertamos muito mais e corrigimos coisas do ano passado. Foi muito bom!! Saber que o seu esforço contribuiu um pouquinho pra montar tudo aquilo lá é muito bacana!! Recomendo a todos essa experiencia de trabalhar e ajudar no FJ pra ver como é legal!! É um aprendizado constante!! Além do mais, muitas amizades e contatos!

E depois dessa jornada nipônica, nada melhor do que ir no cinema pra relaxar! E fui assistir "A Proposta", com a Sandra Bullock e o Ryan Reynolds. Muito legal e engraçado! E tambem fui no Fifties pela 1a vez, e fomos no rodízio e no Sushi Gekko. Ou seja, estou comendo bastante, tudo que nao comi nos dias do FJ!

Ontem assisti o dvd do X-men com o Wolverine. Em uma palavra, HORRIPILANTE!! Porque tinham que estragar toda a historia do Wolverine com um filme tao ruim?? E o filme tambem tem o Ryan Reynolds. hihihihi.

E ontem tambem fui na feira Brazil Promotion, de marketing promocional, no Transamerica. Foi muito interessante, deu para pegar contatos de empresas de todo Brasil! Ir em eventos empresariais é muito bacana por esse lado de contatos. E nesse final de semana...descanso é a palavra de ordem!! Bjs.


quarta-feira, maio 13, 2009

O mais improvavel...

Aconteceu comigo hoje. Estava na padaria, vindo pra Aliança, e comprei paozinho de queijo e carolinas recheadas de doce de leite para as senseis. Dai eu ajudei o velhinho do caixa com uma coisinha e fiquei conversando com ele.

E ele me perguntou: escuta, será que eu nao conheço voce? Seu rosto é familiar...e eu falei: acho que nao. Depois de uns segundos, ele perguntou: hummm, mas será que voce nao perdeu uma carteira?? E eu respondi na hora: é isso mesmo, EU PERDI SIM! Ou seja, ele tinha me reconhecido pela foto que eu tenho na carteira!! rsrsrsrsrsrs.

Como disse no blog, achei que tinham roubado minha carteira, é uma carteira preta, cheia de coisinhas (nenhuma de valor, mas anyway). Encontraram na padaria, sei lá como. E eu nem vou nessa padaria, prefiro outra! De qualquer maneira, o moço vai buscar e eu fiquei de passar lá depois pra pegar (se for mesmo a minha carteira). E vou frequentar mais essa padaria, pq acharam a carteira e se importaram a ponto de guardar a carteira e sair perguntando pras pessoas se alguem me conhecia. hahahahahaha.

Ainda bem que existe gente honesta nesse mundo! E ainda bem que eu ajudei e puxei conversa, daí o velhinho me reconheceu! Vai explicar uma coisa dessas? É a mao de Deus no nosso dia-a-dia? É a presença dos anjos? Se eu nao tivesse ficado conversando, talvez ele nao me reconhecesse, e nao recuperaria a minha carteirinha, pobre carteirinha (literalmente). Ufa! Me pouparam uma visita ao Poupa(gasta)Tempo.

Deus é a sombra do homem
Postado por Paulo Coelho em 13 de maio de 2009 às 00:10 (www.g1.com.br)
Já participei junto com o prêmio Nobel da Paz Elie Wiesel de várias conferências em Davos, na Suíça. Em algum de seus discursos, ele comentou:
“Deus é a sombra do homem. Assim como a sombra repete os movimentos do corpo, Deus repete os movimentos da alma”.
Acho excelente esta descrição de Wiesel. Sempre existe uma relação entre o que fazemos e o que recebemos em troca; quando somos generosos, a “sombra de Deus” repete os movimentos que fizemos em benefício do nosso próximo, e nos dá com generosidade dez vezes maior. Se somos cruéis, esta nossa crueldade se reflete no plano espiritual, e também retorna.

terça-feira, maio 05, 2009

Coisas da vida...

Estava assistindo um documentario na cultura, realizado pela Sinapse, sobre a imigração no Brasil, relacionando tudo isso com o mundo dos cabelos. Um programa muito bom. No final, os entrevistados (espanhol, italiano, português, boliviana, síria) respondem a uma pergunta simples: Você é feliz? E todos, sem exceção, são felizes no Brasil. E eles se consideram brasileiros de coração. Foi emocionante quando o entrevistado japones, Masashi Yamaguchi, cantarolou o hino brasileiro, tendo a bandeira do JP no fundo. Se bem que eu me emociono muito facil. hihi. 


O Brasil é o melhor país do mundo. Sei que parece clichê, mas é o melhor lugar do mundo, pelo menos na minha visão. Foi uma terra que acolheu com muito carinho milhões de imigrantes de todas as nações, e hoje, é uma pena que não saibamos cuidar muito bem do nosso país. Porque falta para os adultos, jovens e crianças de hoje algo que os imigrantes tiveram, no começo do século passado: OPORTUNIDADE. Sem oportunidade, criamos pessoas sem rumo, sem perspectiva, sem sonhos.

 

Acho que isso é o mais triste de tudo. Mais triste que a corrupção, a falta de ética e a imoralidade, é ver pessoas sem sonhos, e sem perspectiva de realização de qualquer sonho a curto prazo. Morar em São Paulo, ou qualquer outra cidade, é andar na rua e ver crianças pedindo esmola, idosos jogados num canto na esquina, presenciar maldades e injustiças. Pior de tudo: de modo geral, fazemos isso passivamente, sem nos envolver, sem nos chocar mais. Lembro que quando eu era criança, ficava muito chocada e triste quando via coisas assim. O que aconteceu? O que mudou comigo?

 

A psique humana é muito complexa e cativante. Quando os imigrantes estavam chegando, havia um cenário de crescimento e modernização do Brasil, e o inconsciente coletivo era de esperança, de esforço e trabalho. Hoje, qual seria o nosso inconsciente coletivo? Medo, desesperança, temor, descrença? Quais são nossos valores?

 

Claro que muitos dos valores e conquistas dos nossos pais e avós foram desvirtuados, e tudo isso reflete em nossa psique social. Reconheço que é muito difícil manter uma cabeça focada nos dias de hoje, pensar em trabalho, em dedicação e em esforço, ao ver  toda a sujeira que nos rodeia. E eu sou uma pessoa que teve – graças a Deus – todas as oportunidades do mundo, e tenho uma mente forte. E as demais pessoas, ou as pessoas que nunca tiveram chance? Como manter um foco positivo, como buscar oportunidade?

 

Eu acho que essas pessoas são carregadas pela vida, seguem sem consciência do seu potencial e acabam enfraquecendo lentamente, movem-se por sentimentos estranhos e difusos, que são apregoados pela nossa sociedade consumista e besteirista. Aquele negocio de “deixa a vida me levar”, na minha opinião, é uma tremenda estupidez. Você que tem que levar sua vida, não é ela quem deve conduzir você.

 

Por exemplo, eu (hoje) sei que meu trabalho voluntário não vai mudar o mundo. Atualmente, ajudo nos projetos do Ikoi-no-Sono (beneficente), Festival do Japao (cultura), Bunkyo (cultura) e temos o Bazar do Bem pra ajudar um pouco as entidades beneficentes (Ikoi, Kodomo, Yasuragui e Kibo). Fora o que eu já fiz na vida, e fiz muito, eu sei que já ajudei muita gente, com gestos simples. Posso não salvar o mundo, mas ajudei pessoas que precisaram de mim.

 

Estou sempre a disposição para ajudar, da minha forma humilde, qualquer pessoa que precisar de mim. Sei que é pouco, muito pouco, mas também tenho a consciência de uma coisa: o mundo seria um lugar um pouquinho pior, se eu não tivesse prestado essa ajuda mínima. Buscar oportunidade é isso. Busque(-se) você também e faça a diferença. Bjs.

segunda-feira, abril 27, 2009

Marcando reunioes, já??

Se voce tem reuniao num certo dia da semana, e o pessoal do outro evento muda o dia da reuniao só pra voce participar, nao tem jeito, serei obrigada a ir. Mais um evento na minha cota de varios neste ano. Sabe do que eu sinto falta? De acordar no dia do evento às 7 da manhã, ir lá trabalhar, passar o dia trabalhando e ajudando, e no fim do dia, voltar pra casa, tomar banho e descansar!! Pelo menos nao tinha tanta reuniao! E nao tinha que pensar tanto nas coisas. hohohohoho.

É engraçado isso, porque quando voce está no começo da sua - por assim dizer - carreira voluntaria, voce quer subir, subir, subir. De associado para vice-diretor, de vice para diretor, de diretor para presidente. Mas quando voce fica um pouco longe do dia a dia, como eu, começa a sentir saudade de ser voluntario nas coisas simples e mais importantes. Alias o Kita-san foi eleito presidente do Bunkyo, o que significa que temos um novo seinenbunkista na vice-presidencia!

Hoje acordei as 7 da manhã pra ir na dentista. Minha dentista é a dra. Selma, no Enkyo. A dra. Iara também é um amor. Se voce nao tem dentista, a minha recomendação sao elas. Super cuidadosas, super boazinhas, tem diversos horarios, e o atendimento é aqui no Bunkyo  (por enquanto, pq em julho, eles mudam para predio proprio na rua Fagundes). 

O meu historico de dentistas era horrivel e pavoroso: tinha a dra. Sanae, e o dr. Hiroshi, nossa, eles eram muuuuuuuuuito malvados!! Eu sinto arrepios só de lembrar!! Sofria pra chuchu, e só ia no dentista porque era obrigada pela minha mae. Entao eu tinha muito trauma de dentista, mas quando eu fui na dra. Selma, comecei a perder o medo (um pouco), tanto que estou na terceira sessao de tratamento do canal (a razao das minhas doresssss horriveissssssssss). Termina essa semana ainda. Graças a deus! Bjs.

sexta-feira, abril 24, 2009

Escândalo!!

Nao, o escandalo nao é a eleição do Bunkyo (que aliás, acontece amanhã). Escandaloso é terem prendido o Tsuyoshi Kusanagi, do SMAP, bêbado e pelado nas ruas de Tokyo! Sinceramente, nao acredito! Na foto, o Kusanagi é esse menino à direita, mais magrinho e de cabelo curto.

O SMAP é tipo "o simbolo" das boy bands do J-Pop. Eles sao sobreviventes da decada de 90 e mantém sucesso e fãs até hoje. Quem nao conhece as musicas do Smap? Eles influenciaram toda uma geracao de seguidores. Quem gosta de Jpop conhece SMAP!

O Takuya Kimura é o homem mais sexy do Japao (foi eleito, nao sou eu que estou dizendo isso...). Aparecem em todos os programas de TV - tem seus proprios programas de TV. fazem propaganda até das campanhas do governo. E agora o Kusanagi é preso, bêbado e pelado, atentado ao pudor? Nao pode ser! Shinjirarenai!

Falei pro meu namorado, é quase inacreditavel por causa do apreço que as "celebridades" japonesas tem pela propria imagem. Logico, nao acompanho o dia-a-dia das fofocas japonesas, que eu sei que tem, mas a principio, eles sao muito cuidadosos com a auto-imagem perante ao publico e aos fãs. Por isso é escandaloso. Já imaginou aqui, se alguem como o Rodrigo Santoro aparece pelado na rua? Que escandalo seria? Pois é, isso que representa a prisao do Kusanagi! E agora, ele vai ter que abaixar a cabeça e pedir zilhoes de desculpas. Tadinho.

O mais engraçado é que aqui no Brasil, tem gente que deveria abaixar a cabeça até o chão e pedir desculpas por ter feito coisas muito piores, mas continua por aí, flanando, se fingindo de importante, se fazendo de "autoridade", achando que ninguem viu, ninguem vê. Acho isso muito pequeno, muito baixo e em uma palavra, resumo o que essas pessoas deveriam ter: VERGONHA. MUITA VERGONHA.

E tenho certeza que essas mesmas pessoinhas estarão amanhã, às 7h59, na portinha do Bunkyo, para acompanhar a eleição do nosso novo grandissimo presidente do Bunkyo - a Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa (e Assistencia Social). Por isso mesmo nao vou. Sinceramente, nao entendo algumas coisas. Por exemplo, fico pensando pra que uma pessoa perde seu tempo precioso pra escrever um artigo e colocar no jornal desancando um candidato. Que alma magnifica faz isso? Deixa o Ogawa! Deixa o Kita! Deixa eles em paz!

Para mim, tanto faz. Kita, Ogawa, sao todos representantes de um mesmo "stablishment" (olha que palavra chica!). Nao tem nada revolucionario nisso. Ganhando um, ou o outro, as mudanças serao minimas, se é que haverão. Eu gosto dos dois. Se o Ogawa ganhar, mais chances de alguma mudança. Se bem que ele escolheu vices caquéticos, que já estao virando a curva da estrada. Já o Kita-san escolheu 2 jovens, o Shira e o Jay. Tá vendo como ambos tem coisas positivas??

Mas eu nao vou perder meu sábado lindo e maravilhoso pra acompanhar essa disputa, além do mais, teria que ver pessoas que eu nao quero (ou espero) nunca mais ver na minha vida. Vou é passear!! Boa sorte aos candidatos. Vou ajudar quem quer que ganhe a disputa. E desejo que o novo presidente do Bunkyo fique "pelado" de preconceitos e tenha muito sucesso, porque a missao é dura e dificil. Bjs.

sexta-feira, abril 17, 2009

Muita distração!

Olha que lindo ficou o poster do Bazar do Bem! 23 e 24 de maio no Grande Auditorio do Bunkyo. Criação NK2 + Erika. =o

Hoje tive a certeza de que realmente perdi minha carteira. Procurei em casa, escritorio(s), escola, todo lugar possivel. Agora preciso procurar meu RG - hahahaha - pra ir no banco pedir outro cartaozinho. Já cancelei, entao nem tem problema. Até porque só tinha R$ 10 na conta. hahahahaha.

E perdi só uma coisa valiosa (fora meu cartao do salao - hihihi), era uma moeda do Centenario que o M.san tinha me dado. Sniff. Fora isso, favas contadas, facil repor. Até porque eu vou sempre no Porquesim (e dá pra completar um cartao novo rapidinho). No salao nao tenho ido mesmo, pra economizar din-din.

É tao engracado que chamamos um tecnico de computador que sabe menos do que eu de computador. E que estou com uma revista praticamente 100% fechada, mas há quatro horas estou esperando uma revisaozinha que nao fica pronta!! Mas o trabalho maior foi feito, porque nao correr com o detalhe e mandar pra frente??

Da humildade
Postado por Paulo Coelho em 17 de abril de 2009 às 00:03
Alguém perguntou ao sufi Halgavi:

“Como um mestre escolhe seus discípulos?”

“Todo aquele que deseja realmente aprender, precisa ter consciência de que já tem a verdade dentro de si. Basta apenas despertá-la”.

“Mas como o senhor pode distinguir as verdadeiras intenções das pessoas ao se aproximarem?”

Halgavi respondeu: “sempre procurei manter uma atitude humilde e submissa. Alguns procuravam se aproveitar disto, eu então me afastava deles. Outros me olhavam como se eu fosse um verdadeiro santo, e eu me afastava deles ainda mais rápido. Assim, ficaram ao meu lado apenas os que me viam como uma pessoa igual a eles”.

quinta-feira, abril 16, 2009

Emoçao e distração

Meu deus, o que é esse video da Susan Boyle no programa do Simon Cowell? Eu me emocionei muito, ela escolheu a musica perfeita, e toda participação dela no programa foi magnifica, honesta, sincera.

O Simon ficou de queixo caído!! A interpretacaofoi SUBLIME! A musica se relaciona com a cantora de um jeito lindo, lindo, lindo. Gente, achei que esse tipo de coisa nao acontecesse mais na TV. Incrivel. Me surpreendi.

http://www.youtube.com/watch?v=iFSqD3BVxSA

E acredita que eu tive a capacidade de perder a minha carteira? Pior, já fazem alguns dias! hahahahahaha! Só hoje que eu fui carimbar o selinho do PorqueSim é que dei pela falta da carteira, mas acho que já faz uns dias que estou sem ela na bolsa. hahaha. E agora, a revelação mais engraçada. Eu nao tenho nenhum dinheiro na carteira!

Coitado do ladrão, se é que fui roubada. Ele vai pegar as minhas receitas medicas, e a minha carteira de motorista vencida, xerox velho do meu RG, cartao de banco de uma conta que eu tenho uns R$ 10 e os cartoes de desconto do PorqueSim e do Witty. Se ele quiser cortar cabelo ou fazer a unha, meu cartão vale R$ 20! Acho que é o item mais valioso - hahahahaha!!! O dinheiro trocado eu costumo levar no bolso, e o cartao do banco, nas tralhas. Ou seja, nem sei porque ando com a carteira. Distraída toda vida.

Hoje (eu e Y) fomos almoçar lamen no PorqueSIM. Está bem melhor o caldinho (das ultimas vezes, andava meio ussui - sem gosto, suave demais). Agora está com gosto de lamenzinho bom e quentinho! Tambem comemos gyoza e tomamos Coca-cola. Uma maravilha! AGora vou voltar pra casa, porque sao quase 21h30 e tenho que procurar minha carteira. hehehe. Bjs.

quarta-feira, abril 15, 2009

Comida da obatian!


Estou sobrevivendo a base de voltaren, acredita? Meu dente voltou a doer como no ano passado, e a minha dentista, a dra Selma, só tem horario semana que vem. Mas a dor é insuportavel, entao vou lá pra ver se alguem me atende e me ajuda!! 

O mais engraçado é que ontem a tarde, botei na cabeça que estava curada, entao nao tomei o remedio. Resultado, quase nao consegui voltar pra casa, pq estava doendo muuuuuuuito!! rsrsrsrsrs, isso que dá ser teimosa. 

E pior que voltaren tem tartrazina, mas eu prefiro a dor de cabeça e a manhcha no rosto do que a dor que eu senti ontem e anteontem. E assim, dá pra perceber porque pessoas com alergia a corante precisam tomar cuidado redobrado: porque tem vezes que voce nao consegue evitar ter contato com o produto que tem o corante malvado.


Ontem almocei com a H, fomos comer comida de vovó no Cotobiya, um rest japs em Moema. É bem gostoso, parece comida da batian mesmo, deu um sentimento natsukashii, porque as comidinhas que eu comi lá, tipo berinjela docinha com shoyu, e saladinha de takenoko, eram coisas que minha batian preparava pra gente quando crianças, e estava muito gostoso!! O atendimento nao é lá essas coisas, mas pela sensacao de comer comidinha da batian, bem caseira, vale a pena!! Ai como eu sinto saudade da minha batian. E hoje, nem almocei por falta de tempo. =)

Hoje e ontem comi (sozinha, no onibus) 1 caixinha de uva passa com chocolate da Pan. Quer coisa mais saudosista, honesta e gostosa, que lembra a infancia e nao tem tartrazina?? Tambem gosto daquele bombom de conhaque da Pan, que vem umas bolinhas que eu nao posso comer muito senao fico meio boba (juro). Até por causa do remedio. hahahaha.

E andei muito de onibus, até porque nem posso pensar em dirigir por causa do remedio que estou tomando. Eu simplesmente a=do=ro andar de onibus. Sou proletaria mesmo, com orgulho, adoro meu bilhete unico e sei chegar em todos os lugares que preciso de onibus e metro. Conheci uma pessoa que esta dirigindo carro, com 1 braço engessado. Credo, que loucura, que vicio automotivo! Porque nao pega um onibus?? Simples toda vida!! E fui tambem no BAZAR CARPE DIEM, muito muito legal! Bjs.

sexta-feira, abril 03, 2009

Só os velhinhos...

Aviso aos velhinhos desavisados: pior do que sair de bobão na imprensa é sair como bobão mentiroso. "Erro primário", "grande falha", "equivoco", "projeto este que não conseguiu explicar", "eles se perderam...", "não merece atenção". Poucos trechinhos da materia que saiu no SP Shimbun de ontem. 

Sinceramente, nao sei se rio ou choro. Mas na verdade, de começo voce fica meio surpreso com a pequeneza das pessoas. Depois, vai acostumando e se afastando (ou tentando se afastar) das coisas pequenas. Acharam que estariam pressionando o William e a prefeitura, e acabaram dando um tiro no pé. haha. Coitados. E é por essas e outras que eu decidi: agora, só ajudo quem merece. MESMO.

E hoje de manhã meu namorado comprou pao de queijo, teclado novo pro meu computador, pilha pro meu MP3, grampeador pra mim,  e ainda alugou o DVD do Vicky Cristina Barcelona. É ou nao é um amor perfeito?? Bjs.

quinta-feira, abril 02, 2009

Que maravilha...


Escrevi esse post escutando a sala do professor Buchanans com o Toquinho. 


Ai meu deus, se eu tivesse naquela epoca a maturidade que eu tenho hoje, a minha vida seria muito diferente. Afinal, trabalhar na produtora para o Toquinho era o máximo, nao é mesmo?


Hoje eu sei que era lindo, trabalhar para um dos meus idolos, mas na epoca nao dei valor e tenho certeza que nao fiz o meu melhor enquanto trabalhei lá na produtora. 


As coisas que a vida ensina sao fantasticas. Inclusive a dar valor para as coisas, mesmo tardiamente. Ai...ai...(arrependimento). 


Está vendo como todo mundo comete erros? Eu vivo cometendo-os até hoje - felizmente!! Hihihi...

Mas de qualquer maneira, o mundo perdeu uma produtora de shows, e ganhou uma otima jornalista / assessora de imprensa / voluntaria. Cada um tem seu destino. Bjs.

quarta-feira, abril 01, 2009

Filminho de meninas...

Na sexta fui assistir "Ele nao esta tao a fim de voce". Em 2 palavras: CHICK FLICK!! É muito legal, os personagens sao bem engraçados, mas logico, nao é o tipo de filme para o qual voce obriga seu namorado a ir junto, porque ele realmente nao vai ver tanta graça (ou será que vai?? afinal, a bilheteria do filme foi boa...). 

Anyway, a menina que faz par com o Justin Long faz tanta loucura, mas tanta, que voce já pressente a besteira que ela vai fazer, torce pra ela nao fazer - e é logico - ela comete todas as loucuras possiveis. Tudo que nao deveria fazer, ela faz. E é engraçado. voce torce pra ela dar certo, porque ela tem carisma e é um personagem bacana. Mas até chegar lá é um longo caminho. E o marido da Jennifer Connely no filme?? Um bobao!! E a Drew Barrimorre, como sempre, linda!!

Eu gostei mais da historia doBen Affleck, porque ele parece mais um ator coadjuvante, aparece em tipo umas 3 cenas no filme todo. Mas no final ele salva a Jennifer Aniston de um jeito TAO bonitinho - hihihihihihi - que eu fiquei completamente encantada. hahahahahaha...a moral da historia é que relacionamentos sao complicados, e que na verdade, é a gente que acaba complicando-os. Bjs.

PS: Olha que post legal sobre follow up, a coisa mais chata do cotidiano do assessor de imprensa: http://aduplavida.blogspot.com/2009/02/fup.html

E a minha musica preferida na programacao da radio Eldorado:




sexta-feira, março 27, 2009

Retornando...

Nossa, faz muito tempo que não escrevo no meu blog! A vida está super hiper agitada e não sobram meus valiosos minutinhos para compartilhar meus pensamentos humildes. Bom, desde meu ultimo post, eu:


- assisti Slumdog Millionaire (achei o filme bobo, mas os atores principais muito bons)

- conheci o Ney Matogrosso no Pavilhão Japones!

- fui sozinha no karaokê pra cantar um pouquinho (minha técnica de relaxamento)

- pisei no meu óculos e quebrei-o-o * prejuízo de R$ 200!!!

- organizei um jantar pras amiguinhas e amigos

- fiz muita shokudai * lição de casa do nihongo (muito MESMO)

- participei de varias reunioezinhas, todas pouco, mais ou menos, ou nada eficientes

- votei em mim mesma no Conselho - e nao votei nas pessoas que nao merecem

- fechei detalhes do Bazar do Bem 2009 – 23 e 24 de maio e 13 e 14 de setembro!!

- trabalhei bastante!!

 

Em resumo, a vida está corrida, mas eu estou numa boa!! Agora, quem não está numa boa - e segue chafurdando - é o Centenario. Que matéria ridícula saiu no SP Shimbun de ontem! É (muito) mais fácil apontar o dedo e procurar um culpado do que assumir os próprios erros, não é mesmo, prezados senhores velhinhos? E tenho mais revolta porque falam mal do William, e eu sou testemunha, ele se esforçou de coração pela festa do Centenário, colocou toda a equipe dele pra trabalhar, e não merece essa ingratidão. Em resumo, mais do mesmo. Eu estou absolutamente de saco cheio dessa falta de gratidão.


E hoje fui de manha na feira comer pastel na barraca da Cris. Caldo de cana com pêssego, pastel de calabresa, tudo perfeito. A experiência teria sido maravilhosa, não fosse um detalhe. Tinha um bando de molequinhos que moram na favelinha do lado da vila mariana lá na feira, pedindo pra comprar pastel pra eles. Eu, sinceramente, teria comprado numa boa. SE não tivessem vindo 5 meninos pedir e me encher o saco.


Daí você vê a diferença de pensamento, porque apareceu um cara com jeito de rico que pagou pastel pra todos os molequinhos. Acho que ele deve ter gastado uns R$ 15 nisso. E eu pensei: nosssa, esse cara deve sentir muita culpa social, pra fazer isso. Porque eu sinceramente, acho que faço a minha parte, e não tenho que ficar pagando pastel pra moleque folgado pra aliviar minha tal “culpa”.  Eu já faço trabalho voluntário em proporcao suficiente pra achar que eu faço a minha parte.


Se fosse eu, e se eu não tivesse dinheiro pra comprar pastel, das duas uma: ou eu trabalhava pra comprar um pastel ou eu passaria vontade e não comeria pastel. Acho que fui criada assim, eu penso assim.  Será que é um traço da cultura japonesa? Eu jamais pediria algo na rua. Mas muita gente acha mais fácil pedir do que se esforçar.


E isso é muito ruim pra consciência coletiva de um povo, de uma nação. Não é pedindo e reclamando que você consegue as coisas na vida. É se esforçando e trabalhando, é fazendo gaman (sacrifício) e se dedicando. O governo brasileiro não ensina isso pras pessoas em geral. E isso não é bom para nosso futuro como um País. Daí fica esse povo todo apontando o dedo pro governo, pros políticos, pra tudo. Menos pra si mesmo. Bjs.

quinta-feira, março 12, 2009

Imaginem só...

Imaginem minha situação: sexta-feira à tarde, saí do trabalho, tenho um tempinho, e resolvi ir no cinemark pra assistir um filme bobo - bem bobo. Escolhi "Pantera Cor de Rosa 2" com o Steve Martin.

Péssimo gosto, eu sei, mas reafirmo, era para desligar o cérebro mesmo. Daí eu fui no banheiro, fui comprar pipoca e entrei na sala. Pouca gente (oba, deu pra escolher um bom lugar). Toca musiquinha do Tom Jobim, fiquei mexendo no celular, daí começam os trailers. Alias, o filme da Julia Roberts e Clive Owen (Duplicity) parece muito bom!!

Anyway, estou lá no cinema assistindo os (infindaveis) trailers. Daí começa algo do tipo "prefeitura de Paulinia orgulhosamente apresenta". E eu te juro, eu pensei que era uma coisa legal, e que agora os filmes estariam apresentando um curta metragem brasileiro, tipo aquelas animacoes da Pixar (ingenua, eu sei).

Daí começam a aparecer uns boizinhos, e uns cavalinhos, e...o cantor sertanejo Daniel. Sim senhores, eu entrei na sala errada. Consegui essa proeza de entrar na sala 3 ao invés da sala 2. PAVOR PAVOR PAVOR!!! Estava assistindo o filme "O menino da porteira". PAVOR!! Olhei no relogio e meu filme do Steve Martin tinha começado 20 minutos antes!!! Tinha gente sentada dos dois lados da fila, interessados no filme. 

Daí eu pensei, se Deus teve o trabalho de me colocar nessa sala, ele deve ter algum motivo. E entao, eu decidi o improvavel: fiquei assistindo o filme rural e brejeiro. Até o fim. Juro. Destaques do filme, a atuação super maneirista e engraçada do José de Abreu (pra mim, careca ou nao, ele atua do mesmo jeito), e a cara sempre igual da Vanessa Giacomo (na tristeza e nos momentos felizes, sempre igual), e as falas engraçadissimas do Daniel (poucas falas, ele fala muito pouco mesmo, até pelo perfil do personagem, que é um vaqueiro caladão).

O que eu mais gostei do filme, juro, foi o menininho que fica na porteira (que alias, por mais absurdo que pareça, tem merchandising das lojas Pernambucanas - isso mesmo, na porteira de madeira está escrito Lojas Pernambucanas - brasileiro é tão criativo que dá um jeito pra tudo). O menininho é muito bonitinho (fica falando o filme inteiro TOCA O BERRANTE SEU MOÇO!!!). Mas o final é triste. O MENINO MORRE. Pronto, falei. Espero que nao tenha estragado o filme pra voce. Mas acho que 99% das pessoas que eu conheço nao assistiriam esse filme. Moral da história (se é que houve moral): pelo menos, eu desliguei o cérebro. heheheheheh. Bjs, e depois eu conto do meu media training, que foi SUPER LEGAL.

Da árvore (www.g1.com.br)

Postado por Paulo Coelho em 11 de março de 2009 às 00:20

 

Um mestre budista viajava a pé com seus discípulos, quando reparou que discutiam entre si quem era o maior entre eles.

“Pratico meditação há 15 anos”, dizia um.

“Faço caridade desde que saí da casa de meus pais”, dizia outro.

“Sempre segui os ensinamentos de Buda”, dizia um terceiro.

Ao meio-dia, pararam debaixo de uma macieira para descansar. Os galhos estavam carregados, e vergavam até o chão com o peso das frutas.

Então o mestre falou: “quando uma árvore está carregada de frutos, seus ramos se abaixam e tocam o chão. Desta maneira, o verdadeiro sábio é aquele que é humilde”.

“Quando uma árvore não tem frutos, seus ramos são arrogantes e altivos. Desta maneira, o tolo sempre se crê maior que seu próximo”.

sexta-feira, março 06, 2009

Passando rapido...

Hoje de manha acordei as 8 e fui comer pastel na barraca da Cris, na feira da R. Capitao Macedo, na Vila Mariana. Tomei caldo de cana com limao e comi pastel de queijo com carne, meu f@vorito! 

A barraca da Cris é a mais organizada, eficiente e limpinha que eu conheço - o que conta muitos pontos, se voce é virginiano(a) como eu. Vale a pena comprar seu pastel lá, e as meninas sao super simpaticas. Sexta-feira, pertinho da Sena Madureira. 

Quer jeito melhor de começar uma sexta-feira?? Muito bom!! Adoro feira!! Agora preciso ir porque estou absurdamente lotada de coisas pra fazer. Bjs.


terça-feira, março 03, 2009

Coitado do blog!

Nossa, faz (muito) tempo que eu nao posto nada!! Depois do Carnaval, nunca mais!! Mas é que estou correndo muito.

Entao vou fazer um resumo rapidinho, ok?? Antes do Carnaval, tentei descansar um pouco, tirando 2 dias antes do feriado para relaxar, passear, etc. Acha que deu?? Rsrsrsrs, acabei indo trabalhar na quinta e sexta!!

Mas na sexta eu assisti ao Milk, com Sean Penn, um filme muito bacana, que mostra que todos somos iguais, e que a igualdade é um direito do ser humano. Gostei, e ele mereceu o Oscar.

No Carnaval sim eu descansei bastante - nao fiz nada. Absolutamente nada de util, o que é bem particular se tratando de uma virginiana. Passeei bastante. Foi legal. Na quinta depois do feriado, eu descansei tambem e na sexta, comecei a trabalhar com muito afinco. Deu pra renovar as energias!!

E hoje tive minha primeira aula de nihongo com Yamane sensei. Ai, tyoto muzukashi, porque eu aprendi muito "de ouvido", entao as normas gramaticais nao sao comigo. vou ter que me esforçar bastante...e nesse final de semana, tenho um curso que estava marcado para a Vila Madalena (de media training). Acredita que eles transferiram o local do curso?? Justamente pra avenida Liberdade?? hahahaha, vai ser suuuuuuuuuuper mais facil assim, porque eu praticamente vivo na Libas. E tambem estou juntando $$ pra fazer o curso de origami, vamos ver se vai dar. Esse ano, quero estudar muitas coisas diferentes! Bjs.=)

quinta-feira, fevereiro 19, 2009

Recado rapido

Hoje eu pulei da cama as 7 horas, cheguei no trabalho antes das 8, e ja ganhei o dia! Uma das meninas que eu indiquei o curriculo pro sr. F. está sendo entrevistada neste exato momento e pd ser contratada.

Eu passei na frente dela, mas ela nao me conhece, nem eu conheço ela. Total strangers. Ela nao sabe que fui eu quem a indicou. Mas saber que o meu gesto tao pequenininho e tao esdruxulo pode ajuda-la a conseguir um emprego me deixa muito feliz e satisfeita comigo mesma. É isso. Ajudar faz bem! AJUDE VOCE TAMBEM! Bjs e um otimo dia pre-Carnaval!

terça-feira, fevereiro 17, 2009

Padrões e rotinas mentais

Ontem estava assistindo ao programa Pergunte ao Headhunter, na TV ideal (http://www.idealtv.com.br/), e simplesmente me embasbaquei com um pensamento, um insight tao fenomenal, que eu nao acredito que nao passou antes pela minha cabecinha pensante.

O tema era media training (relacionamento com a imprensa), e as convidadas deram um show de bola. Maravilhoso. Daí eu pensei: "puxa, eu tenho o melhor texto, eu tenho o melhor feeling, eu tenho uma pá de conhecimento - que eu nem precisava ter. Eu me contrataria com certeza pra qq serviço relacionado ao universo jornalistico. Mas eu nao sou a melhor especialista em media training que eu conheço - e reconheço isso".

Porque esse insight foi importante? Pra mostrar como a rotina mental pode ser uma armadilha para o seu sucesso. Porque na minha cabeça, estava buscando me formar em ingles (proficiencia), estudar japones, estava pensando até em estudar alemao ou frances. E tinha simplesmente me esquecido que tipo, minha carreira é de jornalista, nao professora de ingles!! Sabe quando seu pensamento está meio embotado pelo cotidiano?? Hello???

Resultado: ja mudei minha rotina mental, e agora vou me dedicar mais ao estudo do media training. Outra coisa que eu preciso melhorar na minha carreira (e até como habilidade especifica), é minha capacitacao para vendas. Tenho q planejar melhor minha carreira. Ou seja, meus planos de dominar varios idiomas estao em suspenso por enquanto...mas acho que nao dá mais pra fugir do nihongo. hahahahaha. Essa lingua me persegue!!! Desde os tempos que eu fugia do nihongako quando era criança! =)

Uma coisa interessante é q todos, sem excecao, bolamos esquemas mentais e rotinas para organizar e viver o cotidiano. A diferença é o quanto voce se apega a sua rotina. Por exemplo, eu decidi que nao ia mais assistir TV de bobeira. Entao quando é besteira, eu simplesmente desligo a TV, porque nao é mais algo que eu quero na minha rotina, entao procuro algo melhor pra fazer. Eu tenho muito autocontrole nesse ponto.

Convivo diariamente com a N, que tem sindrome de Down. E ela é profundamente arraigada na rotina meticulosa que ela criou, o padrao que ela montou ao longo dos anos para manter a logica de um cotidiano constante e repetitivo. Ela é meio neurotica com horario, por exemplo. Relogio é um acompanhante fundamental, entao quando acaba a bateria, ela fala nisso umas 20 vezes até alguem se encher e trocar pra ela.

A N. tambem conta os minutos para cada tarefa do dia a dia, e mantem uma rotina de tarefas e horarios. E outra coisa que ela gosta muito é a tabela de aniversarios. Por ex, se o seu aniversario é daqui a 1 mes, ela vai falar no seu aniversario todos os dias, daqui até o dia da comemoracao em si. Vai falar da festa, e do local da festa, e do presente. E ela lembra o aniversario de todo mundo, é impressionante.

Acho isso até mais impressionante do que a minha capacidade de ser uma agenda telefonica ambulante, pq ela tem uma necessidade especial, e ao mesmo tempo, mantem essa habilidade especial e carinhosa. Em resumo, é uma pessoa sem nenhuma maldade - ela tem algumas maniazinhas sim, mas quem nao as tem?? Eu acho bacana conviver com uma pessoa que nao tem nem noção do que é maldade, ainda mais num mundo que as vezes é tao feio e escuro. Pessoas assim trazem doçura e luz ao mundo. Ah a foto acima é do Open House da unidade Pinheiros. Confira no meu flickr (clique no link ao lado). Bjs.

segunda-feira, fevereiro 16, 2009

Quem gosta de café?

Instalaram uma maquina de café aqui do lado da minha sala. De gratis! Eu nao gosto de café mas nao posso falar que nao gosto sem provar né? Entao peguei 1 café na maquininha (é super facil, só apertar CAFÉ!), taquei bastante acucar, e resultado: o copinho de café está aqui na minha mesa há mais ou menos 1 hora - hehehehehehe - porque realmente é muito ruim, nao entendo a adoracao que algumas pessoas tem pelo café! Podiam colocar chá e capucino na maquininha...hehehehehe...Acho que vou tomar meu cafézinho de um gole só, porque é motainai jogar fora...urgh, tomei. Ieca. =)

E estou novamente de oculos, acredita? Minha medica me deu alta, entao pra comemorar, usei lentes de contato na 6a feira. dai fui trabalhar e de noite, meu namo me levou ao shopping - comi temaki de shimeji e de california no Gendai e tomei sorvete na Ofner! até ai tudo bem, super felicidade, toda supimpa, mas quando voltei pra casa, surpresa: meu olhinho estava todo inflamado e machucado de novo!! vermelhao!! CREDO!! cade meus remedios?? socorro!!

Estou ficando até com medo de usar minhas lentes queridas..sniff sniff..entao passei o fim-de-semana sem lente, e hoje tambem. Snifff. Mas nesse turbilhao oftalmologico, pelo menos a minha visao voltou ao normal!! Mesmo de oculos, eu estou enxergando BEM melhor do que no inicio do ano.

Tanto que no sabado fui trabalhar na unidade Pinheiros, e tirei varias fotos, umas 200 fotos, e tudo isso de oculos, coisa que nao conseguia fazer quando estava muito muito mal. E o evento em Pinheiros foi super bacana, com lotacao esgotada e um publico super bom. Aproveitei pra fazer uma entrevista sobre Wrapping, e combinar uma entrevista sobre Ceramica. Ou seja, no sabado depois do carnaval vou trabalhar de novo. Sabe que estou tao acostumada a trabalhar de fim-de-semana, que nem ligo??? Eu gosto!!!

Sabe que eu adoro muito essa parte do meu trabalho na Aliança, porque eu posso exercer meu lado de jornalista LIVRE, ou seja, escrever sobre as pautas que eu acho interessante, ir atras das materias, fazer reportagem mesmo, nao ter que cumprir uma pauta pre-estabelecida. Alem de assessoria de imprensa, eu posso ser uma reporter mesmo para a ACBJ, e isso me deixa super hiper feliz, porque eu sou fissurada em fazer materias!! Agora, estou escrevendo 1 pauta sobre a tradicao dos undokais, e outra sobre um panorama do ensino da lingua japonesa no mundo. Depois publico na minha agencia de notinhas - notinhas.blogspot.com. Bjs.

sexta-feira, fevereiro 13, 2009

YES man!

Ontem sai do trabalho e fui assistir Sim Senhor no cinemark. Sim senhor, eu mereço ir no cinema de vez em quando, porque trabalho bastante, e vou sozinha mesmo que é mais facil e rapido. O filme é muito engraçado, e fala de umas coisas que eu concordo 100%, até porque eu sempre procuro manter minha AMP (atitude mental positiva).

Por exemplo, saber que que voce tem que estar aberto para as coisas, pensar sempre positivo, e deixar o destino fazer parte da sua vida. Porque existem sinais por aí de que o destino existe, que Deus existe, mas a maioria das pessoas simplesmente NAO QUER enxergar isso, e vivem acomodadas, apáticas, mornas, vivas e mortas ao mesmo tempo, meio zumbi sexta-feira 13.

O Jim Carrey faz varias loucuras no filme, porque ele acha que tem que falar SIM pra tudo, entao ele arruma uma esposa persa, salta de bungee jump, aprende coreano, aprender a tocar guitarra. E ao longo do roteiro, as situacoes vao se encaixando. E geralmente é assim mesmo, voce sempre vai utilizar qualquer experiencia que tiver ao longo da vida. E ele fala num trecho -
hey people, you´re missin a little something called LIFE...

E é isso mesmo, pq muita gente acorda no piloto automatico e vive assim todos os dias. Eu nao entendo, porque cada dia que nós acordamos pode ser o ultimo, entao porque não fazer as coisas que voce quer e pode fazer?? Hoje, por exemplo, recebi a noticia que um velhinho muito legal, e diretor do Ikoi, o Asakawa-san, faleceu no hospital. Ele era muito bonzinho, e tinha uns 70 anos, nao era (tao) velhinho. Com certeza, esse nao era o plano dele para o dia de hoje, uma sexta-feira 13, aliás.

Por isso eu nao sou assim, cada dia que eu vivo estou fazendo coisas legais para os outros e para mim. LOGICO, life is not a fairy tale, entao tenho que engolir sapos, fazer coisas, trabalhar, (nem sempre trabalhar com as coisas que eu gosto), mas de uma maneira geral, me encontrei no trabalho, na sociedade, na vida em si, aos poucos encontrei meu papel como protagonista de uma vida, que é a simplesmente a minha.

Nao faço as coisas esperando recompensa, nao me preocupo com o que os outros pensam, e simplesmente, vou vivendo de acordo com a minha cabeça, tenho paz de espirito. Isso é ser zen? Acho que sim. Mais do que ser zen ou nao, isso é aproveitar a vida que nós temos. Todos nós somos igualmente ricos todos os dias, porque cada um de nós recebe uma porção igual, de 24 horas por dia. O que cada pessoa faz com essas 24 horas é que vira a diferença entre ser rico ou pobre, feliz ou infeliz, amado ou desalmado, etc. Pense nisso. Bjs.