terça-feira, janeiro 13, 2009

Que começo de ano...

Ontem estavamos almoçando e minha prima contou que o Puff morreu no dia 02. A gente brincava que o Puffikuro era o shi-tzu mais idoso do mundo (16 anos!) e que as aventuras dele davam um livro como o Marley & Eu. Até melhor.
Tem a historia do Puff e da jaca, do Puff e dos ratos, do Puff verde, do Puff e do saco de batata...cada coisa que esse cachorro aprontou na vida! E ele era o xodó da minha tia. Ela deve estar arrasada. Na foto, o Puff está em 1o plano, e a Sasha atras.
Eu me despedi do Puff no dia do Natal, quando meu namorado fez sushi na casa da minha tia. Eu aproveitei pra ficar fazendo carinho no Puffikuro. Ele nem parecia mais o cachorrinho alegre e louco que ele era quando era novinho. Ficava quietinho, e eu fiz carinho nele um tempao. Foi minha despedida dele. Sniff...e ele estava tao doentinho, tadinho...
Indo embora, o Puff encerrou uma fase da vida da nossa familia, porque ele acompanhava a minha tia e minhas primas desde o Japao. Sério, a minha prima trouxe ele do Japao, ele foi um dos primeiros shi-tzus a entrar no brasil, junto com a Mari, que era a vovó da Sasha. E com isso, encerra-se um ciclo bonito na minha vida, do qual vou sentir muita, muita saudade. Saudade do Puff e da Sasha. Chuif...Bjs.

Nenhum comentário:

Postar um comentário