segunda-feira, abril 30, 2012

Dia super corrido - e motorizado

Hoje, apesar de ser um pré-feriado, corri bastante. Comecei meu dia da pior maneira, em jejum e fazendo coleta de sangue pra exames anuais....e minha médica foi tão legal que pediu um mooooooooonte deles no checkup, entao foi uma porção de tubinhos de sangue. Eu parei de contar (e olhar) no 5o tubinho, porque senão ia desmaiar por causa da pressão baixa e da leseira. hahahaha eu sou muito fraca pra essas coisas!!

Depois fui na academia, mesmo hoje, porque estou realmente me dedicando ao plano de melhorar minha saúde e meu condicionamento fisico. Treinar todos os dias tem sido um desafio, e o bacana é que aos poucos, vou sentindo uma melhora! E como ainda tinha mais compromissos, aproveitei pra reservar um carro no POD dda Zazcar, bem pertinho da academia.

É a segunda vez que eu utilizei o carro da Zazcar (me associei no começo desse mês). É um sistema de carros compartilhados, ou seja, você só utiliza quando precisa. Liga lá na central de reservas ou acessa a Internet e reserva o carro desejado pelo período necessario. Hoje eu fui em 2 bancos, almocei e fui no shopping Ibirapuera, tudo com um Nissan March LINDO, todo azulzinho, como esse da foto. Recomendo!!

Acho bacana esse sistema porque diminui o numero de carros nas ruas, é ecologico nesse sentido. Eu poderia comprar um carro, agora que estou com carteira de motorista. Mas compartilhar é mais barato do que alugar, e é muito pratico, além de econômico. Nem acreditei que ainda sei dirigir bem, mesmo depois de 3 anos longe do volante. O que reparei é que os demais motoristas estão cada vez mais loucos!! #medo.

Ah e o passeio no shopping foi maravilhoso e relaxante. Encontrei finalmente a minha saia preta (nao era o modelo ideal, mas a saia ficou bonita...e a compra foi novamente na Collins, onde comprei minha saia original). Escolhi alguns vestidos e lingeries hahaha - coisas futeis que mulheres precisam. Eu tinha vencido uma aposta comigo mesma, ou seja, mereci as comprinhas e foi um verdadeiro "dia só pra mim", depois do trauma dos tubinhos de sangue e uma semana dificil que graças a Deus, acabou!!

Estranhamente, descobri que apesar de nao querer, tenho ideias limitadoras na minha cabeça! Achei muito peculiar, porque se existe algo que tenho muito em minha mente, são ideias. Nao imaginava que existiam tantas ideias limitantes arquitetando suas manobras mirabolantes aqui dentro da minha consciencia. Acho que o legal de fazer um processo de auto-conhecimento é descobrir porque a gente faz as coisas que faz. Uma coisa eu já aprendi - tenho que me livrar dos padroes limitantes, pra crescer. Outra coisa é impor prazos para as minhas tarefas e projetos, dessa maneira, vou garantir que as coisas andem pra frente, e nao pra trás. Bjs.

domingo, abril 29, 2012

Tango e flamenco - muito lindo!!

Ontem foi um sábado chuvoso, dia de descanso para a maioria das pessoas. Pra mim foi um dia de trabalho. Estava atrasada pra terapia e preciso me lembrar de NAO pegar taxi quando estiver atrasada, porque já é a segunda vez nessa semana que o taxista mais me atrasou do que me ajudou!!

Dessa vez, o moço, além de nao saber o caminho, pegou a rua errada e ficou me cantando o passeio todo, puxando conversa fiada e falando das qualidades dele. Credo!! Deus, me dá paciência!! Olha moço, eu sou uma pessoa muito delicada, mas devia ter te falado que a minha paciencia com pessoas incompetentes é muito baixa. Taxista tem que saber chegar na Paulista pelo caminho mais rápido!! Ponto!!

Depois fui trabalhar no Bunkyo para uma matéria do show do Piazzolla. Era um espetáculo para o qual não tinha qualquer expectativa, achava aliás que seria muito chato (mais chato do que trabalhar de sábado a noite??).

Pois é, no final eu me surpreendi. Foi MUITO bom!! Sinceramente, podia passar o dia todo vendo aqueles moços altos dançando...ai ai ai...enfim foi super legal!! No final do evento, como sempre foi aquela correria maluca, muitas entrevistas, eu correndo atrás dos entrevistados, mas deu pra fazer um bom trabalho (creio). Vida de repórter freela nao é facil!!

E acabei folgando na academia esse fim-de-semana, mas amanhã eu vou. Estou me acostumando com a ideia de treinar sério, a instrutora C (fofa) fez uma avaliação fisica e disse que eu estou com baixo indice de gordura então dá pra melhorar meu corpo e meu condicionamento em 3 meses treinando firme. Ela explicou também que como eu nunca fiz esse tipo de treinamento antes, dá para trabalhar bem. Vamos lá! Bjs.

sábado, abril 28, 2012

Desapega do passado!!

Para fazer uma viagem longa, acredito que a gente tem que levar pouca bagagem! Por isso procuro manter a minha mente bem leve e ágil. As coisas boas viram lembranças gostosas que aquecem o meu coração. As coisas ruins eu esqueço facilmente. Por ser uma pessoa com mente tranquila, fica fácil perdoar e esquecer.

Nunca fui de guardar mágoa ou ressentimento, porque sei que esse tipo de emoção só envenena a pessoa que o carrega. Guardar ressentimento é tomar veneno e esperar que a outra pessoa morra, segundo Shakespeare. Eu não quero veneno em mim!!

Quantas pessoas a gente conhece que passam a vida inteira guardando sentimentos negativos no coração?? O resultado é que aos poucos, essas pessoas ficam murchinhas e sem vida. Comigo é até meio engraçado porque as vezes alguém me fez mal, nao foi correto, mas eu esqueço depois de um tempo...hahaha...e lá vou ajudar ou conversar de novo...rsrsrsrs...(sou tonta mesmo).

Recebi uma ligacao essa semana que me deixou MUITO preocupada e me fez mobilizar umas 5 pessoas no meio da noite (T, P, A, F, K, se lerem isso, eu peço muuuuuuuuuuitas desculpas pela confusão desnecessaria!! Foi minha culpa, eu exagerei na reação, mas vcs sabem o porquê). Anyway, um moço ligou pra me pedir desculpas por algo que ele fez (ou diz ter feito) pra mim há cerca de 10 anos. Pra ele era importante pedir desculpa. Pra mim, sinceramente nem lembrava de algo que demandasse perdão. Porque eu sou muito sossegada. Realmente não guardo magoa das pessoas. O que aconteceu de ruim essa semana, já esquecerei na próxima, tudo perdoado!!

Fico imaginando se o moço trouxe consigo esse sentimento de que precisava me pedir desculpas, por todos esses anos. Acho que da minha parte, no meu dia-a-dia não preciso pedir desculpas, porque eu não machuco as pessoas, muito pelo contrario, procuro ajudar. A gente acaba tendo essa consciencia de que tudo é um processo e que as coisas estao interconectadas no universo. Somos todos um só. Bjs.

sexta-feira, abril 27, 2012

Mais Erika, menos Erika

http://thetrevorproject.tumblr.com
Pense à esquerda e pense à direita
Pense baixo e pense alto
Ah, os pensamentos que você é capaz de pensar...
Se simplesmente tentar!
Dr Seuss


Esses dias eu estava muito triste, como relatei aqui nos meus ultimos posts meio deprimentes e/ou futeis. Foi sinceramente um choque, mas eu sou uma pessoa muito boa em superação e daqui a um mês tenho certeza de que já terei esquecido tudo de ruim e virado o jogo bonito. >,<

O mais engraçado é que nessa mesma semana de deprê e lamúria total (da qual ainda vou rir muito no futuro), eu recebi a melhor notícia da minha vida, uma noticia que aguardava com ansiedade há mais de 17 anos (metade da minha vida!!) e que vai possibilitar que eu ajude muita gente. Faaaaaalaaaa sério, depois disso, ainda tem gente que duvida que Deus exista?? Ontem eu tive vontade de beijar o chão, sair cantando e dançando na chuva, de tanta felicidade!!

É isso. Deus só coloca nas nossas vidas o peso que conseguimos carregar. Nem mais nem menos. Se está um fardo muito pesado, é porque a gente pode ficar mais forte e vencer TUDO. Eu acredito muito nisso, a gente faz nosso destino, não existe essa coisa de sorte. Existe trabalho, existe dedicação, existe esforço. Como dizia meu professor, a cada dia que passa, em todos os momentos da vida, sigo cada vez melhor. Sigo meu caminho em paz, sendo a melhor pessoa que eu consigo ser, HOJE.

Acredito no poder das nossas escolhas e que somos responsáveis pelas pessoas que cruzam nosso caminho, nossa vida. Eu cuido com muito carinho desses caminhos, pode perguntar pra qq um que me conheça (bem). Valorizo meu destino e acho que cada pessoa que faz parte na minha vida é importante de alguma forma. Infelizmente essa semana, ouvi da pessoa mais importante pra mim, que eu não sou mais quem eu era pra ele. Puxa, isso acabou comigo. Se ela não gosta do que sou hoje, como vai gostar do que serei amanhã?? Porque o meu caminho não é ser menos, é ser mais Erika. Meu destino é ser mais eu.

É uma encruzilhada na qual me encontro, porque se me diminuir, corro o risco de nao ser mais eu. E se eu "aumentar", perderei alguem que me incentiva a ser eu. "Se tiver que ser, será. Se nao tiver, paciencia". Foi oque eu escutei. Meu coração em sobressalto. Eu acho que cada minuto da nossa vida é precioso, porque nenhum tempo volta pra trás. Cada minuto que corre nunca mais será revivido. Por isso nao podemos viver do passado, nem nos alimentar do futuro. O que importa é o momento presente. E nesse momento, qual seria a melhor solução para meu dilema?? Eu simplesmente nao sei. Mas o que posso fazer, nesse exato minuto, é continuar tentando ser a melhor pessoa que eu posso (humildemente) ser. E ficar mais forte! bjs.


quinta-feira, abril 26, 2012

Amo Bom Retiro (mas nao é sempre legal)

Hoje fui (praticamente obrigada) ao centro, no prédio da sala São Paulo pra entregar uma documentação do trabalho. Lógico, porque além de jornalista, coordenadora, secretaria executiva, psicologa de plantão, atendente e telefonista, também sou uma "office girl" de luxo. Acredita que eu fui de taxi, mas o taxista simplesmente nao quis me levar até o prédio onde eu precisava ir?? Moço mó ruim!! Eu, uma moça indefesa!! como ele teve coragem!!

"Ah nao dá moça, tem que fazer um retorno muito ruim pegando aquela rua (justamente da cracolandia)". Eu fingi que acreditei e desci do táxi, porque percebi que o cara nao estava nada a fim de ficar por lá. Pra quê? Fui parar bem no meio da cracolandia. Credo, ninguém merece começar o dia assim, perto daqueles zumbis noiados semi-humanos. Lógico que tem os policiais, mas também tem a sujeira, a situação horrivel, a degradação do ser humano. Tenho pena dessas pessoas, tenho pena das familias afetadas, mas foi muito ruim o começo do meu dia.

Tive que voltar a pé da minha reuniao (outro pesadelo), e pra sair da depre total, fui passear no Bom Retiro pra fazer umas comprinhas, pq afinal, o melhor antidoto para depressão feminina são as (boas) comprinhas. Comprei 2 pulseiras LINDAS e baratissimas (amo pulseiras) numa loja com atendimento muito bom (nao devia ser de coreanos haha, sorry mas é verdade!!) e estava procurando uma saia preta pra mim, pq a minha saia preta daqui a pouco deve descosturar, de tanto que eu a amo e a utilizo.

O problema é que é muito dificil encontrar uma simples "saia preta" no modelo que eu quero. Eu sou muito chata pra comprar roupas e quero simplesmente uma saia preta, tamanho 38, que seja lisa, nao seja de obassan, nao tenha frufru e nao seja de couro. Eu andei umas 15 lojas e não encontrei, acredita?? Na loja que eu fui conversar, a vendedora me falou. "Bom, aqui voce não vai encontrar, a nossa moda é evangelica". Ela quis dizer que eu nao sou temente a Deus ou insinuou que eu uso roupas muito curtinhas??

Eu só quero uma saia preta que não seja muito comprida. Sério, nao precisa ser uma mini-saia de "periguete" (essa eu encontrei hahahaha). Acho que vou abrir uma loja de roupas para "executivas sexies", porque é muito dificil encontrar roupas no meio termo, ou seja, que nao sejam de periguete e nem de obassan e ainda me deixem com cara de profissional (pra enganar um pouquinho no mundo corporativo). Eu nao quero usar roupas que me deixem com cara de hummm...outra profissão. Mas tambem nao precisa ser uma roupa que me deixe com cara de mais velha. Dificil dilema!! Depois eu vou lá novamente procurar minha saia. Bjs.

quarta-feira, abril 25, 2012

Leituras na Internet

Sempre que eu tenho um tempinho eu acesso o blog do Paulo Coelho. Eu sei oque voce pode estar pensando, mas gosto é gosto e eu gosto de muitos livros dele. Me ajudaram muito em épocas diferentes da minha vida, como quando eu decidi investir na minha "lenda pessoal" apesar de tudo jogar contra, inclusive (e principalmente) eu mesma. Hoje eu sei que não seria uma pessoa feliz, se nao tivesse trilhado meu caminho com tanto esforço e dedicação. Nesse ponto, um adendo sobre lenda pessoal.

"A lenda pessoal é aquilo que você sempre desejou fazer. Todas as pessoas, no começo da juventude, sabem qual é sua lenda pessoal. Nesta altura da vida, tudo é claro, tudo é possível, e não temos medo de sonhar e de desejar tudo aquilo que gostaríamos de fazer. Entretanto, à medida em que o tempo vai passando, uma misteriosa força começa a tentar provar que é impossível realizar a Lenda Pessoal. Esta força que parece ruim, na verdade está ensinando a você como realizar sua Lenda Pessoal. Está preparando seu espírito e sua vontade, porque existe uma grande verdade neste planeta: seja você quem for, quando quer com vontade alguma coisa, é porque este desejo nasceu na alma do Universo. É sua missão na Terra."(O Alquimista - Paulo Coelho)

Engraçado que estava lendo o post abaixo no blog dele. Lógico que tem uma coisa importante, muitas vezes nao é o livro que se relaciona com voce, é voce quem se relaciona com o livro. Quando você abre numa página e diz pra si mesmo: "nossa, mas é isso que eu estava precisando", nao é o livro nem o destino que agiram para você abrir a pagina, foi voce que se encontrou naquela página.

Eu achei o pensamento colocado sobre o amor muito bonito. Mas o que me chamou atenção mesmo foi um comentário que estava logo abaixo, que é um poema cuja autoria nao encontrei na Internet. É simples, porém resume muito bem pra mim como é meu pensamento. Sempre vou procurar sorrir apesar das dificuldades. Porque eu nao tenho problemas, eu tenho pequenas dificuldades.

Problema quem tem é o pai de familia que trabalha duro e nao consegue dar tudo o que sonha para os filhos. Problema quem tem é a pessoa que está no hospital buscando um tratamento, ou a pessoa que sofre com uma doença incuravel ou uma depressão fortissima. Problema é viver uma situação insuportavel. Portanto, eu nao tenho problemas, sou muito abençoada pela vida e não posso reclamar, nao seria justo com a energia do mundo eu ficar resmungando sobre meus pequenos obstaculos. Por isso eu sorrio. Tudo vai passar, inclusive sou ótima em superação. É uma das minhas especialidades. Cair 9 vezes e levantar 10 vezes. Gambarimashou. Bjs.

http://g1.globo.com/platb/paulocoelho/2012/04/17/tentando-controlar-a-alma-2/


Muitas vezes achamos que podemos controlar o amor. E, neste momento, nos surpreendemos fazendo uma pergunta complemente inútil: “será que vale mesmo a pena?”
O amor não respeita esta pergunta. O amor não se deixa avaliar como uma mercadoria. Um dos personagens da peça “A Boa Alma de Setzuan”, de Bertold Brecht, nos fala da verdadeira entrega:
“Quero estar junto da pessoa que amo.
Não quero saber quanto isto vai me custar.
Não quero saber se isto vai ser bom ou ruim para minha vida.
Não quero saber se esta pessoa me ama ou não.
Tudo que preciso, tudo que quero, é estar perto da pessoa que amo”.


-----------------------------------------------------------------------------


Sorri,
Sorri sempre de peito aberto,
Mesmo que futuro se mostre incerto,
Mesmo que te sintas no meio de um deserto,
Mas sorri.

Sorri para ti, sorri para mim, mas sorri,
Se for caso ri,
Mas ri bem alto,
Para que todos te ouçam,
Mas ri,
Ri com vontade, com ternura, com sinceridade,
Mas ri.

Ri e sorri, nem que seja para não chorar,
Nem que seja para não julgar,
Nem que seja para lágrimas parar,
Mas sempre que a tua alma te deixe,
Mesmo que o mundo não compreenda porquê,
Ri, sorri, sorri e ri . . . mas Sorri!

terça-feira, abril 24, 2012

Desabafos e reviravoltas do mundo...

Estou tendo uma semana horrivel. Estou muito triste. Talvez seja o pior dia que eu tive nos ultimos anos, faz tempo que nao me sinto assim, tão triste, estava destruída depois de uma noticia ruim. Mas estou aqui, trabalhando, produzindo, sorrindo, tentando atravessar esse dia péssimo da melhor forma - e virar a pagina.

Fui na academia, almocei strogonoff doce (ieca!! #comopode?), respondi emails, produzi matérias, chequei pendências, mas tudo isso me sentindo um paninho de gente, um trapinho mesmo. Ainda bem que marquei horário na Cris e vou relaxar no salão. Belezaterapia é a melhor terapia que eu conheço!! rsrsrsrs...

Daí recebi um email de uma pessoa que simpatizou com a minha trajetória de vida, pedindo minha ajuda. Recebo sempre emails assim, mas putz, sério, essa pessoa simplesmente não sabe o bem que me fez, porque me fez relembrar que eu realmente não tenho motivos pra me sentir mal. Sabe aquelas cenas de desenho animado?? Foi bem assim!! Levantou meu astral!!

Afinal, alguém como eu, que humildemente faz o bem para algumas pessoas (ou pelo menos tento), não pode ficar se abalando por coisas tão pequenas que não merecem minha atenção. Eu enfrento dragões e tenho muita coisa boa para fazer e produzir nessa vida. Com certeza, ficar triste por besteira não é uma delas! Juro que estou até me sentindo melhor! Obrigada E, pela msg. Conte comigo. Bjs.

segunda-feira, abril 23, 2012

Malhando seriamente...

Hoje fui de manhã pra academia; nossa, como estou cansada hahahaha mas percebi que eu realmente não sirvo pra malhar de noite. De noite, aquela academia cheia de gente, musica alta, correria...nao é meu temperamento. Olha só: eu gosto de restaurante vazio, praia vazia, biblioteca vazia. entao logicamente, eu me senti BEM melhor na academia vazia logo pela manhã.

Além disso, a instrutora foi muito fofa e me deu muitas dicas e orientações pro treino. Acho que vou continuar acordando mais cedo e começar meu dia com a malhação, mesmo que com isso fique um pouquito cansada (pelo menos no começo) e com muita fome (caramba, meudeusdoceu, como eu senti fome hoje!). É bom porque começo a regular também o horario do meu almoço, que varia muito, de acordo com meus compromissos.

Eu sei que o nosso corpo precisa (e merece) ser bem tratado e estou me esforçando seriamente para continuar o que eu já faço de bom e melhorar ainda mais nas áreas que faltam. Sei que fazer academia é um negócio meio chato (bem chato na verdade), mas entendo que é necessario. Entao vou me esforçar bastante. Recomendo pra todos! Arigato pela inspiracione, Lidi! Bjs!


domingo, abril 22, 2012

Procuramos independencia?

Search for Never Never Land
Eu ando meio diferente nos ultimos meses, querendo provar pro mundo e pra mim mesma que eu consigo me virar sozinha, que eu sou uma pessoa independente, forte, resolvida. Então faz umas 2 semanas que estou hummm...."independente". =)

Algumas mordomias acabaram. Por exemplo, faz 5 anos que eu não precisava trocar uma lampada hahahaha e só nessa semana, 2 lampadas queimaram!! Eu tive que pegar a escada e trocar sozinha no escuro hahahaha...já imaginou se o chuveiro quebra tb?? Aimeudeus!! #comofaz??

Pior é que eu tive que comprar lampadas pra repor essas que queimaram (outra coisa que nao precisava fazer) e reparei que elas teoricamente duram 8 anos. Entao como 2 delas queimaram na mesma semana?? será que Deus está querendo me passar algum recado?? Ou será que Ele está sugerindo algo mais pratico, que eu por ex. consulte um eletricista pra ver a fiação do apto??

Também estou tendo que fazer jantar de vez em quando e nao tenho mais meu namorado do meu lado, pra cortar cebola fininha, nem pra preparar as coisas pra mim e nem pra me ajudar a carregar as comprinhas do super e ir comigo no shop. Lógico que não somente isso, sinto falta dele no meu dia-a-dia. Mas preciso implementar mudanças na minha vida, e a hora é essa!! Espero que eu consiga me adaptar à vida independente o mais rapido possivel, pq tudo certamente vai melhorar com o hábito. O ser humano se adapta a tudo. Vamos ver se eu me adapto a ser mais independente. Bjs.

sábado, abril 21, 2012

Passeios e música

Hoje (sábado) de manhã cedo eu fui na academia. Juro!! Mas haha - estava fechada!! Hoje é feriado e a boba aqui não tinha nem pensado nisso!! Entao fui resolver outras coisas - a pé. Andei até a Paulista e voltei de metrô. Na verdade eu devia ter descido na Paraiso, mas fui até o final da linha verde e voltei, e nesse tempo fiquei pensando na vida, repensando as escolhas que eu preciso fazer, as consequências dessas escolhas...e é verdade o que a minha amiga me falou: passear de metrô ajuda a se concentrar e a refletir melhor.

Depois estava em casa, fazendo lição do nihongo e deixei a TV ligada no American Idol (eu nao assisto muita TV mas gosto desse programa). De repente, essa musica do Heejun Han chamou a minha atenção. A voz dele é linda e a musica tambem. Parece que ele trabalha(va?) com crianças portadoras de necessidades especiais, superou muitas dificuldades e canta muito (mas infelizmente foi eliminado depois dessa etapa). Puxa que pena! Bjs.

sexta-feira, abril 20, 2012

Jornalista que (nao) escreve

Acho que devo ser um caso bem raro no mundo dos jornalistas, porque eu tenho umas 15 matérias quase prontas na minha cabeça. Entrevistas feitas, linha de raciocinio montada, pesquisa OK (e importante, muitos prazos correndo). Só não tenho tempo de sentar na frente do computador e fazer o primordial na minha profissão, que é simplesmente escrever hahahahahahaha. Eu sou basicamente uma jornalista que nao escreve!!! E isso é tipo...o essencial na minha profissão?? E o meu diferencial tambem??? Pq se a pessoa me contrata pra escrever é pq gosta do meu texto hahahaha....nao adianta eu passar pra um freela.

Tem certos dias que eu me sinto meio "secretária de luxo", porque eu lido com contratos, propostas, orçamentos, projetos, reuniões, atas, ou seja, tudo nessa vida, menos as reportagens, que deveriam ser minha matéria prima. Lógico que eu deixei de lado muitas ilusões "cor de rosa" do início da minha carreira (eu hoje compreendo e aceito sinceramente que não vou ganhar um Pulitzer hahahahaha), mas é simplesmente uma vergonha eu ter tantas matérias esperando na minha cabeça, na fila pra irem pro Word e posteriormente para as paginas de uma revista ou para o website.

Essa jornalista que vos escreve está num momento pessoal e profissional muito conflituoso, porque agora começa aquela época do ano em que tenho que abdicar da minha vida em prol de um ideal, em prol de um evento no qual acredito MUITO (se nao acreditasse nao faria essa escolha). Então pra isso, abro mão de muitas coisas por uns 3, 4 meses da minha vida todos os anos. E sei lá, ando meio cansada, não porque eu espero reconhecimento, mas porque eu acho que deveria ter outras prioridades de vez em quando (como por exemplo...escrever hahaha).

De qualquer maneira, o ritmo começa a acelerar agora, faltando 3 meses. Entao sao 3 meses de foco total no objetivo final. Mesmo assim, fiz matricula na academia de ginastica que tem aqui do lado do escritorio porque quando estiver muito estressada, vou lá na academia descontar as minhas preocupações na malhação. É a primeira vez que me matriculo numa academia de ginastica (inspirada no exemplo da Lidi), vamos ver se dá certo. Depois eu conto!! Vou me esforçar pra escrever as materias faltantes. Bjs.

quinta-feira, abril 19, 2012

Probleminhas e problemoes

Hoje veio parar um problema na minha mão que nao é probleminha, é um "problemão". Eu costumo dizer que a gente vai crescendo (como pessoa, como profissional, como lider) na medida em que os problemas que a gente resolve vão crescendo também. Eu resolvo problemas bem dificeis, acho que por ser uma pessoa cordata (olha que palavra hein!!), sensata, empática, inteligente, ponderada. E virginiana.

Nao adianta, a minha missão no mundo é colocar as coisas no lugar. Aparentemente, as demais pessoas que convivem comigo também percebem isso, porque me trazem problemas de todo tipo para resolver. Coisas que um jornalista teoricamente não precisaria se preocupar, mas enquanto coordenadora, nao adianta, tudo que está na area cinza, aquela área meio indefinida, vem parar na minha mesa. Os casos mais dificeis também.

Ainda bem que eu tenho bastante experiencia nessa área de resolução de conflitos, que resolvo desde os tempos de seinen. Quando a gente enfrenta dragões, nao se assusta com lagartixa. E eu sou muito bem resolvida com relação a tudo isso. As pessoas precisam se entender da melhor forma, cada um com respeito, transparencia, lealdade. Isso é básico, isso é viver em sociedade. Nao é dificil caramba!!

Se for parar pra pensar, o probleminha que tenho que resolver é muito engraçado, porque em resumo, são pessoas adultas se comportando como criancinhas de jardim de infância. hahahaha...entao a "tia Erika" vai ter que colocar ordem no recreio. E ontem um cara veio me falar do tempo de Seinen pq ele me conheceu na época em que eu estava começando no meu trabalho voluntario (eu nao lembrava dele pra ser sincera). Ai ai ai...que deprê - como o tempo passa (e as pessoas NAO mudam hahahaha). Bjs.

quarta-feira, abril 18, 2012

Almoço no Bento-yá

Hoje fomos almoçar no Bento-yá, que é um...lugar que vende bentôs...hahaha...abriu faz pouco tempo e fica na Liberdade, na rua Galvão Bueno, do lado da escola Episcopal, numa loja bem simples. Ah, e bentôs são as refeições japonesas, pra quem nao sabe. Aqui na Liberdade é dificil arranjar lugares bons pra comer sem gastar muito, principalmente mais perto do Bunkyo (na avenida Liberdade tem outras opções mas fica longe pra mim).

O bentô da loja é bem gostoso e tem tempero caseiro, eu pedi de mabo nassu (beringela com molho apimentado e carne moida) e veio também muito gohan quentinho, saladinha e tsukemono. Um pratão por R$ 12. Bem gostoso!! Mais o ice tea, ficou em R$ 15. Um almoço baratinho e muito bom!!

Ah, importante citar que eles nao aceitam cartão (*agora aceitam!!) e fazem entregas (mas estavam sem cartao de visitas, entao nao temos o telefone). Daqui a pouco nao vai mais dar tempo de sair pra almoçar, entao precisamos de alguns telefones de lugares que fazem delivery!! hahahaha...Bjs.

terça-feira, abril 17, 2012

Mais respeito com os velhinhos

Puxa vida, deixar um velhinho de mais de 80 anos, que passou por cirurgia cardiaca, esperando por mais de meia hora pra uma reuniao é sacanagem!! E ele é super bonzinho, esforçado, humilde e atencioso...eu já nao sabia mais o que fazer para entretê-lo e ajudá-lo. Entao ele ficou cochilando um pouco encostado na mesinha aqui do escritorio. Tadinho.

As outras pessoas que estavam em reuniao eram jovens (hahaha comparando com o velhinho), entao sinceramente, poderiam ter esperado uns minutinhos, liberado o velhinho e continuado a reuniao tranquilamente. Era o mínimo que se pode esperar da boa educação que a gente recebe em casa. Que falta de bom senso!!

Nao adianta, a minha terapeuta (sim estou fazendo terapia hahaha) me disse pra parar de ajudar tanto as pessoas, mas nao tenho como me segurar, faz parte da minha personalidade, até porque é o meu jeito de viver / existir / ser. Eu gosto de ajudar as pessoas a se sentirem queridas, incentivadas, capazes. Essa é a minha missão no mundo, ajudar quem eu puder da maneira que eu puder. Hoje infelizmente, tive que ajudar o velhinho, mas o ideal é que os mais jovens tivessem respeito!! Bjs.


domingo, abril 15, 2012

Akimatsuri - uma visita

Divulgação
Sexta fomos para o Akimatsuri em Mogi das Cruzes. Sexta-feira 13, ou seja, dia de muito transito e muita chuva. Demoramos bsatante pra chegar, deu até medo porque a chuva estava forte demais!!

Chegando lá, lama no sapato, poças d´agua, aquela coisa fofa e super animadora. Mas precisamos trabalhar, entao melhor trabalhar com um sorriso no rosto, nao é?? A decoração estava bem legal e caprichada!!

E como trabalhar sem fazer um lanchinho antes?? O hot dog estava com um cheiro estranho, o refri demorou e os churros estavam frios porque o ponto do carrinho estava sem luz. Ainda descobri que minha câmera estava sem bateria, ou seja, nao deu pra tirar fotos. hihihihi...dia perfeito.

Entretanto, no final do dia, o Udon salvou completamente as nossas existências numa noite fria. Um udon maravilhoso, delicioso, que valeu muito a pena (tanto que trouxe 2 pra viagem)!! Tambem comprei brinquinhos lindos de aço cirurgico e voltamos serelepes para SP. Deu medo tambem o caminho de volta (muita escuridao saindo do local do evento até voltar à avenida principal, dando a impressão de falta de segurança). Tudo isso fica como aprendizado para os proximos eventos: nao ficar até de noite!! Bjs.