domingo, novembro 03, 2013

Relatos de uma viajante (in)constante


Deliciosamente instalada num sofá macio e gostoso, comecei a escrever esse post as 5:40 de uma manha fria, no novo Starbucks do aeroporto de Guarulhos. Enquanto aguardo meu embarque, agradeço a todos os maravilhosos seres humanos que possibilitaram a inauguração do Starbucks no terminal "2", porque dessa maneira, as minhas madrugadas insones e noites frias de trabalho não serão mais tão vazias. Agora terei sempre chai latte e muffin de blueberry no aeroporto, 24 horas, ou seja, eu amo demais! Hahaha...:)

Hoje cheguei pra fazer check in na Avianca as 5:20 da manha. Detalhe, o balcão fica do lado de fora do aeroporto. Complementação: estava (muito) frio e escuro. Adendo: muito de repente, uma tiazinha maluca resolveu comecar o nosso lindo dia gritando com o pobre atendente da companhia aérea. Poxa, cadê o amor no coracaozinho das pessoas? Fiz meu check in e saí de lá correndo, para procurar meu querido Starbucks recem inaugurado (em setembro). Comecei meu dia feliz tomando um chai latte quentinho e um cookie de chocolate delicioso. Hummmm a vida é tao boa, nas coisas mais simples!

A bobona aqui quase perdeu o vôo. É a combinação de sono com desatenção. O portão era o 1D, mas eu nao sei porquê, eu li que era o portão 10. Ou seja bem no ultimo portão! Quando fomos perceber meu engano, sai correndo para o primeiro portao, e peguei a ultima chamada para embarque hahahaha...mas nem foi tao ruim pq teve gente que chegou depois de mim (=velhinhos). :p

Legal que a comandante era uma mulher! Gostei do vôo e do serviço de bordo, até porque ultimamente, é fato constante eu passar mal durante o vôo (haha) e dessa vez foi tranquilo. A aeronave da Avianca é mais espaçosa que a TAM e Gol, e dá para ficar com as pernas numa posição normal, de seres humanos normais que somos, nao "homo sapiens encolhidus" como é de praxe nas demais companhias que utilizei esse ano. Passou o filme RIPD, com o Ryan Reynolds,que assisti esses dias no cinema. Bem acomodada e confortável, nao passei mal (ufa). Até dormi bem gostoso!

Neste ano estou viajando bastante de aviao. Fui pra Buenos Aires, Recife, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Belém e Fortaleza. A melhor companhia, por enquanto, pra mim pelo menos, é a Azul. A Avianca tambem foi muito boa. Já a TAM e a Gol se eqüivalem no quesito de ruindade. Pelo amor de deus, é muito ruim viajar 4 horas apertado num banco de avião. Isso porque eu sou pequena, já imaginou o desconforto de quem é mais avantajado fisicamente? Eu sei que as companhias estao acumulando prejuízos bilionários, mas isso nao justifica tamanho desconforto e falta de respeito com o pax, na minha opinião.

Se bem que a gente fala em caos aéreo no Brasil, entao o que dizer dos vôos na África? O passageiro estava com tudo certo, bilhete emitido e a companhia simplesmente decidiu que nao iria voar naquele dia! O que fazer se a companhia nao honra o compromisso previamente assumido? Ele teve que voltar pra casa e embarcar no dia seguinte. E quem arca com os prejuízos? 

Outro passageiro tinha vôo marcado para 13:00 e chegou no aeroporto as 11, pra descobrir que o vôo tinha levantado vôo as 9:00, ou seja, resolveram adiantar e nao avisaram nada! E ele ainda fica me ligando da Africa do Sul, mas eu nao consigo fazer nada por ele, já que estou em outro continente (rsrs)! Depois a gente fala que nosso sistema aéreo nao funciona? Tem países em situação bem pior! Beijos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário