terça-feira, fevereiro 19, 2013

Quem é seu cliente??

"Existe apenas um patrão: o cliente" 
Sam Walton

Puxa, essa é uma verdade tão simples da vida. Se voce tem uma empresa, você tem clientes e deve manter seus cliente felizes, para que eles continuem sendo seus clientes no futuro, e recomendem você para outros clientes em potencial. E assim vamos crescendo aos poucos, com consciência e tranquilidade. É assim que eu quero crescer com a Asteya. Se você é empregado, então o cliente da sua própria empresa é o seu cliente. É a ele que voce deve servir. Simples assim. Então, porque eu estou no meio de uma confusão causada por uma empresa que não entende (ou não busca entender) o que o cliente quer??

A minha filosofia de vida é simples: ser feliz e tentar não prejudicar ninguem. Sempre tentar ajudar, sem causar transtornos, dissabores ou desilusões por aí. Graças a Deus, posso aplicar os meus (elevados) padrões morais na minha empresa e nos meus projetos em geral. Porque eu entendo que o cliente deve ser prioridade. Eu quero crescer, e por isso, logicamente, não vou ficar brigando nem discutindo picuinhas com o meu cliente, eu quero que ele esteja muito, muito, muito feliz, como eu.

Resumindo, acabei no meio de um (enorme) mal entendido entre a empresa e o meu cliente, e eu recomendei essa empresa, ou seja...toda essa bagunça também respinga um pouco na minha co-responsabilidade. É evidente que eu, se estivesse no comando dessa empresa, buscaria uma outra forma de approach. Eu acredito em liderança servidora, e sei também que nao sou dona da verdade. Portanto, a minha abordagem dos problemas é diferente. Pode perguntar por aí! ^.^

De vez em quando, acho que as pessoas hoje estão mergulhadas numa psicopatia social tão forte que nao enxergam o outro. Não tem empatia, nao tem delicadeza. Nesse caso, era só fazer uma analise racional, que os erros de abordagem da empresa contratada ficam evidentes. Mas eles não admitem os erros. Me explica uma coisa, porque existe tanta gente arrogante no mundo?? Eu nao estou dizendo que sou perfeita (longe disso), mas os erros que eles cometeram, eu nao cometeria. Especialmente em termos de relacionamento com as pessoas!!

Eu não sou aquele tipo de pessoa que chega num ambiente abafando e vai conversar com todo mundo, pq sou reservada (#supertimida). Mas com certeza, com as pessoas que eu converso, eu encanto (não desencanto). Mas esse pessoal, parece que quanto mais eles falam, mais perdem o encanto, o brilho, o foco. E eu vou perdendo minha paciencia pela falta de tato deles, porque a verdade é só uma: as pessoas reagem à maneira que você se dirige a elas. A indelicadeza, a falta de limite, a arrogancia, só leva pra um lugar: o limbo. E desse lugar, eu quero DISTANCIA!! Bjs!!

terça-feira, fevereiro 05, 2013

Reuniões improdutivas, pessoas infelizes

Meia hora falando sobre dois cliques pra combater a pirataria. Como se alguem fosse querer piratear isso! Quando o controle custa mais do que o material a ser controlado, algo está errado na equação, pelo menos na minha avaliação. O segredo da vida é simplificar, nao complicar.

Pior que eu tenho mais compromissos para hoje e estou presa aqui nessa matrix maluca, nessa conversa que se repete ad eternun. A cada dia que passa, gosto menos de reuniões. Tem que ter muita paciência, que ultimamente eu nao tenho...ai que vontade de pegar minha bolsa e sair daqui. Eu queria ser menos responsável de vez em quando...haha...

Conheci uma pessoa que tem todos os motivos do mundo pra ser feliz. Tem uma empresa respeitada, tem conhecimento, tem credibilidade, tem sucesso, tem familia, tem tudo que a sociedade espera de uma pessoa feliz. Mas nao é feliz. Que coisa mais doida, nao é? Como pode uma pessoa assim nao ser feliz, eu me pergunto? Bom, ele nao me pediu ajuda, entao...boa sorte pra ele hahaha!

Lógico, conheco pessoalmente presidentes e vice-presidentes de empresa, pessoas super respeitadas, que tem todo sucesso profissional, e que nao sao felizes. Acho engraçado que eu, sendo meio maluquinha do jeito que eu sou, vivo tao feliz, tao tranquila, tao plena. E isso tambem é consequência de viver de acordo com os meus valores, meus princípios, e principalmente ME CONHECER. Isso tudo nao tem preço! Bjs!

sexta-feira, fevereiro 01, 2013

Clientes, amigos e filmes!

Tem coisas que só eu consigo fazer, com a minha indefectível falta de noção. Por exemplo, hoje consegui zoar psicologicamente com uma pessoa que estava a caminho do psiquiatra. Que deselegante Erika!!

Eu sei, nao devia ter brincado, mas se eu soubesse que o caso estava tão ruim assim, LÓGICO que nao brincaria e nao desligaria a ligação rindo. Será que a pessoa ficou brava comigo?? Olha, se você ler esse post, nao é o caso de ficar bravo nao, pq eu sou sem noção mesmo!! Peço desculpas pela minha deselegância!!

Hoje tambem quase briguei com uma menina por R$ 50. O caso foi esse: o fornecedor errou e nao assumiu o erro. Para consertar o erro, o valor é irrisório, apenas R$ 50. Eu sei, o valor é irrisório, mas eu prefiro que as pessoas me considerem uma idiota fazendo as coisas certas do que uma pessoa esperta fazendo as coisas erradas.

Em resumo, nao era certo o cliente arcar com R$ 50 adicionais por causa do erro do fornecedor. Então eu liguei pra eles falando grosso (hahahaha imagina, eu falando grosso...#purailusão...mas eu pego pesado com fornecedor!!), e a moça falou algo assim: "O que voce quer?? Quer que eu peça desculpas pra voce???". A minha resposta: "não moça, eu quero que voce assuma o seu erro!! E deixe o nosso cliente feliz!!". Pois é, somente os minutos que perdemos nesses dias todos lidando com esse fornecedor valem mais que os R$ 50, mas considero que o que é certo, é certo!! No final, eles acataram a minha sugestão e vão devolver R$ 50 para o cliente. Menos mal.

E o outro fornecedor falando assim: "Erika, o prazo que voce me deu é muito curto. Porque precisa ser para amanhã as 11 horas??". A minha resposta: "porque...o cliente precisa???? Voce nao é uma empresa que presta serviços para clientes?? Entao faça o serviço da maneira que o cliente solicitou. Se eles querem para amanha às 11 horas, entregue amanhã as 11 horas". São coisas tão basicas que eu fico até sem graça. Se voce tem uma empresa, pra quê discutir com o cliente?? Como voce vai conseguir fidelizar um cliente tratando-o dessa maneira??

E ando assistindo muitos filmes mesmo. Hoje fui assistir "João e Maria 3D" hahahaha mais por causa do...João...rsrsrsrs...ou seja, o Jeremy Renner. O filme é bem legal, divertido, tem um monte de bruxas morrendo das mais variadas maneiras e a Maria também é um personagem forte, moderna, se garante sozinha, nao precisa do irmão pra se defender rsrsrs...mas lógico que nao é um filme pra usar a cabeça. Fui mais pra admirar o Jeremy Renner. kkkkkkk...........



Tambem fui assistir a comédia "De Pernas pro Ar 2". Achei muito engraçada a cena da Ingrid Guimarães com "New York New York"...e o começo do filme parece o meu (antigo) dia-a-dia. Hoje estou bem mais relax porém continuo workaholic, espero que não tanto quanto a Alice...um filme divertido e bobinho, recomendo!!



E assisti o "Jack Reacher" com o Tom Cruise. Esse já me decepcionou um pouco porque o Tom Cruise está...humm...como definir...humm...."velho"?? O filme devia ser mais de ação, mas na verdade é um filme de investigação militar.

Achei legal o papel do Werner Herzog como o bandidão, o Zec, o sobrevivente. Ele lamenta que entre a bala e a automutilação, os bandidos que falham com ele preferem a bala. E é verdade, acho que a maioria das pessoas, 99% delas, se enfrentassem um desafio impossivel como o que ele coloca no filme, preferem desistir. O cara é horripilante, dá medo!! Um diretor maluco, mas como ator, nesse filme, me surpreendeu. Em resumo, eu ando muito cinéfila né?? Bjs.