quarta-feira, janeiro 07, 2009

Des-conversas telefonicas

A cena é a seguinte. Eu no banco, em pleno horario de almoço, fazendo deposito no caixa eletronico, pessoas atrás de mim formando fila. Toca o telefone e eu fiz a besteira de atender.

Eu - Alô!
Senhora - Oi, eu quero cantar no coral.
Eu - Que coral?
Senhora - Aqui minha filha, nesse coral que está na Internet, seu nome está no coral!
Eu - Senhora, eu sou jornalista, e escrevi uma materia sobre coral, que a sra. deve ter achado na Internet. Eu nao tenho o telefone do coral, estou no banco, posso procurar mais tarde.
Senhora (ficando brava) - MAS EU QUERO CANTAR NO CORAL!!!!!!!
Eu (ainda querendo ajudar) - Tá bom, senhora. Depois eu procuro o telefone e passo pra senhora.
Senhora (mais louca) - MAS EU QUERO AGORA!!!
Eu - Agora infelizmente nao vai dar, senhora. Depois eu posso, agora nao dá.
Senhora - Sabia que voce é muito mal educada!!!
Eu (1a reacao) - ?????????!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Eu (2a reacao) - Entao tá. Tchau.

E desliguei o telefone. Dava pra escrever um livro com as ligacoes malucas que eu atendo. Beijos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário