Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2013

Você consegue encontrar um erro?

Tem uma coisa muito engraçada (e meio hipócrita) na profissão de jornalista. A gente gosta de encontrar erros nas coisas que fazemos! Muitas vezes não enxergamos o lado bom do nosso trabalho, não temos orgulho dos nossos proprios resultados! Somos seres meio patéticos na verdade.

Quando chega uma revista da gráfica, por exemplo, a primeira coisa que a gente faz é ver na capa se tem algum erro. Depois você olha a página da sua matéria (para ver se teve algum erro seu) e depois checa as paginas dos colegas (para apontar o erro dos outros). Porque sempre tem algum errinho na revisão. Fato: é muito dificil que uma edição de revista ou jornal saia 100% perfeita. Então às vezes ficava buscando erros, ao invés de acertos. Fala sério, isso nao é um sentimento complicado de autossabotagem?

Eu mesma fui vitima dessa complexo de autoperseguição por anos e anos. Hoje aconteceu uma coisa engraçada. Depois de muito trabalho, consegui (mais) um milagre e o material do evento chegou justinho no horá…

Uma sempai perdida no meio dos kohais

Esse ano, pela primeira vez em muitos anos, fui na Revi. Feriado, dia bonito, curiosidade, porque nao? Acho que faz uns 10 anos que nao participava do evento! Revi é o Fórum Nacional de Jovens Lideres das Entidades Nikkeis. Na época em que o evento foi criado, e que eu participava (haha) chamávamos de Revitalização, mas os conceitos de marketing abreviaram o nome...

Fui com o K e o D de carona, nos perdemos muito, dando risada o caminho todo e inclusive fizemos uma promessa pro ano que vem, que vou me esforçar pra cumprir (viu meninos...hahahaha...vamos ver se dá certo o nosso projeto!). Chegamos para o almoço, quase na hora do café da tarde e ficamos para o jantar.


Primeira emoção, rever o Kokushikan depois de tanto tempo, para um evento do Seinen. Fui para outros eventos, mas nao é a mesma coisa. Segunda emoção, poder entrar no ginásio de tênis (ooooooooooowwww) porque a gente nao podia entrar de sapato, precisava usar aqueles chinelinhos descascados e velhos que ficavam na sapatei…

Um mundo de ilusões e aparências estéreis

No fim deu tudo certo e consegui chegar na reuniao as 8 da matina. Peguei taxi com o taxista mais bem humorado do mundo. A reuniao foi bacana, tudo certo. E terminou com perguntas sobre a familia imperial japonesa (hahaha, nem todos passariam nesse teste). Talvez eu tenha um dia meio aborrecido e sonolento pela frente, mas com certeza, será muito produtivo!

Assisti "Blue Jasmine" esses dias. É um retrato bem cruel da falencia da elite norte-americana. Um dialogo acido sobre as aparências na sociedade. A Jasmine é uma falida, foi casada com um cara que aplicou golpe em meio mundo, mas bancava uma vida milionária ilusória para a esposa. Derrotada, surtada, meio alcoólatra, egocêntrica e egoísta, a Jasmine vai parar de favor na casa da irmã, a Ginger, que aliás ela sempre ignorou enquanto era rica, porque a irmã nao é uma pessoa chique, culta, sofisticada (e falsa) como as amigas (peruas e traíras) dela.

A ex-milionária vive em um estado de autoilusão que dá pena. Ela prefere …

Quer me ver (muito) mal humorada?

É simples, me acorde cedo. Eu o-de-io acordar cedo. Simplesmente odeio, odeio, odeio! E amanhã tenho uma reuniao às 08h00 com o cliente. Me desculpe quem acorda cedo, mas eu geralmente acordo nesse horário. hahaha...ou mais tarde, tipo 08h20, ou bem mais tarde, tipo 09h00.

Que me desculpem os meus amigos que moram na Zona Leste de São Paulo, mas a minha reuniao é no fim do mundo, na Penha! Eu adoro voces, queridos amigos que moram na ZL, mas sinceramente, acordar as 06h00 pra estar linda, cativante e radiante na reuniao com o cliente às oito da matina, será praticamente impossivel. Tenho pena do cliente que terá que lidar comigo. E de mim que terei que me esforçar em triplo...=P

Tente me compreender. Eu moro na Liberdade, trabalho na Liberdade, a minha vida é aqui, entao eu admito: sou uma pessoa muito mal acostumada. O meu escritorio fica a 15 metros da minha casa. Bunkyo a cinco minutos. Eu sei, sou afortunada. Eu também sei que devia acordar mais cedo no meu dia-a-dia (quem sabe a…

Idas e vindas do amor

Esses dias meu amigo me perguntou: "Erika, e aquele engenheiro que voce estava saindo?". Para quem nao sabe, a minha vida amorosa e sentimental é muito agitada e sempre cheia de novidades, sendo assim, confesso que tive que fazer um certo esforço mental para identificar o indivíduo ao qual meu querido amigo se referia. E ainda fiquei em duvida. Portanto, desconversei o mais elegantemente possivel! ^.^

"Engenheiro" acaba sendo um termo meio vago pra mim, porque 80% dos caras com quem saío são engenheiros. Creio que busco no meu complemento romantico aquilo que eu infelizmente não possuo, que é o senso matemático, a lógica cartesiana, a mente racional...hahaha...
Brincadeiras à parte, eu descobri que tinha (muitas) crenças limitadoras sobre o amor, profundamente enraizadas na minha mente. Elas foram embora depois de muita reflexão. Agora eu sei que mereço amar e ser (muito) amada e também sei o que busco para minha vida: liberdade, desapego, felicidade. Descobri também…

O show mais maravilhoso de todos!

Eu já contei que sou super fã do Begin? Sei que é dificil de acreditar, já que só falo de kpop ultimamente, mas eu amo muito o Begin. Alias, eu amo Okinawa em geral! 

Então, imagina a cena: Anhembi, pessoal do taiko tocando "Shimanchu nu Takara" junto com o Begin. Eu na primeira fila, com ingresso orgulhosamente comprado em agosto. Sentir a vibração do taiko, a alegria do publico, a energia dos musicos, tudo isso junto...foi lindo demais, lagrimas de felicidade, chorei muito de emoção!!
Aquela semana foi maravilhosa e magica. Para quem me conhece, sabe que nao gosto de ostentar privilégios, ou ter tratamento diferente dos outros. Mas eu recebi uma oportunidade incrível de acompanhar um show secreto do Begin. Fui la e fiquei olhando meus ídolos de perto, tirei foto com eles e acompanhei a jam session com o pessoal do Bandolim Elétrico. Fora do pessoal da produção do show, só tinha a gente (eu e Y). Fala serio, parecia um sonho!
E quando chegou o dia do show de verdade, na sexta,…

Cinema por R$ 4. Juro!

Estava com tempo livre até o meu vôo, entao fui passear no shopping Iguatemi em Fortaleza, e dei uma olhada no cinema. Fila, muita fila. Porque será? Fui ver o preço. R$ 8. No meu cartao, paguei meia. Entao investi a bagatela de R$ 4 para assistir a obra-prima do Sylvester Stallone e do Arnold Schwarzenegger, "Rota de Fuga".

O filme é bobo, muito raso, infantil. É a historia do Ray Breslin (Stallone), especialista em fugir de prisões (contratado  pelo governo para descobrir brechas de segurança nas instalações), e do guarda-costas Emil Rottmayer (Arnold).

Eles estão numa prisão super high tech, teoricamente inescapável, inatingivel e indetectável. Daí o Stallone consegue obstruir câmeras com pãozinho, faz bolinhas de papel higienico, detona parafusos com uma plaquinha de metal e...adivinha o final?? hahahaha!! Não precisa nem dizer né??

Tem umas cenas muito engraçadas dos dois juntos, além do Arnold surtando na solitária, falando em alemao. E a barbinha dele? E o que dizer …

Fazer o bem, nao importa pra quem!

O Homem Sagrado não tem coração  Toma o povo como seu coração Com os bons faço o bem Com os que não são bons faço o bem também  Adquirindo o bem Com os sinceros sou sincero Com os que não são sinceros sou sincero também  Adquirindo a sinceridade O Homem Sagrado sob o céu Age cautelosamente fundindo os corações do mundo  O povo todo com olhos e ouvidos atentos O Homem Sagrado os trata como crianças (Tao te Ching)
Esses dias uma pessoa me falou assim: "Erika, que legal que voce está fazendo isso pelos outros, continua assim, porque a maioria das pessoas nao pensa dessa maneira". Eu vou continuar (mesmo que dê muito trabalho), achei super legal o elogio, pelo lado do incentivo. Entretanto, observando o mundo, constato que muita gente pensa mesmo em fazer o mal, prejudicar, ou no minimo, nao ajudar os outros. Que mundo é esse, afinal?
Eu procuro fazer sempre o bem, ajudar os outros no que eu posso, apoiar quando pedem a minha ajuda, e nao prejudicar ninguem. Na verdade, se eu fosse uma pes…

Porque o importante é se conhecer

Quem conhece os homens é inteligente  Quem conhece a si mesmo é iluminado  Vencer os homens é ter força Quem vence a si mesmo é forte Quem sabe contentar-se é rico Agir fortemente é ter vontade Quem não perde a sua residência, perdura  Quem morre mas não perece, eterniza-se (Tao te Ching)
Eu confesso: sou uma workaholic em franca recuperação, mas conheço casos (muito) piores. Dai perguntei pra pessoa: porque trabalhar tanto? Vai tirar férias com a sua família, vai aproveitar a vida, pega o carro e vai pra praia, porque o tempo é o que temos de mais valioso, dinheiro nao é moeda de troca na vida, porque cada segundo que passa não volta mais! Mas essa referida pessoa tem (muito) mais força de vontade que eu, entao continua trabalhando loucamente. Eu admiro, mas não quero mais isso pra mim! A minha vida já foi 90% trabalho. Hoje, não mais!
Se bem que hoje é domingo, meia noite, e estou aqui trabalhando. Entao, quem sou eu para falar dos outros? De qualquer maneira, hoje eu tenho certeza absoluta…

Relatos de uma viajante (in)constante

Deliciosamente instalada num sofá macio e gostoso, comecei a escrever esse post as 5:40 de uma manha fria, no novo Starbucks do aeroporto de Guarulhos. Enquanto aguardo meu embarque, agradeço a todos os maravilhosos seres humanos que possibilitaram a inauguração do Starbucks no terminal "2", porque dessa maneira, as minhas madrugadas insones e noites frias de trabalho não serão mais tão vazias. Agora terei sempre chai latte e muffin de blueberry no aeroporto, 24 horas, ou seja, eu amo demais! Hahaha...:)
Hoje cheguei pra fazer check in na Avianca as 5:20 da manha. Detalhe, o balcão fica do lado de fora do aeroporto. Complementação: estava (muito) frio e escuro. Adendo: muito de repente, uma tiazinha maluca resolveu comecar o nosso lindo dia gritando com o pobre atendente da companhia aérea. Poxa, cadê o amor no coracaozinho das pessoas? Fiz meu check in e saí de lá correndo, para procurar meu querido Starbucks recem inaugurado (em setembro). Comecei meu dia feliz tomando um…

Coisas que você nao sabe sobre mim...

Inspirada no blog do Fred Mattos (que acompanho sempre), vou postar algumas curiosidades sobre mim, que pouca gente conhece ou sabe.

Talvez nem mesmo as pessoas que convivem comigo saibam todos os itens. Na verdade esse post nao tem nada interessante e importante. É mais para mostrar que eu sou uma pessoa real, com muitos defeitos e qualidades. Nao sou uma princesinha perfeita (já quis ser). Hoje sou eu, simplesmente eu mesma. Eu me amo e me aceito como eu sou! ^.^

01) amo Hello Kitty (essa é facil!) ;)
02) tenho um talento natural para escrever (muito) bem
03) sou feliz em todos os campos da minha vida
04) não gosto de gente que inventa desculpas ou coloca culpa nos outros
05) odeio muito: samba, pagode, axé, funk, sertanejo
06) hoje me acho linda, mais do que em qualquer época
07) já chorei depois de reunioes (detalhe, o trabalho era voluntario!)
08) aprendi que o mundo não está sob meu controle (e parei de chorar!)
09) vivo o presente, não o futuro ou passado
10) assisto videos de…