Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2014

Vivendo num mundo sem amor

A gente recebe e retribui o amor que acha que merece. Eu acredito nisso. E fico muito triste e assustada com as noticias de violência assoladora que acompanho todos os dias. Sim, eu digo que não sigo mais as noticias, que não leio mais jornal, porém, sou jornalista, e por mais que as noticias sejam sempre as mesmas (ou piorem a cada dia que passa), acabo acompanhando de longe. Sempre muito chocada. Sempre triste.
A moça que foi assassinada pelo namorado em Curitiba, a outra no Rio, outra em Sao Paulo. O medico nikkei, o menino Bernardo, a Claudia, o Amarildo, o DG, o Brian, a Mercia, a Taina, entre tantos e tantos casos que nao dá nem pra citar aqui. Todos os dias, parece que o crime é cada vez mais banalizado, a violencia impregnou nosso dia a dia, fez o mundo ficar mais escuro e brutal. Eu amo o Brasil, mas tem horas que perco a esperança em ficar aqui e ajudar as pessoas.
Esses dias a minha amiga falou de meninos da febem. Como ensinar amor para alguém que nunca foi amado, nunca foi …

Reuniao com tubarão

Eu sou uma pessoa muito meticulosa, pratica e organizada. Quer que eu odeie uma pessoa, mesmo que seja só um pouquinho? Simples, é só essa querida pessoa marcar uma reunião comigo de ultima hora, no mesmo dia. Porque a minha agenda é TODA feita com antecedência, eu planejo minha semana, planejo cada dia e o que vou cumprir em cada dia em termos de metas e objetivos. Gosto de dar um "check" nas tarefas cumpridas no fim do dia. Sou assim: sou planejadora. Tenho plano A, B e C pra tudo.
Nesse cenário tao perfeitamente calculado, um compromisso de ultima hora altera toda minha rotina mental, e daí, acabo extremamente irritada. Entao se eu for realmente obrigada a ir em uma reuniao assim (sim, porque meu mundo não é cor de rosa, e assim como vc, tenho que engolir um monte de sapos), eu vou sair com pedras na mão, irritada, seca e nada disposta para uma negociação. 
Esse mês tive uma reuniao assim. Eu fui lá praticamente obrigada. E foi uma ocasião bem ridícula, pq a pessoa só chamo…

Alergias e alegrias

Sou uma pessoa extremamente alérgica a algumas coisas simples e bonitas da vida. Por exemplo, brincos. Meus brincos lindos de aço cirúrgico estão me machucando, talvez por causa do calor, ou da umidade, ou algum fator misterioso. Entao decidi testar um daqueles brincos de farmácia, pequeninos, de bebê. Fui lá e escolhi um modelo. Putz, que decisão mais idiota!
Ja no primeiro dia, o treco começou a me incomodar, mas na bula estava escrito para ficar com o brinco, então eu (muito pouco inteligente) persisti, e consegui suportar o incômodo umas duas semanas. Mas chegou um dia em que não agüentei mais, estava inflamado, saindo pus, vermelho e doendo. Tirei fora aquela pecinha hiper contaminada e achei que ficaria bem. Ledo engano: piorou!!!! Hahahahaha....
No dia seguinte, a minha orelha parecia uma couve flor!!! Acho que a inflamação estava contida no brinco e depois se espalhou por toda região auricular, tudo que era possivel e imaginável kkkkkk....e fiquei simplesmente desesperada!! Fiqu…

Pra que sofrer sozinho?

Foi uma coisa muito engraçada, porque nesses dias eu estava praticamente derramando lagrimas no escritório, desesperada por me deparar com tantas coisas pra fazer (além da TPM hahaha), daí o B simplesmente parou oque estava fazendo e me falou: "Erika, posso ajudar? Afinal, voce nao precisa sofrer sozinha!" (Pausa para muitos kkkkkkkkk....obrigada pela consideração B!!)
É incrível, porque eu sou uma pessoa (muito) inteligente, entao eu sei racionalmente que não preciso sofrer sozinha. Porém, acabo trabalhando muito sozinha, porque o meu escopo de trabalho é bastante especifico. Logico que sou uma boa lider e delego tudo que eu posso para outras pessoas (no caso, o B está apenas no segundo dia no escritorio. Daqui a alguns dias, ele vai estar tão ocupado quanto eu hihi...).
Mas na hora do "vamos ver", eu realmente sinto que estou sozinha. Sinto que a responsabilidade final é minha. Por isso ninguem fica comigo até 22:00 no escritorio vazio. Ninguem me acompanha aos sáb…