sexta-feira, janeiro 25, 2013

Ser workaholic é...

É numa sexta-feira à noite ficar atualizando as paginas do Facebook dos nossos clientes. É enviar email marketing (palavrinha bonita pra "spam" rsrsrsrs) de madrugada. É ficar conversando à meia-noite com o moço que está de plantão na empresa de transporte, porque esqueceram de mandar o motorista para um passageiro. É mandar fotos pra uma matéria que eu tinha esquecido. É traduzir matérias em japonês (tô chique hein!!), tudo isso em pleno feriado, à noite.

Ou seja, eu tenho plena consciência de que estou ultrapassando os limites humanos de trabalho (hahahaha, faz tempo). E nao tenho nem como me justificar dizendo que eu sou "worklover", porque ultimamente, não estou completamente "in love" com o trabalho, de tanto cansaço mental. Pior é que o trabalho é necessário, e eu preciso estar sempre presente acompanhando, para garantir que tudo esteja certo. Se eu não estou lá, o cliente reclama!

O que eu posso fazer é escolher melhor os clientes, porque existem aqueles que dão mais trabalho, e outros que exigem menos dos meus recursos limitados de tempo e paciência...e olha que ultimamente tenho melhorado, por exemplo, hoje fui no parque "correr" (hahaha, mais pra caminhar...) e fui no shopping pra jantar. Antes eu nao faria isso, ficaria o dia todo enfurnada dentro de casa até terminar o trabalho.

É que eu descobri é uma verdade pura e simples. Quanto mais eu trabalho, mais trabalho eu conquisto!! rsrsrsrs...então ele fica lá, bonitinho, aguardando quietinho por mim, enquanto tento manter uma vida fora do shigoto. Depois eu volto, ele fica lá abanando o rabinho, olhando com cara de coitado pra mim, e eu retorno ao trabalho. Essa é a vida dura de uma empreendedora que está na batalha!! Bjs.

Nenhum comentário:

Postar um comentário